Curaçá: Após reclamações, nova gestão diz que vai pagar salários atrasados de funcionários efetivos e estáveis

Em Curaçá, no norte da Bahia, os funcionários efetivos e estáveis da Prefeitura ainda não receberam os salários do mês de dezembro passado. A reclamação é grande, mas a nova gestão informou, por meio de nota, que está tomando as medidas cabíveis para realizar o pagamento. Na mesma nota, a prefeitura acusa a gestão passada de ter dificultado a transição e não ter repassado os documentos necessários.

Acompanhe:

A Prefeitura Municipal de Curaçá, informa aos funcionários efetivos e estáveis, que o pagamento dos salários referente ao mês de dezembro/2016 ainda não foi efetuado porque a Gestão anterior além de não cumprir o seu dever e pagar os funcionários, também não repassou as informações com relação ao Relatório de Restos a pagar, tentando tumultuar o processo de transição.

 Estamos tomando as medidas necessárias para resolução do problema, em respeito aos servidores atingidos.

Ascom/PMC

Servidores municipais do Cedro reivindicam salários atrasados de dezembro, mas atual prefeito não dá previsão

Mais um município pernambucano está às voltas com atraso nos vencimentos dos servidores. No Cedro (PE), Sertão Central, a reclamação da categoria é com os salários de dezembro do ano passado, que ainda não foram pagos.

O ex-prefeito Neguinho de Zé Arlindo assegurou ter deixado os recursos da repatriação para o pagamento dos servidores, chegando inclusive a divulgar a informação em grupos de WhatsApp (foto).

No entanto, o atual gestor Antonio Leite disse, em recente entrevista a uma emissora de rádio local, que a prioridade é pagar os salários dos servidores de janeiro deste ano. Ele também não deu previsão de quando quitará a folha herdada do seu antecessor.

“A intenção é pagar, e se Deus quiser vamos pagar. Mas não temos um prazo definido. No momento vamos priorizar o pagamento da folha de janeiro e negociar o de dezembro. Analisaremos depois nosso saldo, nossos limites, para que possamos dar respostas mais concretas para os servidores”, declarou.

Giro de notícias

Mais lixo removido em Petrolina 

A manhã de ontem (12) foi de mais trabalho para as equipes de limpeza da secretaria de Desenvolvimento Urbano e sustentabilidade de Petrolina. Lixo, entulho, restos de poda e outros materiais que estavam acumulados na Rua Cabo Maurivam, na Areia Branca, zona leste da cidade, foram retirados do local. A demanda já havia sido reivindicada, inclusive, por comunitários através deste Blog. O que chama a atenção é que no local havia uma caixa coletora de resíduos colocada pela gestão passada para atender quem trabalha na feira livre do bairro, mesmo a rua estando entre a Escola Estadual Otacílio Nunes e uma unidade de saúde. O secretário de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade de Petrolina, Eduardo Carvalho, demonstrou preocupação diante do problema causado. “É inadmissível colocar uma caixa de coleta de lixo ao lado de um posto de saúde e uma escola, e ainda não fazer a limpeza frequente do local. Muito além de um problema de limpeza, é uma questão de saúde pública“, criticou. Depois da limpeza, a caixa de coleta foi retirada do local e será colocada num outro ponto, adequado, nas proximidades da feira livre da Areia Branca. (foto/Ascom divulgação) (mais…)

APLB/Sindicato de Juazeiro manifesta-se sobre atraso em pagamento de abono de férias dos trabalhadores da educação

Em nota, a direção da APLB/Sindicato de Juazeiro (BA) manifestou-se sobre o atraso no pagamento do abono de férias dos trabalhadores da rede municipal de Educação, referente  ao período  de 2016.

Acompanhe:

A APLB-Sindicato, delegacia do Baixo e Médio São Francisco, vem a público se posicionar a respeito do atraso no pagamento do abono de férias da Educação na rede municipal, correspondente ao período aquisitivo de 2016.

Cumprindo o seu papel de órgão fiscalizador, prezando pela garantia dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras em Educação da Rede Pública Municipal de Juazeiro-BA, ainda de acordo com o que lhe compete, pautados no que rege a legislação em vigor, a APLB informa:

Assim que a informação de que o pagamento do abono férias da Educação da rede municipal teria sua data ampliada para o dia 20, e não dia 10, como todos estavam aguardando, procuramos a Secretaria de Educação para que justificasse tal mudança, visto que a notícia pegou a todos de surpresa, provocando um enorme transtorno na vida do servidor.     

Fomos atendidos pela secretária de Educação e sua equipe financeira nesta terça, dia 11/01, às 9h, no seu gabinete, que justificou a falta de recursos suficientes para honrar o pagamento do abono no dia 10/01, por conta dos compromissos legais na mudança de um governo para o outro, onde não poderia deixar restos a pagar, mesmo que, em tese, esse governo não tenha sofrido descontinuidade. Um outro fator que vem atrapalhando a vida financeira da Seduc, segundo a secretária Lucinete,  é o fato de que o banco ainda não liberou a senha de acesso e as autorizações de autógrafos para movimentar as contas da secretaria.

A APLB/Sindicato esclarece que todos os servidores da Educação recebem o equivalente a 50% de abono de férias. Todos devem lembrar que essa foi uma conquista nossa, benefício (valorização) que só tem em nosso município, enquanto que nos demais Municípios é pago apenas um terço (1/3) de férias. Somos contra e não aceitamos qualquer tipo de atraso de pagamento de folha de servidor, inclusive a forma que vem sendo repassado o abono férias no nosso município. O abono férias é um direito do trabalhador garantido em Lei. Defendemos que o abono deva ser pago junto com o último salário do ano, no caso o salário de dezembro.

Diante da nossa reivindicação, a nova secretária, Professora Lucinete e sua equipe, abriram o compromisso de atender o pleito da APLB, que foi o seguinte: a partir de agora, incluir o pagamento do abono férias no calendário de pagamento anual da Secretaria, que será divulgado em breve, como também o compromisso de cumprir o reajuste do piso nacional assim que seja divulgado, como sempre aconteceu nos últimos 8 anos.

A Direção

Dormentes: Servidores da Educação cobram pagamento de salário de dezembro e outros benefícios trabalhistas

Em Dormentes (PE), Sertão do São Francisco, os servidores municipais da Educação amargam o atraso no pagamento do salário de dezembro, décimo terceiro e terço de férias. O ex-prefeito Roniere Reis deixou a administração saiu sem efetuar o pagamento, apesar de, no mês passado, os recursos do Fundeb e da repatriação terem entrado na conta da prefeitura para a folha.

A gestão atual do prefeito Geomarco Coelho (PSB), segundo informações, até o momento não fez nenhum pronunciamento de quando irá quitar essa pendência com os servidores efetivos da Educação – que por sua vez cobram explicações e o recebimento dos salários, uma vez que os municípios irão receber também o repasse do FPM que poderia ser usado para sanar o problema. Com a palavra, a prefeitura.

Servidores da Saúde de Petrolina receberão salários atrasados até esta quinta

A Secretaria de Saúde de Petrolina anunciou nesta segunda-feira (9), que os salários dos servidores da pasta, atrasados desde dezembro, serão pagos até quinta-feira (12).

Conforme a nota, só os médicos não receberão agora. A pasta aguarda a chegada de novas receitas nos cofres municipais para quitar o atraso dos médicos até final do mês.

 

Araripina: Raimundo Pimentel apresenta ao sindicato dos servidores ‘herança’ de débitos deixados por antecessor

A situação financeira de Araripina, no Sertão do Araripe, fez o prefeito Raimundo Pimentel (PSL) tratar do assunto com o Sindicatos dos Servidores do Município (Sima). O encontro ocorreu nesta terça-feira (3), no gabinete do prefeito, que reiterou junto aos representantes da entidade, a ‘herança maldita’ da gestão anterior.

Os débitos já levantados pela equipe das finanças do governo contabilizaram folhas de pagamento de servidores efetivos em atraso, principalmente os da educação, e ainda pendências com o fundo de aposentadoria municipal, o ArariPrev. Com este cenário desastroso, o prefeito de Araripina afirmou ter iniciado um planejamento financeiro para colocar, o quanto antes, as contas municipais em dia.

“Vamos sanar os atrasos e garantir que os compromissos assumidos a partir de janeiro deste ano sejam devidamente honrados dentro do prazo legal”, assegurou Raimundo Pimentel. O prefeito anunciou ainda que fará um recadastramento dos servidores e um levantamento da infraestrutura das escolas municipais. Pimentel anunciou também que pretende destravar o Plano de Cargos e Carreiras e os recursos para a conclusão das escolas nucleadas. O Estatuto do Servidor também foi alvo da reunião.

Peço o apoio do Sindicato para dizer aos nossos servidores que estamos empenhando todos os esforços para organizar o funcionamento da máquina pública. O nosso compromisso é de dar total transparência aos dados e informações. O Sindicato precisa ter conhecimento das nossas ações”, concluiu. (Foto: Assessoria PMA/divulgação)

Servidores e motoristas de transporte escolar de Petrolina entram na fila de queixas contra atraso de salários

Servidores municipais e motoristas que prestam serviço de transporte escolar, em Petrolina denunciaram o atraso de salários por parte da administração municipal. Em contato com o Blog, representantes dos funcionário cobram esclarecimentos sobre a demora em quitar os débitos.

Num desabafo enviado ao Blog, uma servidora – que preferiu não ser identificada – disse que o atraso gerou constrangimentos à sua família que passou o natal sem direito à tradicional ceia.

“Não pudemos fazer uma ceia de Natal, pois o pagamento de dezembro, que na tabela consta para o dia 23, não foi pago ainda. Uma falta de respeito com os servidores do município. Já somos ameaçados o tempo todo, sofremos assédio moral por parte da gestão municipal e por parte de alguns diretores que nos ameaçam, humilham e nos enchem de serviço. Ainda somos submetidos a ficar o mês de dezembro sem dinheiro. Trabalhamos com carga horária excedente, sem o piso equivalente ao nacional e sem o 1/3 de reserva de carga horária, o que nos é garantido por lei e é constitucional”, lamentou.

A situação dos motoristas do transporte escolar não é diferente. Segundo reclamações, os constrangimentos da categoria são ainda piores, uma vez que, a categoria ainda aguarda pagamento de salários do ano de 2014. Um dos motoristas informa que os 144 trabalhadores até agora aguardam seus pagamentos referentes aos meses de dezembro de 2014, e setembro e novembro de 2015. Os motoristas também reclamam do descaso da administração municipal, que segundo eles, não tem dado respostas sobre o problema.

Resposta

Sobre a reclamação dos servidores, a assessoria de comunicação da prefeitura esclareceu que o pagamento não está em atraso, já que a administração tem até o próximo dia 30 de dezembro para fazer o pagamento. Já sobre a denúncia dos motoristas de transporte escolar, a assessoria informou estar apurando as denúncias.

Reforma da previdência afetará 70% dos que estão na ativa

fila_inssAs mudanças propostas pelo governo nas normas para concessão de benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), afetarão de forma radical a vida de sete em cada 10 brasileiros. Os números levam em conta as 141,3 milhões  de pessoas em idade ativa no país, conforme dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios de 2015. Desse total, os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que 101,4 milhões de cidadãos não se enquadram nas regras de transição propostas pelo Executivo e que serão analisadas pelo Congresso Nacional a partir do próximo ano.

(mais…)

Greve no IF Sertão-PE em Ouricuri é encerrada e atividades serão retomadas nesta terça

Os servidores do campus Ouricuri do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão de Pernambuco (IF Sertão-PE) encerraram a greve na instituição. Eles seguiam as reivindicações da categoria em nível nacional, principalmente em favor de melhorias na educação. As atividades estavam paralisadas há quase 20 dias.

A assessoria do Campus não informou como se deu as negociações, apenas disse que “houve uma votação”. Desta forma as atividades no campus retornarão ao normal nesta terça-feira (20).

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br