Vazamento há mais de 24 horas desperdiça água potável no Bairro Dom Avelar, dizem moradores

Moradores do Bairro Dom Avelar, na zona norte de Petrolina, não disfarçam a revolta por causa de um vazamento na rede da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), localizada na travessa com a Avenida da Esperança.

Segundo relatos enviados por meio do WhatsApp do Blog, há mais de 24 horas a água potável é desperdiçada a olhos vistos. Os comunitários pedem, o mais breve possível, uma providência da Compesa.

Água barrenta da Compesa revolta morador da Cohab Massangano

A água de aparência barrenta voltou a ser alvo de críticas em Petrolina. Revoltado, o comunitário Armando Henrique Bortolini, que reside na Cohab Massangano, zona oeste da cidade, cobrou uma solução urgente por parte da Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento), uma vez que ele afirma que o problema já persiste há dois dias.

Confiram:

Veja a foto da água que está chegando às torneiras das residências na Cohab Massangano, há mais de dois dias. É o descaso, que vai ficar impune como tudo nesse país?

Essa amostra foi colhida hoje, 09/06/2017, por volta das 7h. Quem vai pagar para fazer a limpeza das caixas d’água, depois dessa lama que a Compesa “forneceu” aos moradores? E a troca dos filtros de purificadores, bebedouros etc?

Para se ter uma ideia, tenho um purificador que depois desse evento terei que substituir o filtro cinco meses antes do programado. Quem vai pagar essa ‘conta’?

Armando Henrique Bortolini/Comunitário

Agência do BB no Centro de Petrolina encerra atendimento uma hora antes do normal e revolta clientes

Clientes da agência do Banco do Brasil (BB) da Avenida Fernando Goes, no Centro de Petrolina, não conseguiram conter a revolta na tarde de hoje (2), após uma polêmica decisão da gerência em encerrar as atividades ao público uma hora antes do expediente normal.

O atendimento da agência na cidade, que normalmente vai das 11h às 16h, hoje ficou apenas até às 15h. Quem estava na fila não se conteve e soltou o verbo contra a gerência.

Além do tempo perdido, muitos clientes com contas a vencer terão de pagar com juros, uma vez que expediente bancário, agora, só a partir da próxima semana. A gerência, por sua vez, alegou que havia ainda muitas pessoas dentro da agência e não tem como pagar hora extra dos funcionários. Ocorre que apenas o Banco Central (BC) tem a prerrogativa de encerrar o expediente antes do horário determinado. Haja bronca.

Serviço da TIM em Santa Maria da Boa Vista tira clientes do sério

Em Santa Maria da Boa Vista, o serviço de telefonia móvel da TIM está revoltando clientes da operadora. O relato foi feito ao Blog por Eustáquio dos Santos Neto.

Ele contou que as interrupções no sinal são frequentes e, desde o último dia 25/05, os clientes da TIM ficaram sem o serviço. A operadora esclareceu sobre o problema, mas a justificativa não convenceu (confira o link Justificativa TIM).

“Quando ligo para a central de atendimento, sou informado que o serviço está normal, gostaria que os vereadores, prefeito e demais autoridades tomem as devidas providências”, desabafou Eustáquio. Haja bronca.

Cano estourado há mais de mês revolta moradores do Ouro Preto

Mais um cano estourado desperdiça água potável e revolta moradores em Petrolina. O fato, agora, acontece no Bairro Ouro Preto, zona oeste da cidade – na travessa entre as Ruas 1 e 2. (mais…)

Desperdício d’água em rua do Bairro Ouro Preto revolta moradores

Moradores do Bairro Ouro Preto, Zona Oeste de Petrolina, andam revoltados com o desperdício de água potável na comunidade. Segundo informações repassadas ao Blog pelo leitor Léo Vinícius, o fato ocorre desde a noite de ontem (15) na Rua Ataulfo Alves (parte alta do bairro). (mais…)

Corte de mandacaru em entrada de cidade do Norte da Bahia gera polêmica

Um dos mais importantes símbolos da caatinga, o mandacaru pode ser encontrado em inúmeras localidades nordestinas. Mas em Macururé, no norte da Bahia, uma polêmica em torno dessa planta vem gerando repercussão na cidade.

Um grande pé de mandacaru, localizado numa praça na entrada da cidade, foi cortado no último final de semana, causando a indignação de muitos moradores, que utilizaram as redes sociais para falar sobre o assunto.

Segundo informações, o mandacaru estava no local há mais de uma década. Os motivos pelos quais a planta foi cortada, no entanto, não foram informados. Segundo informações do site Chorrochó Online, mesmo após apelo de moradores, a prefeitura decidiu cortar o símbolo da região e da bandeira do município. (foto: Chorrochó Online/reprodução)

Aposentados e pensionistas cobram melhor atendimento no Banco do Brasil de Casa Nova

Idosos aposentados do município de Casa Nova, na região Norte da Bahia, estão revoltados com a gerência do Banco do Brasil local, que não tem disponibilizado dinheiro suficiente para  o pagamento das aposentadorias e pensões deles. Segundo relatos, a situação é recorrente nos calendários de pagamento dos benefícios até o começo do mês.

O que mais causa revolta é que muitos vêm da zona rural do município, na esperança de sacar seus benefícios, mas chegam à agência e são obrigados a voltar, sem nada.

Eles dizem que só existe um único caixa eletrônico com equipamento de biometria para atender a todos os beneficiários, o que torna o serviço ainda pior. Todos apelam à gerência do banco para resolver esse transtorno, pelos menos nos períodos de pagamento dos idosos. Com a palavra, os responsáveis pelo BB em Casa Nova.

Escuridão revolta moradores em bairro de Petrolina

A precariedade  no serviço de iluminação na Rua 4 do bairro Rio Claro, zona oeste de Petrolina, está causando revolta entre os moradores do local. Uma comunitária frisa que paga uma taxa alta pelo serviço, e quando precisa não pode contar com o mesmo. Já faz uma semana que a lâmpada do  poste em frente à casa dela está apagada.

A moradora conta que já foram feitas várias ligações solicitando o serviço, e só recebe a resposta que a solicitação vai ser enviada e até agora nada. “Chego à noite já tarde do trabalho e tenho que passar pelo risco de enfrentar a escuridão“, disse.

Para completar, um vizinho dela tem um terreno baldio no qual fica totalmente impossível de enxergar alguma coisa ao se aproximar, o que facilita a ação de marginais. A moradora clama por providências urgentes das autoridades.

Vazamento desperdiça água potável há seis dias em comunidade na zona oeste de Petrolina e revolta moradores

A comunidade do Loteamento Rafael, próximo à Cohab Massangano, zona oeste de Petrolina, não esconde a revolta com um vazamento na tubulação d’água, que há seis dias – segundo informaram ao Blog – vem desperdiçando o precioso líquido.

Por meio do WhatsApp, eles está cobrando providências imediatas por parte da Compesa, que responde pelo setor de abastecimento e esgotamento sanitário na cidade.

Comunitário revolta-se contra falta d’água na Vila Eulália

O comunitário Danilo Firmino registra sua indignação com a Compesa por conta da falta d’água no Bairro Vila Eulália, zona norte de Petrolina. Ele informou que a comunidade nunca teve, nos últimos cinco meses, água nas torneiras por mais de dois dias consecutivos. E, segundo ele, o problema se complicou nos último dias.

Acompanhem:

Venho através deste expressar minha indignação com o péssimo serviço da Compesa. Moro no Bairro Vila Eulália há cinco meses e não lembro quando tivemos água nas torneiras por mais de dois dias consecutivos. Estamos há quase duas semanas sem água no bairro e nada é feito para que se mude essa realidade.

Ligamos pra Compesa e não nos dão nenhuma justificativa coerente para o problema. Fica aqui registrada minha enorme indignação com essa empresa, que não acrescenta em nada na nossa cidade.

Danilo Firmino/Comunitário

Corte de árvores em praça da Cohab Massangano revolta moradores

Na Cohab Massangano, zona oeste de Petrolina, moradores próximos a uma praça – que, inclusive, tinha sido ‘humanizada’ pela prefeitura, a qual entregou à comunidade a missão de cuidar das árvores no local – depararam-se na manhã de ontem (12) com uma surpresa desagradável. Das cinco árvores, quatro foram cortadas ao tronco. (mais…)

Petrolinenses revoltam-se contra “silêncio” da Celpe em relação a quedas de energia

img-20161213-wa0001O dia de hoje (13) começou amargo para centenas de petrolinenses que receberam suas contas de luz. O motivo é que muitas comunidades estão sofrendo com as constantes quedas de energia. Apesar de tantas reclamações, a Celpe até agora não tem esclarecido ou resolvido os problemas.

A novas vítimas dessa incômoda rotina são os moradores dos Bairros Dom Avelar e Jatobá II. Segundo informações repassadas ao Blog, no Jatobá II a queda de energia foi registrada entre às 3h e 6h desta terça-feira.

Já no Bairro Dom Avelar, o problema, segundo a população, vem ocorrendo todas as noites. O fato tem causado revolta na população. Em contato com o Blog através do WhatsApp, um comunitário desabafou. “ Toda noite a energia continua baixa ou caindo aqui no Dom Avelar. A minha pergunta é: por que a Celpe não fala nada sobre isso, não resolve, mas agora a conta chega?”. A reportagem entrará em contato com a assessoria da Celpe sobre o assunto.

Lixo e entulhos provocam indignação e revolta em moradores do Loteamento Recife

lixo-e-entulhos-loteamento-recife2

Um exemplo claro de falta de conscientização pode ser visto em plena luz do dia no Loteamento Recife, zona norte de Petrolina. Uma montanha de lixo e entulhos num terreno do bairro causa indignação e revolta dos moradores da comunidade.

Segundo informações repassadas ao Blog, a prefeitura mandou limpar o local antes do dia 15 de setembro. Passado pouco mais de um mês, no entanto, o cenário continua o mesmo. Se não houver também a cooperação dos comunitários, fica difícil essa rotina mudar. Lamentável.

PEC 241 e a revolta da comunidade estudantil

paralisação uneb juazeiroA Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 241 está gerando revolta da comunidade estudantil nos quatro cantos do país. No Vale do São Francisco não é diferente. Depois da ocupação da Univasf e do Campus da UPE em Petrolina, estudantes da Uneb em Juazeiro decidiram fazer o mesmo, desde a noite de ontem (18). E estão decididos a deixar as instalações da Uneb somente no próximo dia 24 de outubro – data de votação da PEC.

Em Ouricuri (PE), a direção do IF Sertão-PE decidiu interromper as atividades na manhã de ontem, devido à ocupação do campus pelos estudantes. Em nota, o Instituto informou que a normalização das atividades escolares e administrativas só acontecerá após o campus ser desocupado.

Embora o Governo Temer já tenha dado garantias de que o setor da educação pública não será atingido pela medida, na prática os estudantes acreditam que acontecerá justamente o contrário. (foto/arquivo)

 

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br