No MPPE, pais de Beatriz Mota reclamam de lentidão nas investigações do crime da filha e cobram prisões

Após ida às comissões de Direitos Humanos e de Cidadania da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Lúcia Mota e Sandro Romilton – pais de Beatriz Angélica Mota, 7 anos, assassinada brutalmente em dezembro de 2015 durante uma festa no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora (rede privada de Petrolina) – cobraram do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) mais apoio e agilidade no processo.

“Passado um ano, continua o mesmo mistério, o mesmo sigilo. A gente acha que, pelas informações que nós temos, algumas prisões já podem ser feitas”, disse Sandro Romilton.

O casal foi recebido pelo sub-procurador jurídico do Ministério Público de Pernambuco, Clênio Valência, no final da tarde desta quarta-feira, 24, após um protesto organizado em frente ao órgão, na região central do Recife, que teve a presença dos pais da menina, do grupo que apoia a família de Beatriz e demais familiares da vítima. (Foto: Portal Rádio Jornal-divulgação)

Caso Beatriz: Delegada quer ajuda da imprensa nacional para chegar a suspeito

Sandro Romilton e Lúcia Mota, pais da menina Beatriz Angélica Mota (assassinada em dezembro de 2015 no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, em Petrolina), participaram na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), no Recife, na manhã de hoje (24), de uma sessão conjunta com a Comissão de Cidadania e Direitos Humanos. Proposta pelo deputado Odacy Amorim (PT), a reunião contou com a presença da delegada Gleide Ângelo, responsável pelo caso.

Lúcia pediu para que seja criada uma Comissão com o objetivo de acompanhar o inquérito do Caso Beatriz. Já a delegada falou em ampla divulgação do caso na mídia nacional para chegar ao suspeito. “Pedimos em nome da polícia ajuda para uma campanha nacional, em todos os Estados, nos jornais de abrangência nacional”, falou Gleide.

Está previsto um protesto em frente ao prédio do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), na tarde de hoje.

Disque-Denúncia

O Disque-Denúncia de Pernambuco continua oferecendo R$ 10 mil de recompensa para quem tiver informações sobre a localização do assassino da menina.

Quem tiver informações que possam auxiliar a polícia na identificação do suspeito que aparece nas imagens pode entrar em contato com os investigadores através dos números abaixo: Ouvidoria SDS – 181 WhatsApp – (87) 9 9911-8104 Disque-Denúncia  (81) 3421-9595 (81) 3719-4545. (foto/reprodução Facebook)

Casa de Apoio no Recife é entregue a pacientes do TFD de Ouricuri

Os pacientes do Tratamento Fora Domicílio (TFD) de Ouricuri, sertão do Araripe, ganharam uma nova Casa der Apoio no Recife, capital do estado. A estrutura foi alugada pela Prefeitura Municipal, visando mais segurança e conforto aos pacientes.

Conforme o prefeito Ricardo Ramos, o imóvel irá acomodar melhor quem precisa se deslocar até à capital pernambucana para tratar alguma enfermidade que no município não é possível ser feito.

“Essa nova casa de apoio é mais segura, ampla e arejada com mais quartos e mais banheiros, proporcionando um maior bem estar aos que necessitam de um espaço para fazer tratamentos fora do seu domicílio”, reforçou o prefeito.

Os pacientes do TFD de Ouricuri contam com duas viagens semanais todos mês. Ricardo completa que a nova casa atenderá melhor aos pacientes. (Foto: Ascom)

 

Agricultores de Serra Talhada são internados em hospital do Recife com doença inédita em PE

Três agricultores de Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco, foram encaminhados ao Hospital das Clínicas (HC), na Zona Oeste do Recife, para serem tratados de uma doença infecciosa até então nunca registrada no Estado. Um pai e seus dois filhos foram internados nesta quarta-feira (3) com coccidiomicose, doença fúngica que pode ser facilmente confundida com pneumonia comunitária ou tuberculose pulmonar e que pode ainda atacar tecidos moles, articulações, ossos e meninges.

A doença é causada pelo fungo Coccidioides immitis e é relatada no sul e no oeste dos Estados Unidos (Califórnia, Texas, Utah, Novo México, Arizona e Nevada) e no México. Na década de 1990, foram diagnosticados os primeiros casos no Brasil, sobretudo no Ceará e no Piauí, vizinhos de Pernambuco.

A forma mais comum de contágio é pela inalação do fungo em suspensão no solo seco. Os pacientes internados são agricultores e lidam com o manejo da terra, além de praticarem a caça de tatus. Geralmente, a doença é leve e limitada, exceto em pessoas com comprometimento da imunidade.

O estado de saúde dos pacientes é estável. Eles estão realizando o tratamento com antifúngicos e devem ser acompanhados durante os próximos meses no ambulatório de infectologia do hospital da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), unidade vinculada à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH).

Exame

No HC, a doença foi detectada por meio de exame laboratorial do escarro realizado pelo Departamento de Micologia da UFPE. De acordo com o chefe do Serviço de Doenças Infecto-Parasitárias (DIP) do HC e professor da UFPE, Paulo Sérgio Ramos, os médicos agora ficarão mais atentos a pacientes que vêm da área rural. “A coccidioidomicose é uma doença emergente no nosso estado e devemos ficar atentos e vigilantes quando nos deparamos com pacientes que venham de área rural com quadro clínico semelhantes”, explicou. (Fonte: Folha de PE/foto: Arthur Mota/arquivo)

Artigo do leitor: “Para a imprensa da capital, Santa Cruz é quem jogou ruim”

O professor e ex-diretor do Campus Petrolina da UPE, Moisés Almeida, ainda comemora mais uma façanha do time do Salgueiro, que pela segunda vez em sua pouca história de clube, vai disputar a final do Campeonato Pernambucano. Mas o professor lamentou o que já ouviu e leu da imprensa esportiva da capital Recife, a qual destacou muito mais o “jogo ruim” do Santa Cruz do que os méritos do Carcará do Sertão, na partida do último sábado (22). E decidiu desabafar.

Confiram:

Desde ontem, escutando e lendo a imprensa pernambucana (diga-se de passagem do Recife), me deparo apenas com um argumento: Foi o Santa Cruz que jogou ruim. Saliento que todos os dias escuto a Rádio Jornal do Commercio, pois tem uma filial aqui em Petrolina, e, assisto ao Bom Dia Pernambuco da Rede Globo Nordeste.

Para esses dois meios de comunicação só existem três times em Pernambuco: Santa Cruz, Náutico e Sport. Nas duas emissoras, por exemplo, os repórteres escalados são apenas para cobrir esses três times. A própria Rádio Jornal só tem vinhetas paras os que eles consideram os três grandes pernambucanos.

Não foi a primeira vez que o Salgueiro chegou à final. Mesmo assim, o tratamento não muda. Os louros são, sim, para o Salgueiro. E mesmo que não seja campeão, já provou novamente que Pernambuco tem mais do que três times grandes.

“Carcará,

Mais coragem do que home

Carcará

Pega, mata e come

Carcará é malvado, é valentão

É a águia de lá do meu sertão”. (João do Vale)

Moisés Almeida/Professor e Ex-diretor da UPE Petrolina 

Pacientes do TFD de Parnamirim ganham nova Casa de Apoio no Recife

Pacientes de Parnamirim (PE), Sertão do Araripe, que fazem tratamento fora da cidade, ganharam uma nova estrutura para quando tiverem fazendo tratamento no Recife. O prefeito Tácio Pontes (PSB), promoveu a entrega do equipamento.

“É com sensação de dever cumprido que apresentamos a toda a população de Parnamirim uma das prioridades da nossa gestão, a nova Casa de Apoio aos pacientes que se deslocam de Parnamirim a Recife para tratamentos de saúde”, disse o prefeito.

A casa possui 7 quartos, sala, cozinha, 2 terraços, é  gradeada e fica situada no Bairro de Santo Amaro, em área bem arborizada na capital pernambucana. Além disso, o novo ônibus do Tratamento Fora de Domicílio (TFD), está funcionando desde o mês de janeiro, para levar e trazer os pacientes.

“Tudo isso com o objetivo de melhorar o apoio, dando a cada dia mais humanização e conforto aos pacientes do nosso município”, concluiu Pontes.

Codevasf apresenta ações de saneamento no semiárido em seminário no Recife

A contratação e elaboração de projetos de sistemas de tratamento de esgoto implantados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) em pequenos municípios do Nordeste e Norte de Minas foi tema de palestra proferida pelo diretor de Revitalização de Bacias Hidrográficas da Codevasf, Inaldo Guerra, no Seminário Região Nordeste – Projeto Reúso, que acontece no Recife, na sede da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

“Essa questão da reutilização da água deve ser debatida tanto tecnicamente como conceitualmente porque passa pela mudança na forma de pensar o uso, uma mudança de paradigma. A Codevasf trabalha no nível técnico com grandes contribuições e obras importantes”, explica Guerra.

Em sua apresentação, ele abordou as ações desenvolvidas pela Codevasf na implantação de sistemas de esgotamento sanitário no âmbito do Programa de Revitalização de Bacias Hidrográficas do São Francisco e do Parnaíba, destacando a situação das obras nos estados onde a empresa atua. O chefe do Escritório de Representação da Codevasf em Recife, Marcelo Teixeira, acompanhou os trabalhos.

A Codevasf já investiu cerca de R$ 1,8 bilhão na implantação de sistemas de esgotamento sanitário. Já foram concluídas 103 obras e outras 23 encontram-se em execução. As ações promovem a recuperação e a conservação hidro ambiental da bacia, melhoram as condições sanitárias locais e contribuem para a conservação dos recursos naturais e para eliminação de focos de poluição.

Interáguas

O seminário, que termina nesta sexta-feira (7), visa a apresentar e discutir sobre resultados preliminares das potencialidades de reuso e critérios de qualidade, além de coletar informação específica a cada região, incluindo iniciativas relacionadas ao tema de água de reúso. O projeto foi concebido especificamente para propor um plano de ações voltado à elaboração de uma política de reuso de efluentes sanitários no Brasil.

O evento está inserido no âmbito do Programa de Desenvolvimento do Setor Água (Interáguas), que tem como instituição executora o Ministério das Cidades, por meio da Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental (SNSA/MCidades), em parceria com o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) e financiamento do Banco Mundial. (Foto: Comunicação/Codevasf)

Miguel Coelho afirma que Compesa deverá investir este ano R$ 20 milhões em ações de saneamento em Petrolina

Um dos três entrevistados no final da manhã desta quinta-feira, 30, do Programa Debate, da Rádio Jornal, no Recife, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), afirmou que sua gestão está focada em fazer a cidade recuperar o título de uma das mais saneadas do Brasil. Para isso já acertou com a Compesa, empresa estatal do estado que gerencia os serviços der água e esgoto na maior cidade do sertão pernambucano, investimento de cerca de R$ 20 milhões ou para implantação de saneamento ou recuperação dos sistemas deficitários no município.

“O petrolinense cobra uma melhor gestão da Compesa nessa área. Por isso tive como primeiro ato de governo, um ato com a presença da Compesa para mostrar que nosso foco será fazer Petrolina voltar a ser referência em saneamento. Nós retrocedemos 25% de nossa cobertura que já superou 80% anos atrás, por isso o nosso compromisso é que este ano a Compesa já invista cerca de R$ 20 milhões ou já implantando novas redes ou recuperando equipamentos para oferecer um serviço melhor a nossa cidade”, ressaltou Miguel.

Outro ponto destacado pelo prefeito e que focando o saneamento contribui diretamente para atuar forte no segmento é a revitalização do Rio São Francisco. Miguel contou que já iniciou um programa de georreferenciamento para orientar sobre a ação de recuperação do rio.

“Já iniciamos o trabalho de retiradas das baronesas que é conhecida como planta lixo e seu grau de incidência no rio demonstra como anda a poluição na área. Iremos depois fazer um processo de reoxigenação do São Francisco e após esse trabalho, em parceria com a Codevasf, vamos realizar a colocação de alevinos como parte dessa ação de revitalização”, listou o prefeito de Petrolina.

Além de Miguel Coelho, participaram também do programa apresentado pelo comunicador Geraldo Freire e que debateu o desafio da gestão municipal, os prefeitos de Olinda, Professor Lupércio Nascimento (SD) e de Igarassu, Mário Ricardo (PTB). (Foto: Reprodução Site Rádio Jornal)

Lucas Ramos defende interiorização do Compaz

Na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), o deputado estadual Lucas Ramos (PSB), utilizou a tribuna na sessão plenária desta segunda, 27, para comemorar a chegada de mais um equipamento de promoção da cultura de paz. O Centro Comunitário da Paz Escritor Ariano Suassuna, o Compaz do Cordeiro, foi entregue oficialmente  nesta segunda-feira e já começa a atender aos moradores de 28 bairros da Zona Oeste do Recife.

Lucas participou do ato inaugural ao lado do prefeito do Recife, Geraldo Julio, e do governador de Pernambuco, Paulo Câmara e defendeu a interiorização dos Centros da Paz. “O governador Paulo Câmara demonstrou disposição em levar o exemplo recifense para outras cidades e iremos trabalhar para que tenhamos equipamentos do porte de um Compaz nas regiões que precisam dele”, afirmou Lucas.

Para o deputado, ampliar o campo de atuação dos centros é importante para reforçar as políticas sociais e de segurança em Pernambuco. “O Alto Santa Terezinha comemorou este mês o primeiro ano do seu Centro da Paz e a comunidade já começa a ver resultados, como a redução na criminalidade e o resgate da cidadania”, lembrou Lucas. “Queremos que este exemplo se espalhe pelo Estado”, finalizou.

O governador Paulo Câmara destacou que a entrega da unidade simboliza novas perspectivas para a população do Cordeiro e entorno. “Equipamentos como esse fazem a cidadania, fazem a diferença na vida das pessoas e fazem com que cultura da paz seja expandida. E a gente quer levar estruturas como esta para outras regiões do nosso Estado, porque prevenção parte desses conceitos de educação e cidadania”, salientou. O Compaz oferece à população atividades esportivas, educacionais, culturais e cidadãs.  (Foto: João Bita-Divulgação-Alepe)

 

No Recife, Miguel vai reivindicar a secretários do Estado pacote de ações para Petrolina

Com o objetivo de agilizar a liberação de investimentos para Petrolina, o prefeito Miguel Coelho viaja para o Recife nesta terça-feira (28). O gestor vai participar de uma série de reuniões com secretários do Governo do Estado.

Entre as reivindicações, um pacote de ações para educação, turismo e saúde no município. O gestor ainda vai se reunir com o secretário de Defesa Social, Ângelo Gioia, para debater a participação da Prefeitura na construção de uma política de segurança para Petrolina.

Miguel viaja em seguida para Salvador, na sexta-feira (31), onde participará de um encontro sobre boas práticas na gestão pública. O prefeito retornará a Petrolina no domingo (2/04).

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br