Trabalhadoras rurais do Sertão são beneficiadas por Programa Nacional de Documentação

Até o final deste mês, quatro municípios do Sertão do Pajeú receberão as ações do Programa Nacional de Documentação da Trabalhadora Rural, uma iniciativa voltada para o desenvolvimento de estratégias de inclusão das mulheres que atuam no campo.

Na terça (20) e quarta (21) o ônibus que oferece os serviços esteve no município de Solidão. Nesta quinta (22) e sexta-feira (23)  será a vez de Tabira receber a ação. Já nos dias 27 e 28 as agricultoras de Santa Cruz serem beneficiadas com a iniciativa, e nos dias 29 e 30 o programa chega a Santa Filomena.

As agricultoras são beneficiadas nos mutirões com emissão gratuita da primeira ou segunda via da carteira de identidade, CPF, carteira de trabalho, certidão de nascimento e declaração de aptidão do Pronaf. Este mês os mutirões da documentação irão atender 63 municípios em 17 estados brasileiros.

 

Prefeito de Santa Cruz (PE) assina no Recife termo de adesão ao programa ‘Mais Médicos’

gilvan e mozart/foto divulgaçãoO prefeito de Santa Cruz (PE), Gilvan Sirino, esteve ontem (22) no Recife.

Acompanhado da secretária municipal de Saúde, Cledjane Tavares, ele assinou, na capital pernambucana, o termo de adesão ao programa ‘Mais Médicos’, juntamente com o secretário estadual Mozart Salles (Gestão do Trabalho, Educação e Saúde).

O programa tem como objetivo levar médicos provisoriamente para cidades do interior do País, carentes de profissionais da área.

Governo federal propõe criação de comissão para “aperfeiçoar” programa ‘Mais Médicos’

medico 2O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, anunciou na terça-feira (16) a criação de uma comissão formada por 11 diretores de faculdades federais de medicina e coordenadores de cursos de medicina para “amadurecer” e “aperfeiçoar” a medida provisória enviada pelo governo que institui o programa ‘Mais Médicos’.

A ideia é aumentar o número de médicos atuantes na rede pública de saúde em regiões carentes permitindo a vinda de profissionais estrangeiros ou de brasileiros que se formaram no exterior sem a necessidade de revalidação do diploma.

O programa também cria 11.447 vagas em faculdades de medicina até 2017 e torna obrigatório na grade curricular atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS) por dois anos. A proposta, que tem sido alvo de protestos de médicos e estudantes, tem 120 dias para ser analisada pelo Congresso Nacional, prazo que o governo espera que seja suficiente para a comissão dar opiniões sobre o tema.

A decisão foi anunciada após reunião entre Mercadante, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, reitores, diretores e coordenadores de cursos de medicina, na tarde de ontem, no Ministério da Educação.

SUS

O ministro defendeu um dos pontos mais polêmicos da MP, o segundo ciclo de formação dos estudantes de medicina. Pela proposta do governo, todos os alunos – de instituições públicas ou particulares – terão que trabalhar dois anos no SUS antes de cursarem a residência. Na prática, a duração do curso de medicina passará de seis para oito anos.

Para ele, os dois anos adicionais darão ao estudante uma “visão integral do que é a medicina”, “principalmente na ponta do sistema, que é a atenção básica e a urgência-emergência que é a área mais crítica”. Mercadante lembrou que os alunos inscritos no Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) devem passar oito anos no SUS após a faculdade. (Fonte: G1)

Software de Comunicação Alternativa para deficientes será apresentado em Petrolina

Será lançado na próxima quinta-feira (11), no auditório do Petrolina Palace Hotel, às 19h, um programa de computador que facilita a comunicação para pessoas com deficiência. O software foi desenvolvido pelo analista de sistema, Carlos Edmar, que via a frustração de sua filha, Clara Pereira – a qual teve paralisia cerebral quando nasceu – tentando se comunicar através de um fichário cheio de imagens.

Com ajuda de uma equipe de fonoaudiólogos, fisioterapeutas e profissionais de tecnologia, ele conseguiu desenvolver o Livox (primeiro Software de Comunicação Alternativa para tablets em português do mundo).

O Livox é destinado às pessoas com deficiência de comunicação através da voz, sejam por problemas motores ou cognitivos, atendendo pessoas com patologias como Autismo, Paralisia Cerebral, Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), Esclerose Múltipla, bem como pacientes que passaram por procedimento de Traqueostomia ou sofreram algum tipo de Acidente Vascular Cerebral (AVC) ou Encefálico (AVE).

Município de Salgueiro (PE) renova compromisso com programas voltados à Primeira Infância

Foto marcones sá: Ascom PMSO município de Salgueiro (PE), no Sertão Central, renovou, na última terça-feira (2), o termo de compromisso do programa ‘Criança com Todos os seus Direitos’. A reunião aconteceu no gabinete do prefeito Marcones Sá e contou com a presença da coordenadora de projetos da Fundação Abrinq em Petrolina, Elza Ferraz, e com o coordenador Executivo do Centro Dom Hélder Câmara de Estudos e Ação Social (CENDHEC), Ricardo Oliveira.

Na ocasião também foi confirmada a adesão do município ao programa ‘Prefeito Amigo da Criança’ e discutida a elaboração do Plano Municipal pela Primeira Infância.

Também participaram do encontro a assessora especial do Estado no Programa Mãe Coruja, Cleuza Pereira do Nascimento; as secretárias Eliane Alves ( Desenvolvimento Social) e Fátima Monteiro (Educação), além da diretora de Gestão de Pessoas da Secretaria de Saúde, Socorro Barbosa.

Até 2015, o Programa pretende alcançar 37 municípios do Semiárido Nordestino, beneficiando mais de 50 mil crianças. Segundo informações da assessoria de comunicação da prefeitura, as ações do programa acontecem em Salgueiro desde 2010. Dentro desses três anos de trabalho, segundo Elza Ferraz, o município já elaborou e validou propostas em seminário voltado para o tema da Primeira Infância, no ano de 2012, com participação do poder público e sociedade civil, através do processo de elaboração do Plano Municipal.

Depois das polêmicas, Dilma sanciona lei que amplia o Bolsa-Família

Bolsa FamiliaApós as polêmicas sobre o fim do programa Bolsa-Família, a presidente Dilma Rousseff decidiu sancionar, nesta quinta-feira (6), a lei que amplia o programa. Resultado da aprovação da Medida Provisória 607, a medida eleva para 15 anos a idade limite de crianças e adolescentes que compõem as famílias beneficiárias do programa.

A Lei também garante um complemento em dinheiro para 2,5 milhões de pessoas com renda per capita inferior a R$ 70 – patamar estabelecido para o enquadramento na faixa de extrema pobreza. O texto ainda destaca que os beneficiários com idade a partir de 14 anos poderão ter acesso a programas e cursos de educação e qualificação profissional. (De Agência)

MPBA fará lançamento de programa cobrando saúde e educação de qualidade no novo milênio

ministerio-publico-bahia-mpba(4)O Ministério Público da Bahia (MPBA) realizará em Juazeiro nesta quarta-feira (15), por meio da 5ª Promotoria de Justiça, o lançamento de um programa intitulado “O MP e os Objetivos do Milênio: Saúde e Educação de Qualidade para Todos”.

O encontro acontecerá no auditório Antonio Carlos Magalhães, na Universidade Estadual da Bahia (Uneb), a partir das 15h. Na ocasião o promotor de justiça Sávio Henrique Damasceno, que apresentará experiências acerca do projeto desenvolvido no município de Luís Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia.

 

Conselho tutelar de Belém do São Francisco (PE) recebe denúncias de alunos do Programa ‘Ganhe o Mundo’

dd-620x465Os pais de alguns estudantes beneficiados no programa ‘Ganhe o Mundo’ denunciaram ao Conselho Tutelar de Belém do São Francisco (PE), Sertão do estado, as dificuldades encontradas pelos estudantes. De acordo com o Conselheiro Tutelar, Charles Sá, os estudantes da cidade terão que retornar antes do previsto para participar da seleção do Pré Vestibular da Universidade Federal de Pernambuco (Prevupe), que acontece no próximo dia 26.

Os pais relataram ainda que estão preocupados com a viagem de volta, já que não há garantia de que os jovens serão acompanhados devidamente por um responsável. Após as denúncias, o Conselho Tutelar formulou comunicado oficial ao Presidente Fundador da Associação das Instituições de Ensino Superior do Estado de Pernambuco (Assiespe), Professor Licínio Lustosa.

De acordo com o Conselho, Licínio informou que tomará todas as medidas necessárias para que os estudantes sejam inscritos automaticamente no Prevupe.

Eles deveriam ser matriculados sem a necessidade de seleção, uma vez que ambos os programas são interessantes e essenciais na formação destes jovens e na exteriorização de nossa rica cultura”, disse Licínio.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br