Começam em Petrolina inscrições para 2º Clisertão

Começaram em Petrolina as inscrições para o 2º Congresso Internacional do Livro, Leitura e Literatura do Sertão (Clisertão), que acontecerá de 9 a 12 de maio. Os professores que atuam nas escolas da rede municipal podem se inscrever apresentando suas ações no desenvolvimento da leitura em sala de aula.

De acordo com o coordenador do Clisertão, Genivaldo do Nascimento, o prêmio vai selecionar cinco professores com propostas inovadoras para o fomento da leitura nas escolas da rede. Os docentes vão concorrer a uma premiação total no valor de R$ 5 mil.

Para participar, os interessados devem enviar, até o dia 28 deste mês, uma proposta de ação através de um relato simplificado de experiência para e-mail: clisertaotres@yahoo.com.br. As convocatórias e os editais já foram enviados para as escolas.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Maéve Melo, a premiação é um reconhecimento e um incentivo para os professores. “Nosso foco, nessa gestão, é priorizar a leitura e a alfabetização logo no segundo ano. Essas práticas aplicadas nas escolas vão colaborar para que Petrolina se torne uma cidade leitora”, comentou. A premiação será entregue no dia 10 de maio, na sede da Secretaria, no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho.

Apoio

O Clisertão é uma realização do Governo do Estado, através da Universidade de Pernambuco (UPE), e tem a Secretaria de Educação de Petrolina como principal parceira. Mais de 30 ações irão movimentar a cidade e as escolas da rede municipal e estadual com recitais, oficina de leituras, cordel, conversa com autores e doação de livros. Ao total, 63 escolas da rede e 3.100 alunos receberão as atividades. (fonte: Ascom PMP/foto arquivo divulgação)

Lagoa Grande: Professores das redes pública e privada são incluídos na Campanha de Vacinação contra Gripe

A Secretaria de Saúde de Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, deu início à campanha nacional de vacinação contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circulam no país: A/H1N1; A/H3N2 e influenza B. A novidade deste ano é que foram incluídos também como prioritários os professores da rede pública e privada – além dos profissionais da saúde das duas redes.

No dia 13 de maio (sábado) em todo o Brasil o ‘Dia D’ da Vacinação.

Além dos professores e profissionais da saúde, o público-alvo da campanha continua sendo crianças de 6 meses a quatro anos, 11 meses e 29 dias; gestantes; puérperas (mulheres que estão no período de até 45 dias após o parto); idosos a partir de 60 anos; e em alguns casos, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (independente de idade). O atendimento é das 8h às 14h.

Os trabalhadores da agricultura e do comércio que se enquadram no público-alvo, mas não podem comparecer nos horários, deverão procurar o PSF mais próximo de sua residência no próximo dia 27, das 17h às 21h (como já acontece toda última quinta do mês).

Parceria entre Secretarias de Educação de Juazeiro e Petrolina capacitará professores

A secretária de Educação e Juventude (Seduc) de Juazeiro (BA), Lucinete Alves recebeu em seu gabinete na segunda-feira (3), a secretária de Educação de Petrolina, Maéve Melo e sua assessora, a professora Sônia Passos. Na pauta as secretárias firmaram parcerias com os Projetos de Correção de Fluxo, ‘Se Liga’ e ‘Acelera Brasil’, do Instituto Ayrton Senna, com um novo projeto de Leitura, entre outras ações conjuntas.

A parceria entre as duas cidades é muito importante, principalmente na área de Educação. Vamos disponibilizar os professores da Rede, que hoje são formadores do ‘Se Liga’ e ‘Acelera’ para capacitar os professores da Rede Municipal de Petrolina. Os bons resultados, a motivação dos educadores e alunos contribuíram para que Juazeiro se tornasse vitrine dos programas do Instituto, que fazem parte da política pública de correção de fluxo adotada pelo município“, destacou Lucinete. Ela acrescentou que os profissionais de Recursos Humanos também foram disponibilizados para passar orientações a equipe de Petrolina.

A secretária Maéve apresentou um projeto de Leitura que será trabalhado entre as escolas das duas cidades. “Podemos aprender uns com os outros na socialização das experiências exitosas, e esse é nosso objetivo, firmar parceria com a Seduc de Juazeiro, para juntos melhorar ainda mais a Educação das Redes Municipais de Ensino dos dois municípios“, finalizou a secretária de Petrolina. (foto/divulgação)

Uauá: professores reivindicam reajuste do piso salarial de 7,64% anunciado em janeiro pelo MEC

Depois de uma longa batalha com a gestão passada, referente a reajuste salarial, os professores de Uauá, no norte da Bahia, estão revoltados com a atual gestão. De acordo com a APLB/Sindicato local, o prefeito Lindomar Dantas (PCdoB) não teria promovido o reajuste do Piso Salarial dos Professores, que esse ano o Ministério da Educação (MEC) estipulou em 7,64%. O reajuste aconteceu em janeiro último.

A APLB-Sindicato Núcleo de Uauá, desde quando foi anunciado o reajuste, vem solicitando o cumprimento da Lei. Foi realizada uma reunião com a administração, onde a mesma revelou que estava fazendo um estudo orçamentário e que em Março daria um retorno“, informou o Sindicato, por meio de nota.

Os professores, reunidos em Assembleia, decidiram propor uma data-limite de até o fim da primeira quinzena de Março. “O sindicato informou a administração sobre o tempo e a mesma solicitou do sindicato um estudo da Rede Municipal de Educação realizado pelo técnico Joel Câmara. A documentação foi cedida. Os professores começaram a cobrar o reajuste do Piso Salarial, pois têm medo de que venham perder o valor do reajuste no tempo decorrido da sua concessão“, diz a APLB. Com a palavra, a prefeitura de Uauá. (foto/divulgação)

Exclusivo: Professores do estado suspendem greve

Acabou agora a pouco a assembleia dos professores da rede estadual de ensino no  Recife. Após discussões do Sintepe (Sindicato dos Professores e Trabalhadores da Educação em Pernambuco) com a categoria, foi aprovado o indicativo de suspender a greve até o dia o dia 19 de abril quando será avaliada a resposta do governo à pauta apresentada pelo Sintepe dia 10 deste mês. Com a suspensão, as aulas voltam ao normal neste terça, dia 21.

Ainda segundo a assembleia, os professores irão trabalhar o tema Reforma da Previdência em sala de aula com os alunos e farão atos de rua nas 13 regionais do sindicato contra a proposta.

Protesto e tumulto na saída de ministro após inauguração da Policlínica da Univasf em Petrolina

Estudantes, professores, movimentos sociais e sindicatos, estiveram na frente da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), campus Petrolina, no final da manhã desta sexta-feira, 17,  para protestar contra a visita do ministro da Educação, Mendonça Filho que veio inaugurar a Polioclínica da instituição. Com palavras de ordem e cartazes em punho, os estudantes da instituição, principalmente, reclamaram que não foram convidados para um equipamento que é ícone da luta deles para que se tornasse realidade.

“A Policlínica foi luta do movimento estudantil e agora que sai, o ministro vem inaugurar num contexto onde está havendo desmonte do SUS, da educação, reformas antipopulares e sem falar que para essa inauguração, nós não fomos convidados, o povo não foi convidado”, disse Bismark Augusto, do Levante Popular da Juventude e estudante de Farmácia da Univasf. Ele frisa. “A Policlínica só saiu com pressão da comunidade acadêmica”.
(mais…)

Piso salarial dos professores tem reajuste em Curaçá

A Prefeitura de Curaçá, no norte da Bahia, sancionou a lei que altera o piso salarial, beneficiando professores e demais profissionais do magistério da educação básica no âmbito do município.

Com a referida lei, fica estabelecido novo piso salarial para pedagogo e professor conforme previsão na Lei Federal nº 11.738, de julho de 2008. Ainda houve reajuste dá vantagem pessoal, corresponde a 7,64%, de que trata o parágrafo único do art. 74 da Lei Municipal nº 546/2016.

Em estado de greve, professores de Lagoa Grande pressionam prefeitura

Em estado de greve há dois dias, os professores da rede municipal de Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, aguardam por uma resposta positiva da gestão municipal sobre o ajuste no Plano de Cargos e Carreiras. Além disso, eles ainda buscam outras melhorias, como pagamento retroativo a 2016 e reajuste do piso salarial.

Uma assembleia marcada para a próxima segunda-feira (20) vai debater se os docentes voltam ou não às salas de aula. Caso obtenham uma resposta positiva da prefeitura e o projeto for votado na próxima terça-feira (21), pelos vereadores, os professores retornam às atividades na quarta-feira (22). O movimento é liderado pelo Sindicato dos Professores de Lagoa Grande (Sintelag). Com a palavra, a prefeitura.

Professores de Pernambuco decretam greve por tempo indeterminado

Os professores da rede estadual de Pernambuco e de outros cinco municípios decretaram greve por tempo indeterminado em assembleia nesta quarta-feira (15), realizada no Recife. A decisão integra uma série de manifestações contra a reforma da Previdência. Os docentes fizeram uma caminhada pela região central do Recife junto a outras categorias, também contra a proposta do governo federal.

De acordo com a Central Única dos Trabalhadores (CUT), uma das organizadoras do protesto pelas ruas do Recife, cerca de 40 mil pessoas participaram do ato. A Polícia Militar não divulgou números. A manifestação, iniciada às 9h, foi encerrada por volta das 13h, na Avenida Dantas Barreto, centro do Recife.

A assembleia aconteceu na Praça Oswaldo Cruz, no bairro da Boa Vista, área central da capital, e contou com a participação de professores do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Pernambuco (Sintepe), Sindicato dos Professores do Estado de Pernambuco (Sinpro), Sindicato dos Professores do Recife (Simpere), Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Jabotão dos Guararapes (Sinproja), Sindicato dos professores do Cabo de Santo Agostinho (SINPC), Sindicato dos Professores em Educação do Moreno (Sinpremo) e Sindicato de Professores da Rede Municipal de Olinda (Sinpmol).

Segundo o Sintepe, a greve das categorias tem começo imediato. “Esse ato mostra a preocupação da categoria com essa reforma. Mais uma vez o trabalhador vai tem que pagar a conta do governo”, acredita o presidente do Sintepe, Fernando Melo.

A Secretaria de Educação de Pernambuco informou, por meio de nota, que “não foi comunicada, oficialmente, sobre a decisão de greve da categoria de profissionais da educação” e, sendo assim, vai aguardar o comunicado para poder emitir posicionamento. (Com informações, texto e foto, G1PE)

Orocó: Classe trabalhadora realiza protesto contra reforma da previdência e fecha BR-428

Assim como em inúmeras cidades do pais, a classe trabalhadora de Orocó (PE), no Sertão do São Francisco, também protestou hoje (15) contra a PEC da Reforma da Previdência. Um grupo de profissionais da Educação fechou a BR-428, nas imediações do Assentamento Alegre.

Vários professores conveniados ao Sintepe (Sindicato da categoria), representantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), o vereador Orocó Ismael Lira (PSD),  o e-vice-prefeito Zé Preá e a presidente do Sntepe, Luzimar Gomes.

A presidente do sindicato fez um discurso contra a reforma da previdência, e o vereador Ismael Lira afirmou que não votará em deputado ou senador que apoiar a reforma, que o mesmo chama de “PEC da Morte”. Após o protesto na BR, por volta das 10h, os trabalhadores seguiram para protestar em frente à Câmara Municipal.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br