Araripina: Professores entram em greve por tempo indeterminado e prefeitura alega “politicagem”

Os professores municipais de Araripina (PE), no Sertão do Araripe, entraram em greve no dia de ontem (17) por tempo indeterminado. A categoria reivindica reajuste salarial, pagamento dos salários de dezembro e 80% do mês de novembro, referentes ao ano de 2016. O Sindicato dos Servidores Municipais de Araripina (SIMA) critica a falta de diálogo com a atual gestão.

Em nota, a prefeitura rebate o SIMA, alegando que o movimento tem “fundamento exclusivamente político” e que “o professor da rede municipal de ensino de Araripina recebe em média o dobro do valor do professor da rede estadual de Pernambuco.

Acompanhe a nota, na íntegra: (mais…)

Banda formada por professores da Univasf promete muito rock n’roll no 18º Moto Chico

Um dos mais tradicionais encontros de motociclistas do país, o Moto Chico – que chega à sua 18ª edição este ano – deve ser “invadido” nesta sexta (7) por um Objeto Musical  Não  Identificado (O.M.N.I). Isso mesmo: a banda formada por cinco professores universitários que atuam na região promete “aterrissar” no palco principal do evento e levar o público participante a uma verdadeira viagem no cenário do pop rock nacional e internacional. A apresentação está marcada para às 21h e terá um repertório composto por sucessos de bandas como Legião Urbana, Barão Vermelho, Capital Inicial, Pink Floyd, Pearl Jam, Rolling Stones, Ramones, dentre outras.

Estamos felizes em participarmos do Moto Chico, que é um evento consolidado nacionalmente. Basta verificar a quantidade de participantes que vem das mais diversas regiões. O repertório está muito bacana, foi pensado especialmente para a ocasião e a gente convida as pessoas a visitarem o espaço e, de quebra, curtirem a apresentação”, destaca o vocalista da Banda O.M.N.I, Marcelo Faria.

Esta será a segunda vez que o grupo se apresenta no encontro dos motociclistas. “Nossa primeira experiência no Motochico foi no estande do Moto Clube Rastejantes, no ano passado. Desta vez, subiremos no palco principal e isso amplia o leque de pessoas que poderão contemplar a apresentação roteirizada em cima de grandes nomes do pop rock”, pontua Faria.

Vale salientar que o Moto Chico, que acontece na área de estacionamento do Parque Josepha Coelho, na área central de Petrolina. O evento acontece até o próximo domingo (09) e integra apresentações culturais e musicais; bem como exposição de produtos e acessórios. O Moto Chico tem ampliado o público participante e é um dos principais eventos de fomento ao turismo regional.

 A banda

Apaixonados pela docência e pela música, cinco professores lotados na Universidade Federal do Vale do São Francisco resolveram se unir pelo gosto musical e, entre um acorde e outro, montaram, há quatro anos, a Banda Objeto Musical Não Identificado (O.M.N.I). Com um repertório eclético, Marcelo Faria (vocal); Leonardo Sampaio (guitarra); Luiz Cesar Machado (guitarra); Marco Aurélio Franca (baixo) e Alan Christie Dantas (bateria) mandam ver no pop rock nacional e internacional.

A banda se apresenta em barzinhos da região, festivais de música, além de eventos privados. Os ensaios acontecem, no mínimo, uma vez por semana. “Somos criteriosos com a playlist que apresentamos ao público. Escolhemos músicas que marcaram toda uma geração e que são sucesso até hoje”, enfatiza Marcelo Faria. As informações são da assessoria. (Foto/divulgação)

 

Centro de Estudos Agrários de Petrolina lançará amanhã material didático para auxiliar professores

O Centro de Estudos Agrários (CEA) de Petrolina lançará, nesta terça-feira (13), um instrumento didático (CD) para subsidiar professores em todos os níveis de ensino, movimentos sociais do campo e comunidade em geral sobre a questão agrária do Vale do São Francisco. O material vai auxiliar os professores em sala de aula.

O CEA desenvolve pesquisas na atualidade a respeito da questão alimentar e os agrotóxicos. O evento de lançamento acontecerá no CEA, campus da UPE Petrolina, na Cidade Universitária, às 16h30. Vale frisar que o material será disponibilizado aos professores gratuitamente.

Professores da rede estadual de Petrolina participarão amanhã de encontro sobre saúde mental na escola

Os professores da rede estadual de Petrolina se reunirão, na tarde desta sexta-feira (9), com psiquiatras para discutir o bem-estar e a saúde mental dos jovens. O encontro com docentes dos ensinos Fundamental II e Médio tem por objetivo ajudar os profissionais a identificar sinais de bullying, depressão na adolescência e até mesmo tentativas de suicídio entre os estudantes. A roda de conversa terá início às 14h, no auditório da Gerência Regional (GRE)/ Sertão Médio São Francisco – localizado na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, bairro Vila Eduardo, zona oeste da cidade.

De acordo Dr. Edésio Lira, psiquiatra e vice-presidente da Sociedade Pernambucana de Psiquiatria (SPP), o foco deste encontro está, primeiramente, nos professores porque o jovem passa a maior parte do seu dia na escola e os docentes podem ajudar a identificar os sinais de algum transtorno mental. A ideia é que, dessa forma, o professor possa dar o suporte e a orientação que o estudante precisa.

Além do Dr. Edésio Lira, participarão do encontro com os professores os doutores Everton Botelho, psiquiatra e professor da Universidade Federal de Pernambuco, e Cláudia Pires, psiquiatra e pesquisadora do Grupo de Estudos da Prevenção ao Suicídio da UFPE.

Simpósio médico

O encontro com professores da rede estadual de ensino é uma atividade extra na programação do III Simpósio Os Desafios da Assistência Psiquiátrica no Agreste e Sertão que será realizado nos dias 9 e 10 de junho, no auditório da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape). O evento, que já foi realizado em Caruaru e Garanhuns nos anos de 2015 e 2016, respectivamente, visa a troca de experiências, conhecimento e o contato entre estudantes e profissionais de Medicina para a valorização da Saúde Mental e o bem estar da população. (foto/Ilustração)

EFEJ de Juazeiro abrirá inscrições para minicursos destinados a professores e comunidade

Nesta segunda-feira (22) a Escola de Formação de Professores de Juazeiro (EFEJ) abrirá inscrições para minicursos destinados a professores do município e região. A nova proposta da instituição é estender esses cursos para os educadores das redes estadual e particular, e também para a comunidade.

Serão oferecidas 180 vagas para os minicursos de ‘Alfabetização e Letramento’, ‘Contação de Histórias’ e ‘Jogos Matemáticos’ para professores da Educação Infantil e do 1º ao 9º ano. Com jornada de 8 horas, as formações serão realizadas nos dias 1º e 6 de junho, na EFEJ (localizada no Bairro São Geraldo).

As inscrições podem ser feitas até o dia 31 de maio, pelo e-mail efejparlim@hotmail.com ou na EFEJ. Mais informações pelo telefone (74) 3611-1139. A ficha de inscrição pode ser conferida no link: Ficha de inscrição.

APLB/Sindicato de Uauá faz alerta a deputados da região favoráveis às reformas de Temer: “Quem vota, não volta”

Em Uauá (norte da Bahia), a direção da APLB-Sindicato local enviou à imprensa uma nota Pública, elaborada pelos profissionais da educação, pela qual repudia as reformas impostas pelo Governo Temer. E não só isso.

A entidade também fez um alerta aos deputados que têm votos na cidade de que, se ajudarem a aprovar as reformas que consideram nocivas aos trabalhadores, receberão o troco nas urnas em 2018. “Quem vota, não volta”, diz a APLB, reforçando a temática contra as propostas do governo federal.

A direção ressaltou que a classe vai “resistir e reagir até onde puder”. Disse ainda estar enviando a nota para o e-mail de alguns parlamentares no Congresso e vai entregar, pessoalmente o documento a cada um deles, na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA). Uma prova de que a APLB não está brincando aconteceu recentemente no Festival do Umbu. O deputado Zé Nunes, que foi favorável à terceirização, recebeu uma sonora vaia.

Governo baiano anuncia 3 mil bolsas para professores permanecerem em sala de aula

O governador da Bahia Rui Costa (PT) anunciou nesta segunda-feira (1º), Dia do Trabalhador, que os professores interessados na ‘Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe’ já podem se dirigir ao SAC Educação ou às sedes dos Núcleos Territoriais de Educação (NTE) para formalizar o pedido. São oferecidas 3 mil bolsas para professores efetivos da rede estadual que exercem atividades nos ensinos fundamental e médio, e que já completaram as exigências para a aposentadoria voluntária.

É uma ação de valorização a esse importante trabalho desempenhado pelos professores em sala de aula. Esperamos que a experiência desses professores impulsione ainda mais a transformação das nossas escolas, contribuindo para a construção de futuro promissor dos jovens baianos”, comentou Rui, em seu perfil oficial no Twitter (@costa_rui).

As bolsas são de R$ 800 e R$ 1.600 para os professores com jornada de 20 e 40 horas, respectivamente. Além de ter completado as exigências para a aposentadoria, é necessário estar lotado em uma unidade escolar e ter optado por permanecer em efetiva regência de classe.

O benefício será pago por dois anos, prorrogáveis por mais dois, e sobre ele não incidirá contribuição previdenciária. Também não será utilizado para cálculo de aposentadoria e pensão. Poderão ser contemplados servidores que obtiverem desempenho individual satisfatório e que não possuem em seus registros funcionais mais de seis faltas injustificadas no ano letivo imediatamente anterior ao do início da percepção da vantagem.

O setor de Recursos Humanos da Secretaria da Educação apreciará os pedidos e fará a publicação da lista de contemplados no Diário Oficial do Estado (DOE). (Foto: Divulgação/GOVBA)

 

Programa de educação vai beneficiar 11 mil alunos da rede municipal de ensino em Juazeiro

O Programa ‘Novo Mais Educação’ iniciou as atividades de 2017 com a formação dos gestores das escolas municipais de Juazeiro (BA), na terça-feira (25), no auditório da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc). Nesta quinta-feira (27) será a vez da formação dos articuladores que foram aprovados no processo seletivo. Este ano o programa vai beneficiar 11 mil alunos, do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental, distribuídos em 44 unidades escolares da sede e do interior do município.

O novo formato do programa incluirá alunos com dificuldades em Língua Portuguesa e Matemática, além de ofertar atividades no campo das artes, cultura esporte e lazer. A secretária Lucinete Alves disse que os profissionais envolvidos no programa estão recebendo formação antes de iniciar os trabalhos com os alunos, para que os resultados sejam ainda melhores.

São mais de 400 profissionais envolvidos, entre gestores, articuladores, mediador, facilitador e coordenadores. A ideia é que toda a equipe esteja preparada para iniciar as atividades com os alunos no dia 8 de maio”, informou a secretária.

As escolas de Juazeiro optaram pela jornada de 15 horas, e terão de contemplar as duas disciplinas (português e matemática) com quatro horas dedicadas a cada uma, e oferecer outras três atividades. Essas últimas foram de livre escolha de cada unidade escolar, e estão inseridas no Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE) Interativo. Os alunos inscritos no programa permanecerão nas escolas em período integral e participarão das atividades extras no contraturno das aulas regulares, mantendo assim o bom andamento do ano letivo.

Procura

Segundo o coordenador do programa, Dennio Macêdo a atividade mais procurada foi a de iniciação musical/canto, coral/banda, pelos quais 26 escolas fizeram esta opção. Mas a capoeira, judô, dança e teatro/prática circense também estão entre as aulas que serão desenvolvidas com os alunos. “O município adotou uma proposta de trabalho diferenciada para ajudar as escolas no processo de ensino aprendizagem dos alunos, bem como nas avaliações externas. Produzimos cadernos de planejamento para os articuladores e monitores que vão contribuir para os resultados do programa. Estamos entusiasmados para iniciarmos as aulas no início de maio“, ressaltou o coordenador.

O trabalho é realizado pelo articulador da escola, o mediador de aprendizagem e o facilitador. O primeiro é responsável pela coordenação e organização das atividades. O mediador é quem realiza as atividades de acompanhamento pedagógico e atua articulado com os professores da escola. Já o facilitador realiza as demais atividades. (Foto: Ascom)

Começam em Petrolina inscrições para 2º Clisertão

Começaram em Petrolina as inscrições para o 2º Congresso Internacional do Livro, Leitura e Literatura do Sertão (Clisertão), que acontecerá de 9 a 12 de maio. Os professores que atuam nas escolas da rede municipal podem se inscrever apresentando suas ações no desenvolvimento da leitura em sala de aula.

De acordo com o coordenador do Clisertão, Genivaldo do Nascimento, o prêmio vai selecionar cinco professores com propostas inovadoras para o fomento da leitura nas escolas da rede. Os docentes vão concorrer a uma premiação total no valor de R$ 5 mil.

Para participar, os interessados devem enviar, até o dia 28 deste mês, uma proposta de ação através de um relato simplificado de experiência para e-mail: clisertaotres@yahoo.com.br. As convocatórias e os editais já foram enviados para as escolas.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Maéve Melo, a premiação é um reconhecimento e um incentivo para os professores. “Nosso foco, nessa gestão, é priorizar a leitura e a alfabetização logo no segundo ano. Essas práticas aplicadas nas escolas vão colaborar para que Petrolina se torne uma cidade leitora”, comentou. A premiação será entregue no dia 10 de maio, na sede da Secretaria, no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho.

Apoio

O Clisertão é uma realização do Governo do Estado, através da Universidade de Pernambuco (UPE), e tem a Secretaria de Educação de Petrolina como principal parceira. Mais de 30 ações irão movimentar a cidade e as escolas da rede municipal e estadual com recitais, oficina de leituras, cordel, conversa com autores e doação de livros. Ao total, 63 escolas da rede e 3.100 alunos receberão as atividades. (fonte: Ascom PMP/foto arquivo divulgação)

Lagoa Grande: Professores das redes pública e privada são incluídos na Campanha de Vacinação contra Gripe

A Secretaria de Saúde de Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, deu início à campanha nacional de vacinação contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circulam no país: A/H1N1; A/H3N2 e influenza B. A novidade deste ano é que foram incluídos também como prioritários os professores da rede pública e privada – além dos profissionais da saúde das duas redes.

No dia 13 de maio (sábado) em todo o Brasil o ‘Dia D’ da Vacinação.

Além dos professores e profissionais da saúde, o público-alvo da campanha continua sendo crianças de 6 meses a quatro anos, 11 meses e 29 dias; gestantes; puérperas (mulheres que estão no período de até 45 dias após o parto); idosos a partir de 60 anos; e em alguns casos, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (independente de idade). O atendimento é das 8h às 14h.

Os trabalhadores da agricultura e do comércio que se enquadram no público-alvo, mas não podem comparecer nos horários, deverão procurar o PSF mais próximo de sua residência no próximo dia 27, das 17h às 21h (como já acontece toda última quinta do mês).

Parceria entre Secretarias de Educação de Juazeiro e Petrolina capacitará professores

A secretária de Educação e Juventude (Seduc) de Juazeiro (BA), Lucinete Alves recebeu em seu gabinete na segunda-feira (3), a secretária de Educação de Petrolina, Maéve Melo e sua assessora, a professora Sônia Passos. Na pauta as secretárias firmaram parcerias com os Projetos de Correção de Fluxo, ‘Se Liga’ e ‘Acelera Brasil’, do Instituto Ayrton Senna, com um novo projeto de Leitura, entre outras ações conjuntas.

A parceria entre as duas cidades é muito importante, principalmente na área de Educação. Vamos disponibilizar os professores da Rede, que hoje são formadores do ‘Se Liga’ e ‘Acelera’ para capacitar os professores da Rede Municipal de Petrolina. Os bons resultados, a motivação dos educadores e alunos contribuíram para que Juazeiro se tornasse vitrine dos programas do Instituto, que fazem parte da política pública de correção de fluxo adotada pelo município“, destacou Lucinete. Ela acrescentou que os profissionais de Recursos Humanos também foram disponibilizados para passar orientações a equipe de Petrolina.

A secretária Maéve apresentou um projeto de Leitura que será trabalhado entre as escolas das duas cidades. “Podemos aprender uns com os outros na socialização das experiências exitosas, e esse é nosso objetivo, firmar parceria com a Seduc de Juazeiro, para juntos melhorar ainda mais a Educação das Redes Municipais de Ensino dos dois municípios“, finalizou a secretária de Petrolina. (foto/divulgação)

Uauá: professores reivindicam reajuste do piso salarial de 7,64% anunciado em janeiro pelo MEC

Depois de uma longa batalha com a gestão passada, referente a reajuste salarial, os professores de Uauá, no norte da Bahia, estão revoltados com a atual gestão. De acordo com a APLB/Sindicato local, o prefeito Lindomar Dantas (PCdoB) não teria promovido o reajuste do Piso Salarial dos Professores, que esse ano o Ministério da Educação (MEC) estipulou em 7,64%. O reajuste aconteceu em janeiro último.

A APLB-Sindicato Núcleo de Uauá, desde quando foi anunciado o reajuste, vem solicitando o cumprimento da Lei. Foi realizada uma reunião com a administração, onde a mesma revelou que estava fazendo um estudo orçamentário e que em Março daria um retorno“, informou o Sindicato, por meio de nota.

Os professores, reunidos em Assembleia, decidiram propor uma data-limite de até o fim da primeira quinzena de Março. “O sindicato informou a administração sobre o tempo e a mesma solicitou do sindicato um estudo da Rede Municipal de Educação realizado pelo técnico Joel Câmara. A documentação foi cedida. Os professores começaram a cobrar o reajuste do Piso Salarial, pois têm medo de que venham perder o valor do reajuste no tempo decorrido da sua concessão“, diz a APLB. Com a palavra, a prefeitura de Uauá. (foto/divulgação)

Exclusivo: Professores do estado suspendem greve

Acabou agora a pouco a assembleia dos professores da rede estadual de ensino no  Recife. Após discussões do Sintepe (Sindicato dos Professores e Trabalhadores da Educação em Pernambuco) com a categoria, foi aprovado o indicativo de suspender a greve até o dia o dia 19 de abril quando será avaliada a resposta do governo à pauta apresentada pelo Sintepe dia 10 deste mês. Com a suspensão, as aulas voltam ao normal neste terça, dia 21.

Ainda segundo a assembleia, os professores irão trabalhar o tema Reforma da Previdência em sala de aula com os alunos e farão atos de rua nas 13 regionais do sindicato contra a proposta.

Protesto e tumulto na saída de ministro após inauguração da Policlínica da Univasf em Petrolina

Estudantes, professores, movimentos sociais e sindicatos, estiveram na frente da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), campus Petrolina, no final da manhã desta sexta-feira, 17,  para protestar contra a visita do ministro da Educação, Mendonça Filho que veio inaugurar a Polioclínica da instituição. Com palavras de ordem e cartazes em punho, os estudantes da instituição, principalmente, reclamaram que não foram convidados para um equipamento que é ícone da luta deles para que se tornasse realidade.

“A Policlínica foi luta do movimento estudantil e agora que sai, o ministro vem inaugurar num contexto onde está havendo desmonte do SUS, da educação, reformas antipopulares e sem falar que para essa inauguração, nós não fomos convidados, o povo não foi convidado”, disse Bismark Augusto, do Levante Popular da Juventude e estudante de Farmácia da Univasf. Ele frisa. “A Policlínica só saiu com pressão da comunidade acadêmica”.
(mais…)

Piso salarial dos professores tem reajuste em Curaçá

A Prefeitura de Curaçá, no norte da Bahia, sancionou a lei que altera o piso salarial, beneficiando professores e demais profissionais do magistério da educação básica no âmbito do município.

Com a referida lei, fica estabelecido novo piso salarial para pedagogo e professor conforme previsão na Lei Federal nº 11.738, de julho de 2008. Ainda houve reajuste dá vantagem pessoal, corresponde a 7,64%, de que trata o parágrafo único do art. 74 da Lei Municipal nº 546/2016.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por agencialaguz.com.br