Presidente da Câmara Municipal de Salvador acompanha sessão da Casa Plínio Amorim e desconversa sobre candidatura à AL-BA em 2018

A sessão plenária da Casa Plínio Amorim, realizada no dia de ontem (22), foi acompanhada por um visitante especial. A convite de Ronaldo Cancão (PTB), o presidente da Câmara de Vereadores, Léo Prates (DEM), veio a Petrolina devolver a visita que Cancão lhe fez. Mas a agenda dele não ficou restrita apenas à cidade, onde curtiu os festejos juninos.

Cogitado a disputar uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) nas eleições 2018, Léo também aproveitou para marcar terreno no norte do Estado. Ele também foi conhecer o São João de Jaguarari, mas desconversou sobre uma eventual pré-candidatura a deputado.

Acho que ainda é muito cedo para falar de candidatura. A gente só conversa sobre 2018 em 2018”, afirmou. Aos 39 anos de idade, Léo está apenas no segundo mandato e é o presidente mais jovem do Legislativo de Salvador e aquele com menor tempo de mandato. Ele garante, inclusive, que seu maior desafio no momento é colocar seu nome como um dos principais da história da Câmara de Salvador. “É nisso que estou focado”, concluiu Léo.

Ré na Lava Jato, senadora Gleisi Hoffmann é eleita presidente nacional do PT

Ré na Lava-Jato, a líder do PT no Senado, senadora Gleisi Hoffmann (PR), foi eleita nova presidente do PT, com 60% dos votos. Seu principal concorrente, o senador Lindbergh Farias (RJ), ficou em segundo lugar, com 38% dos votos dos delegados. Gleisi substitui Rui Falcão no cargo e exercerá a função por dois anos. A eleição contou com o voto de 596 delegados e ocorreu no 6° Congresso Nacional do PT, que contou com a presença dos ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. Ela será a primeira mulher a presidir o partido.

Candidata de Lula, Gleisi afirmou que o partido não fará autocrítica porque não quer fortalecer o discurso de seus adversários. Reunido em seu 6º Congresso, o PT era cobrado, inclusive por setores à esquerda do partido, a reconhecer supostos erros, como o envolvimento em escândalos de corrupção e alianças com partidos como o PMDB.

“Não somos organização religiosa, não fazemos profissão de culpa, tampouco nos açoitamos. Não vamos ficar enumerando os erros que achamos para que a burguesia e a direita explorem nossa imagem”, disse Gleisi, ao discursar no congresso petista.

A senadora, que é líder do PT no Senado, reconheceu, no entanto, que o partido se afastou dos movimentos sociais enquanto comandou o governo federal: “É certo que ficamos com relação mais institucional do que política”.

Em campanha para a presidência do PT, Gleisi ressaltou êxitos dos governos petistas, como distribuição de renda e geração de empregos: “Não teve na história de 500 anos do Brasil governos melhores do que os do PT. Não foi João Goulart, não foi Getúlio Vargas. Temos que erguer nossa cabeça para defender nosso legado e nosso governo”.

Bandeiras

Ela defendeu bandeiras históricas petistas, como taxação de grandes fortunas e regulação dos meios de comunicação. Para a senadora, um dos desafios da nova direção do PT é nacionalizar o partido, tradicionalmente concentrado em São Paulo. Gleisi também defendeu a candidatura de Lula à Presidência da República e eleições diretas em caso de afastamento do presidente Michel Temer. Ré na Lava-Jato, Gleisi é acusada de receber R$ 1 milhão do esquema de corrupção na Petrobras para sua campanha em 2010. Ela e seu marido, o ex-ministro Paulo Bernardo, respondem por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, mas negam as acusações.

Gleisi enfrentou o senador Lindbergh Farias (RJ) na disputa pela presidência do partido. Candidato pela corrente ‘Muda PT’, Lindbergh adotou o discurso da radicalização. Em sua fala final, para pedir os votos dos filiados, o senador afirmou que o partido precisa se preparar para o “enfrentamento”. Ele defendeu que a militância seja fortalecida para “barrar o avanço” do neoliberalismo e da burguesia.

Lindbergh criticou o “afastamento” da atual direção partidária da “realidade”, ao permitir que houvesse o apoio a candidaturas de Rodrigo Maia (DEM-RJ) para a presidência da Câmara e Eunício Oliveira (PMDB-CE) para a presidência do Senado.

Lula

O senador pregou a candidatura de Lula e afirmou que o partido tem que defender Lula contra as denúncias que recaem sobre ele. O ex-presidente é réu em cinco ações penais e neste domingo o Ministério Público pediu sua condenação. “O que fazem com Lula é a campanha mais infame que já fizeram. Lula não está acima da lei, mas não está abaixo da lei. Temos que fazer uma defesa incansável de Lula. Um ataque a Lula é um ataque ao trabalhador brasileiro. Ele é a única possibilidade que o Brasil tem de deter o avanço neoliberal”, afirmou.

Para integrantes da CNB, Gleisi errou ao viajar em busca de votos ao lado de Lindbergh, confiando que ele retiraria a candidatura mais à frente. Com isso, a candidatura do senador acabou crescendo no partido. Gleisi intensificou suas articulações e conseguiu, horas antes da votação, contar com a apoio das correntes Movimento PT e Optei, garantindo a ela uma margem segura.

Ainda de acordo com integrantes da CNB, Gleisi chegou a se arrepender de ter aceitado o pedido de Lula para concorrer à presidência do partido. (Fonte: Agência O Globo/foto: André Coelho)

Chuvas em PE: Michel Temer sinaliza crédito de R$ 600 milhões para recuperar estragos

Em reunião com o governador Paulo Câmara no Palácio do Campo das Princesas, o presidente da República, Michel Temer, autorizou neste domingo (28) o envio de ajuda humanitária para atender as cidades em estado de calamidade devido às fortes chuvas que caíram nos últimos dias na Zona da Mata Sul e no Agreste de Pernambuco. E se comprometeu em liberar uma linha de crédito de R$ 600 milhões, junto ao BNDES, para obras no Estado.

“Há duas atividades. Uma é emergencial, que já está sendo cuidada desde já pelo ministro da Integração e pelo ministro das Cidades, em atividades de recuperação nesses municípios. O outro é mais a longo prazo e diz respeito a obras que deverão ser concluídas, de caráter preventivo. Com isso, nós nos comprometemos, mais uma vez, a levar adiante essas obras de caráter preventivo”, disse Temer.

No encontro, governador e presidente trataram sobre a conclusão das obras de quatro barragens e uma linha de crédito para obras hídricas para amenizar a seca no estado. Temer se comprometeu a analisar a quantia de R$ 385 milhões para as barragens e R$ 600 milhões para as obras hídricas.

Há o financiamento que está lá no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), já aprovado pela secretaria do Tesouro Nacional. Me comprometi com o governador a providenciar a liberação desse empréstimo, que é fundamental. São R$ 600 milhões”, pontuou o presidente.

“Nós apresentamos hoje para o presidente da República uma situação preliminar diante das chuvas das últimas horas. Precisamos de ações emergenciais, com ações que envolvem ajuda humanitária, questão de saúde, de salvamento. Por outro lado, apresentamos também aquilo que entendemos como solução definitiva. A obra [da barragem] de Serro Azul teve sua serventia decisiva para evitar uma catástrofe ainda maior na Mata Sul. Só que é preciso finalizar quatro barragens, que estão em estágios variados de desenvolvendo e que precisam de recursos federais para suas finalizações. Muitas delas estão paradas há mais de dois anos”, comentou o governador, ao dizer que, com recursos em mãos, essas obras podem ficar prontas num prazo de seis a 18 meses.

Calamidade

Neste domingo, Câmara já havia decretado estado de calamidade em 13 municípios: Rio Formoso, Ribeirão, Água Preta, Palmares, Catende, Maraial, Belém de Maria, Barreiros, Amaraji, Barra de Guabiraba, São Benedito do Sul, Cortês e Jaqueira. Durante a visita de Temer, foi informado que os municípios de Gameleira e de Caruaru também foram incluídos, totalizando 15. Duas pessoas morreram soterradas, em Lagoa dos Gatos. (Fonte: G1-PE/Foto: Aluísio Moreira/SEI-PE)

‘Amor Sem Violência’: Presidente da Associação dos Surdos de Petrolina reclama de dificuldades em registrar casos de agressão na delegacia

A presidente da Associação de Surdos de Petrolina, Maria Helena Soares, revelou um dado preocupante quanto à violência de gênero. Por meio de um intérprete, ela afirmou a este Blog,  após o lançamento da Campanha ‘Amor sem Violência’, ontem (24) no Sest/Senat, que as mulheres com necessidades especiais “sofrem duas vezes”.

Primeiro, quando são vítimas de agressão doméstica; depois, quando vão à Delegacia da Mulher prestar queixa, já que não há um profissional especializado em Linguagem Brasileira de Sinais (Libras) para entendê-las e registrar a ocorrência.

O Blog deixa o espaço reservado a algum representante da Delegacia da Mulher, caso haja interesse em explicar esse fato.

Temer diz que não renuncia e pede pressa em investigações

Desabafando sobre o que chamou de “escutas não autorizadas para trazer de volta o fantasma da crise”, o presidente da República, Michel Temer (PMDB), reafirmou em pronunciamento nesta quinta, 18, que não renunciará ao cargo e pede que da mesma forma que foram rápido em apresentar as denuncias contra ele que também sejam para investigar e apresentar a verdade.

Digo e repito. Não autorizei a compra de silêncio de ninguém. Não preciso de cargo público. Nunca autorizei que usassem meu nome indevidamente e as investigações irão mostrar que não tenho nada a ver com esse fato. Só espero que como foram rápidos em revelar gravações clandestinas que sejam rápidos nas investigações”, discursou.

O presidente ainda citou que está preparado para responder a qualquer processo e não teme nenhuma delação. “Sei o que fiz. Quero pressa nas investigações. Meu único compromisso é com o Brasil”, completou em sua fala que aconteceu no Palácio do Planalto.

Temer fez o pronunciamento motivado pela delação premiada dos empresários Joesley e Wesley Batista, donos da JBS, publicadas ontem no portal do jornal O Globo As delações já foram homologadas pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Nesta quinta, 18, o ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF, autorizou a abertura de inquérito para investigar o presidente. (Foto/arquivo)

 

 

Presidente do Porto Digital confirma Petrolina na interiorização do ‘Armazém da Criatividade’

Em fevereiro, o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) solicitou ao Ministro das Comunicações, Gilberto Kassab, que o Armazém da Criatividade contemplasse Petrolina de forma mais ágil. Neste domingo, 14, o presidente do Porto Digital, Francisco Saboya (foto), confirmou durante uma entrevista na TV Pernambuco que a cidade ganhará a estrutura em breve, batizado de ‘Armazém da Criatividade do Sertão’.

“Já chegamos a Caruaru e a próxima cidade contemplada com o projeto será Petrolina”, frisou. Os Armazéns da Criatividade são estruturas especiais de suporte à inovação e ao empreendedorismo, que atuam de forma integrada com instâncias de ensino, ciência e tecnologia, em estreita articulação com o setor produtivo e com as políticas públicas da região onde se localiza.

A chegada ao interior do Estado faz parte da expansão do Porto Digital e da política de interiorização da economia do conhecimento. A concepção, gestão e operação dos Armazéns da Criatividade cabem ao Porto, parque tecnológico sediado no Recife e considerado um dos principais polos de inovação do país. Em 2014, Francisco Saboya explicou que no Armazém em Petrolina, seriam desenvolvidos três tipos de atividades nas áreas de informática, economia criativa e agricultura, concentrando sete funções integradas espacialmente, funcionalmente e operacionalmente.

“Haverá espaços de empreendedorismo, eventos, crédito, experimentação, showroom, educação, além de um espaço empresarial para que a empresa, uma vez constituída, possa desenvolver seu negócio lá dentro”, explicou.

Expansão

Na entrevista exibida neste domingo, o dirigente do Porto Digital ressaltou que a chegada do principal parque tecnológico do Estado ao interior é parte da expansão do Porto Digital, que no final de 2016 virou um debutante. “Nos nossos 15 anos completados no final do ano passado, decidimos que agora seria a hora de levar toda a nossa capacidade de inovação para o interior e estamos colocando em prática essa interiorização do Porto Digital”, finalizou Saboya. (Foto: Reprodução internet)

Vídeo Blog: Presidente da Compesa revela que empresa poderá assumir esgotamento sanitário de Petrolina

Compesa negocia com prefeitura para assumir todo o esgotamento sanitário de Petrolina

O presidente da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), Roberto Tavares, que acompanhou o governador Paulo Câmara nas visitas aos Sertões do Araripe e Central no final de semana, deu uma parada em Petrolina na última sexta-feira, 5, para visitar algumas ações que desenvolve na cidade e aproveitou também para se reunir com o prefeito Miguel Coelho (PSB). Ele também veio ao Blog, falar das novidades do trabalho que implementa na empresa, especialmente para a melhoria da imagem da Companhia perante o cidadão petrolinense.

Conforme o presidente, um dos projetos que pensa para Petrolina é tornar a Compesa a única operadora do sistema de esgotamento sanitário do município. Esse é um dos pontos que já discute com Miguel, a partir do momento que ele se colocou à disposição de dialogar com o órgão para buscar a prestação de um melhor serviço no município

“Hoje, a cidade ainda enfrenta problemas nesta questão, por ser um sistema pulverizado, parte administrado pela Compesa, parte pela Prefeitura. São obras que foram feitas por gestões anteriores, sistemas com mais de 20 anos. Então, na base do diálogo, estamos discutindo esse processo com o prefeito Miguel Coelho e acreditamos nessa negociação. Do jeito que está, a situação não é boa nem para o cidadão, nem para a prefeitura e nem para a Compesa”, revelou Tavares.

O presidente frisa que Petrolina poderia ter avançado mais em obras de saneamento, mas a falta de um melhor diálogo com a gestão anterior impossibilitou que novos investimentos pudessem chegar ao município para se avançar nessa área. “Estou na Compesa há dez anos. Em 2011, uma das primeiras reuniões que fiz com toda a diretoria da empresa foi aqui. Fizemos questão de visitar o então prefeito Julio Lossio”, citou. Ele frisa que ficou difícil captar recursos para novos investimentos em saneamento diante do impasse gerado pela ex-gestão, que questionou a concessão da Compesa na justiça, alegando não cumprimento da lei de renovação da concessão, o que gerou insegurança.

“Petrolina sempre perdeu com os momentos de crise entre a Compesa e a Prefeitura por um motivo simples. Nenhum financiador, nenhum banco, BNDES, Caixa ou até o próprio governo federal vai colocar dinheiro numa concessão que está em risco. Nós acreditamos que o diálogo é a melhor forma de trazermos investimentos para Petrolina, quando fizemos um acerto em 2007. Num acordo em que renovamos a concessão, conseguimos captar recursos e investimentos de R$ 150 milhões”, lembrou Roberto Tavares, dizendo que quer evitar que a falta de diálogo volte a acontecer.

Melhoria

“Nos colocamos à disposição de Miguel para evitar isso. Por isso fizemos um plano de 100 dias para atacar as demandas mais emergenciais, porque se trabalharmos juntos, a comunidade vai perceber que a melhoria virá mais rápido do que ficar nesse jogo de empurra”, acrescentou. O presidente enfatizou ainda que a Compesa sempre estará à disposição para a melhoria do sistema como um todo, porque o real interessado é o cidadão. “É ele quem precisa que isso esteja funcionando. Os políticos passam, os gestores passam, mas o cidadão fica. Então o nosso real interesse é o morador, é o cidadão de Petrolina”, concluiu.

Presidente do TRE-PE fará palestras em Petrolina e receberá título de cidadão em Belém do São Francisco

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), desembargador Antônio Carlos Alves da Silva, está no Sertão para alguns eventos administrativos. Em Petrolina, nesta quinta-feira (4) ele fará uma palestra às 10h, no auditório do Senai, sobre o Programa ‘Eleitor do Futuro’, para estudantes da rede pública de ensino. A iniciativa tem como objetivo ampliar, capacitar e mobilizar os jovens e futuros eleitores ao exercício livre e consciente do direito de votar e ser votado.

Ainda na cidade, Antônio Carlos vai falar a advogados locais sobre as fases de implantação do Processo Judicial Eletrônico (PJe) – sistema de informática para dar fim à tramitação de autos em papel no Poder Judiciário. Ele permite que magistrados, servidores e advogados pratiquem atos processuais diretamente no sistema.

O Pje está previsto para ser lançado em maio de 2017, com os processos de 2º grau. Ele tem como plataforma de produção e funcionamento o sistema desenvolvido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A palestra ocorrerá às 15h, no auditório da Subseccional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), área central de Petrolina. Antônio Carlos veio acompanhado de sua equipe e de integrantes da Escola Judiciária Eleitoral.

Já na sexta-feira (5), o presidente do TRE-PE será agraciado com o título de Cidadão Belemita, em Belém do São Francisco, Sertão de Itaparica. A solenidade será na Câmara de Vereadores, às 10h. (Foto/arquivo: Dayvison Nunes/JC)

Presidente da OAB/PE virá a Petrolina para encontro com advogados

O presidente da seção Pernambuco da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ronnie Preus Duarte, estará em Petrolina nesta quinta-feira, 27. Ele vai participar do evento ‘Fale com o Presidente’, das 16h30 às 18h30, na sede da Ordem, Centro da cidade.

De acordo com Alexandre Torres, presidente local da OAB, o encontro vem sendo organizado na atual gestão da entidade estadual, visando a aproximar mais a Ordem dos profissionais que atuam em Pernambuco.

“‘Será uma excelente oportunidade para debater os rumos da advocacia na região, além de e apresentar as demandas e sugestões. O encontro é aberto para todos os advogados que atuam no Vale“, comentou.

 

 

Presidente da CUT-PE se reunirá com sindicalistas e movimentos sociais em Petrolina para preparar greve geral

O presidente da Central Única dos Trabalhadores em Pernambuco (CUT-PE), Carlos Veras, comanda uma grande plenária sindical e dos movimentos sociais nesta terça-feira, 25, a partir das 18h30, para tratar com os participantes da greve geral que está marcada para ocorrer em todo o País nesta sexta-feira, 28. O movimento visa a barrar as propostas de reforma da Previdência e trabalhista que tramitam no Congresso Nacional.

O encontro com Veras acontecerá no auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Petrolina (STR), localizado na Avenida das Nações, bairro Vila Mocó. A convocação para a grande plenária é da Frente Brasil Popular de Petrolina, movimento que reúne cerca de 20 agremiações e que está desde o ano passado encabeçando manifestações e movimentos na principal cidade do Sertão, primeiro para barrar o impeachment da presidente Dilma Rousseff e agora contra o Governo Michel Temer e suas medidas.

Concurso da Câmara: Osório autoriza licitação de empresa responsável pelo certame

 

O presidente da Câmara de Petrolina, vereador Osório Siqueira (PSB), confirmou em conversa com o Blog que já autorizou o processo de licitação da empresa responsável pela realização do concurso público da Casa.

Serão mais de 20 vagas nos três níveis de ensino: fundamental médio e superior. Vale lembrar que este será o primeiro concurso da história do Legislativo Municipal.

“Já autorizamos sim, e em breve será conhecida a empresa que fará o primeiro concurso da história do Poder Legislativo de Petrolina. Agora está mais perto”, concluiu Osório.

Paulo Valgueiro joga para jurídico e presidente da Câmara presença de servidor da PMP sobre polêmica ‘mala preta’

Frisando que fez o papel de fiscalizador e defensor do Legislativo Municipal de Petrolina, o líder da oposição, vereador Paulo Valgueiro (PMDB), disse nesta quinta-feira, 20, que agora caberá aos advogados da Casa e ao presidente da Mesa Diretora, Osório Siqueira (PSB), a vinda do servidor Talles Khalil para esclarecimentos, conforme aprovado no seu requerimentos na última terça, 18.

O servidor foi acusado pelos vereadores de denegrir a imagem da Câmara e dos vereadores, ao espalhar nas redes sociais, segundo Valgueiro em seu requerimento, um banner apócrifo sobre uma suposta ‘mala preta’ na Casa Plínio Amorim em troca da aprovação das contas do ex-prefeito Julio Lóssio (PMDB).

O servidor mandou informar que não iria porque o Regimento Interno da Câmara não permite. O vereador da situação, Aero Cruz (PSB), reforçou o argumento de Talles após consultar o departamento jurídico da Casa, mas Valgueiro afirma que fez o seu papel de fiscalizador.

“O requerimento foi aprovado e cabe ao presidente a Casa e ao jurídico convocar ou não o servidor. Fiz minha parte. Ficará agora a cargo da presidência”, ressaltou, lembrando que quem encaminha o requerimento é Osório. Sobre a defesa de Aero ao servidor, Valgueiro não deixou passar em branco. “Se Aero consegue afirmar que não foi Talles Khalil, então ele deve sabe quem foi. Essas definições de obrigar ou não a vinda do servidor, repito, cabe agora ao jurídico da Casa. Minha função é fiscalizar”, acrescentou o oposicionista.

Julio Lossio Filho

Quem também falou sobre esse assunto foi o estudante de Direito, Julio Lossio Filho, presidente municipal do PMDB, que veio passar o feriado na cidade e foi à Casa Plínio Amorim, a convite dos amigos peemedebistas na Câmara. Filho do ex-prefeito, Julinho tachou de “falta de respeito” com a imagem do seu pai o envio do banner da ‘mala preta’.

“Eu achei muita falta de respeito, até porque meu pai não está aqui para responder. As contas dele foram aprovadas pelo Tribunal de Contas, e aqui cada um sabe o que faz e irá avaliar com suas consciências”, destacou, frisando que o melhor é que tanto o grupo do pai dele como o do atual prefeito Miguel Coelho (PSB), trabalham “pelo melhor por Petrolina”.

 

Presidente da Câmara de Flores cobra presença de vereador petista nas sessões

Em Flores (PE), no Sertão do Pajeú, o vereador petista Adeilton Patriota Carneiro (foto) não aparece nas sessões da Câmara Municipal há um bom tempo. As constantes ausências do petista levou o presidente da Casa, Luiz Heleno (PSB), a enquadrar o colega.

Heleno já notificou o vereador do PT na cidade, lembrando que ele deve respeitar os 826 votos que recebeu, comparecendo às sessões legislativas como ocorre com todos que se elegem com o voto do povo. (Com informações de Anchieta Santos/para o Blog/foto reprodução)

Reginaldo Paes é eleito novo presidente do PT de Petrolina

Filiados ao Partido dos Trabalhadores foram às urnas neste domingo, 9, em todo o País para a eleição dos novos dirigentes da sigla. Em Petrolina, o processo de eleições diretas do PT (PED) ocorreu na Câmara de Vereadores. A votação transcorreu das 8h às 17h. A chapa única tendo à frente o servidor público da Embrapa Semiárido, o biólogo Reginaldo Paes (foto), foi eleita, tendo na vice Patrick Campos, bacharel em Direito ligado à Juventude PT.

Reginaldo foi eleito com 308 votos. A chapa única, na visão do presidente eleito, se deu dentro de um processo de unidade da sigla que ele considerou “inédito” em se tratando do PT petrolinense.

“Como um dos fundadores do partido aqui na cidade, essa formação da chapa contemplou todas as correntes do partido, um avanço na construção dessa nova cara que queremos destinar ao partido, seguindo a orientação das discussões petistas em todo o Brasil”, comentou Reginaldo Paes.

Para Patrick, que vem se destacando como revelação do PT petrolinense,  a nova formação fará os encaminhamentos do partido para os próximos desafios. “Temos uma caminhada dura. Somos vidraça, vamos continuar sendo e o nosso foco será organizar o partido e caminhar para a candidatura própria no Estado ano que vem. Não concordamos com uma aliança com o PSB como alguns nomes do partido já pensam em cogitar”, frisou o novo vice-presidente

O PED em Petrolina contou com 453 participantes dos cerca de 2 mil filiados no município. A chapa eleita contará com o apoio dos parlamentares petistas de Petrolina – os vereadores Professor Gilmar Santos e Cristina Costa, e o deputado estadual Odacy Amorim -, começando a fase decisiva do 6º Congresso Nacional do PT, que acontecerá dos dias 1 a 3 de junho em São Paulo. (Foto: Ascom)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br