Vídeo Blog: Antonio de Nestor afirma que atual prefeito de Cabrobó “está sem rumo”

Petrolândia: Prefeito se afasta do trabalho para cuidar da saúde

Por motivos de saúde, o prefeito de Petrolândia (PE), no Sertão de Itaparica, Ricardo Rodolfo, se afastará do cargo por 60 dias. O pedido de licença foi aprovado nesta quarta-feira  (5) pela Câmara de Vereadores.

Quem assumirá o lugar de Ricardo, a partir do próximo dia 10, será a vice-prefeita Janielma Souza. Não foi informado, no entanto, qual o problema de saúde do gestor. (foto/arquivo divulgação)

Prefeito de Tuparetama decreta três dias de luto por tragédia que matou cinco jovens

Morreu a quinta vítima do grave acidente automobilístico ocorrido na madrugada de sexta-feira (23) em Tuparetama (PE), Sertão do Pajeú. Kaíque José de Souza Marques dos Santos, de 16 anos, chegou a ser levado ao Recife, mas sequer chegou a dar entrada no Hospital da Restauração, morrendo no caminho.

Já Damiana Michelli Barbosa Pereira, 23, que foi levada à capital pernambucana, segue internada. Na tragédia, além de Kaíque,  faleceram Gabriel Araújo Piancó, 21; Guilherme Araújo Piancó, 18; e Maurício André Viana de Menezes, 20. Todos são naturais de Tuparetama. Além deles, também morreu Anderson Viana Araújo Pereira de Lima, 23, de São José do Egito (PE), também no Pajeú.

Relatos indicam que há fortes indícios de que as vítimas teriam bebido durante a madrugada, durante os festejos juninos. O sepultamento dos irmãos Guilherme e Gabriel Piancó aconteceu na tarde de ontem. Maurício Viana foi sepultado na manhã deste sábado (24), o que também deve ocorrer com Kaíque. Houve um pedido da família e, com o Hospital atestando causa da morte, não foi necessário encaminhamento ao IML de Caruaru (Agreste), como chegou a ser cogitado. O prefeito de Tuparetama, Sávio Torres, decretou luto oficial de três dias pela tragédia. (Com a colaboração de Anchieta Santos/foto reprodução)

Oposição em Salgueiro pega no pé do prefeito Clebel

Os vereadores de oposição não estão facilitando para o prefeito de Salgueiro (PE), no Sertão Central, Clebel Cordeiro (PMDB). Um dos motivos continua sendo o reajuste salarial dos servidores municipais da educação, saúde, além de agentes de trânsito e profissionais de nível superior, técnicos entre outros. De acordo com o gestor, o município não tem como conceder reajuste.

Numa audiência pública realizada nesta semana para debater o assunto, Clebel voltou a ser criticado por alguns vereadores. O secretário de Planejamento e Administração do Município, Geraldo Júnior, participou do encontro e disse ter ficado magoado com o tratamento pelos servidores.  Citou a crise econômica como fator impactante na economia do município.

Clebel também já teve uma baixa no seu governo. O farmacêutico e empresário Edilton Carvalho entregou o cargo de secretário de Saúde antes mesmo dos 100 dias de governo. Ele pediu exoneração, mas o estranho é que Edilton  vinha com seu trabalho aprovado pela população. Parece que Clebel vai ter que se virar nos trinta. (foto/divulgação)

De pupilo ao “maior traidor da história de Cabrobó”

Se existe um político em Pernambuco totalmente responsável por fazer um candidato virar prefeito, este homem tem nome e sobrenome: Eudes Caldas (PTB).

Maior liderança da história da cidade de Cabrobó (PE), Eudes elevou um inexpressivo Marcílio Cavalcante (PTB) de inimagináveis 3 pontos na pesquisa a uma vitória expressiva contra o favoritismo sindicalista de Antonio de Nestor (PSB).

Eudes fez a campanha praticamente sozinho e foi traído já nas primeiras horas, depois que o prefeito assumiu. Sem dar “pitacos” na escolha da equipe ou ter direito a qualquer indicação, Eudes nunca foi ouvido, questionado ou sequer recebeu um ‘muito obrigado’.

Demorou a tomar a decisão de romper, mas procura evitar de público as críticas a quem considera “o maior traidor da história de Cabrobó”.

“Não merece nem minha revolta, nem que eu cite o nome. Eu me recuso a tecer qualquer comentário sobre esse rapaz, que é desprovido de qualquer qualidade em um ser humano. Acreditei por um projeto de vida meu, com o povo de minha cidade. Nem tenho palavras para descrever o tamanho de minha decepção”, revelou Eudes, a um amigo próximo.

Odacy Amorim e Miguel Coelho terão primeira audiência após disputa eleitoral do ano passado

Adversários nas eleições municipais de 2016, o deputado estadual Odacy Amorim (PT) e o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), terão a primeira audiência oficial após o pleito e a posse do atual gestor. O encontro será no gabinete do socialista, às 14h30, nesta sexta-feira, 2. A pauta da reunião não é política, adiantou o parlamentar.

Conforme Odacy, a agenda com Miguel é para apresentar o projeto da construção da Escola Adventista de Petrolina. Acompanha o parlamentar um representante da Associação das Igrejas Adventistas em Pernambuco. Ele diz que a área onde será construída a escola foi doada pelo ex-prefeito e atual senador, Fernando Bezerra Coelho (PSB), e integrava as áreas da União que foram confirmadas para o município, no ano passado. O espaço fica atrás do prédio do Senai, no Bairro Vila Eduardo, zona leste da cidade.

É um encontro somente para ficar tudo organizado, solicitar a liberação de licença de construção para que a igreja possa dar início à obra. Vamos apresentar ao prefeito o projeto da escola, que será edificada numa área de 7 mil e 500 metros quadrados (m²)”, destacou o deputado.

O Colégio Adventista funciona em sistema privado e com doação de bolsas de estudo para a comunidade. A rede de escolas adventistas é uma das maiores do mundo. Segundo o petista, a unidade de Caruaru (Agreste) conta com mais de 1.600 alunos. Ele frisa também que a União Nordeste das Igrejas Adventistas distribuiu só ano passado mais de 12 milhões de bolsas de estudo na região, ficando fora apenas Bahia e Sergipe.

Frente

Presidente da Frente Parlamentar em Defesa  do Rio São Francisco e demais rios de Pernambuco na Assembleia Legislativa (Alepe), Odacy também conversará durante a audiência com Miguel sobre a vinda do colegiado, no próximo dia 19, a Petrolina. “Vou conversar também sobre essa programação da Frente, que encerrará as visitas aos rios aqui, no Rio São Francisco, para iniciarmos a montagem do relatório final”, antecipou Odacy.

Lagoa Grande: Apesar de estar apenas iniciando gestão, Cappellaro não escapa das críticas

Em Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, a população não está dando tempo ao atual prefeito Vilmar Cappellaro (PMDB) nesse início de gestão. Ele vem sofrendo um verdadeiro ‘bombardeio’ de críticas. A situação tem chamado a atenção na região.

O desabafo dos lagoagrandenses é feito via imprensa, com ênfase nos blogs locais e nas mídias sociais. As reclamações são feitas principalmente nas áreas de saúde, educação e em serviços como o apoio a estudantes universitários, que tinham transporte de graça para se deslocar a instituições de ensino localizadas em cidades vizinhas como Petrolina – cortado por Cappellaro.

Esse impasse ocorre desde o começo do ano. Mais recente, a falta de medicamentos nas unidades básicas de saúde reforçou a lista de críticas ao gestor, que após as reclamações terem se multiplicado, fez aparecer da noite para ao dia os medicamentos nos postos.

Cappellaro tem pedido calma, diz que sabe que as demandas são muitas e que tem procurado executar o que pode na gestão, mas além da situação econômica atual ser ruim no País, recebeu “uma herança de dívidas” que tem inviabilizado seu trabalho nesse começo de administração, o que o impede de colocar em prática até o momento a sua proposta de governo. Ele reforça que é cedo, pois irá cumprir o que se propôs durante a campanha eleitoral.

Só que ele sabe que já está no meio do ano e vem ficando difícil a população entender seu argumento, diante da urgência e da expectativa que o povo de Lagoa Grande tinha de sua atuação como prefeito, já que tem boa fama como administrador na rede privada. Esse, com certeza, deve ser o principal desafio de Cappellaro no seu primeiro cargos político. É aguardar.

Mais de 4 mil alunos disputam Olimpíadas Estudantis em Petrolina

A 47ª edição das Olimpíadas Estudantis reunirá mais de 4 mil alunos de escolas de Petrolina, entre crianças e adolescentes das redes pública e particular do município. A abertura dos jogos ocorreu na sexta, 26, com a presença do prefeito Miguel Coelho (PSB) e da secretária de Cultura, Turismo e Esportes, Maria Elena Alencar. A disputa ocorrerá em duas fases entres os meses de maio e outubro. Nesta segunda, 29, já ocorreram disputas da primeira fase que é a mirim e reúne estudantes de 12 a 14 anos.

A Quadra Osvaldo do Flamengo foi o palco para a abertura oficial, e será de muitos jogos. O espaço reuniu na solenidade de abertura alunos e familiares. No evento, o público assistiu ao desfile das delegações escolares e às cerimônias de juramento e acendimento da pira olímpica.

Mais importante até do que descobrir futuros atletas, essas Olimpíadas têm importância para estimular uma vida saudável e de agregar valores na formação dessa garotada como espírito de grupo, disciplina e dedicação”, disse Miguel.

A secretária Maria Elena lembra que as Olimpíadas são fundamentais para estimular a cidadania dos pequenos e jovens alunos/atletas.. “Tenho certeza que os meninos e meninas que participarem desta festa esportiva irão aprender muito sobre aspectos da nossa vida. É um momento de disputas e, acima de tudo, de integração”, disse.

Disputas

Os jogos da faixa etária mirim, iniciados nesta segunda, seguem até 14 de junho. Serão disputadas partidas em cinco categorias: futsal, voleibol, handebol, basquete e futebol society. A 47ª edição da competição é organizada pela Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes. O evento ainda conta com o apoio da Secretaria de Educação, Guarda Municipal, Polícia Militar, Univasf e diversas escolas da rede privada. (Foto: Ascom)

Estrada que liga Afrânio a Dormentes deverá ser batizada ‘Rodovia Claudio Galindo’

O prefeito de Afrânio (PE), no Sertão do São Francisco, Rafael Cavalcante (PMDB), anunciou na semana de aniversário da cidade – que completa 53 anos nesta quarta-feira, 31 – que solicitará ao Governo do Estado para que a rodovia (foto), que liga a cidade à vizinha Dormentes, passe a se chamar ‘Rodovia Cláudio Galindo’. Segundo Rafael, a homenagem ao ex-prefeito. falecido em 2013, é mais uma forma de reconhecimento da cidade a Galindo, que governou Afrânio entre 1997 e 2000 e deixou sua marca.

“A ordem de serviço para a recuperação dessa rodovia deve ser dada durante a vinda do governador Paulo Câmara (PSB) na fase do Sertão do São Francisco do Seminário Pernambuco em Ação. O ex-prefeito também será homenageado, sendo nome de uma escola na zona rural do município”, revelou o prefeito, ressaltando ainda a importante ajuda do deputado estadual Lucas Ramos (PSB), que é majoritário na cidade, em intermediar o diálogo com o governo estadual.

Companhia Independente

“Outra importante demanda que temos conversando com o governo, junto com Lucas, é a implantação de uma Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM). A exemplo do que ocorreu em Araripina, o modelo vem sendo instalado em municípios pernambucanos que fazem fronteira com outros Estados. Araripina faz com o Ceará e, no nosso caso, temos as divisas com o Piauí e a Bahia. Portanto, essa solicitação vem sendo bem trabalhada junto ao governo e acredito na real possibilidade de acontecer”, concluiu Rafael Cavalcante.

Casa Nova: Prefeito negocia pendência do município com o FNDE

Entre todas as pendências deixadas pela administração anterior a que mais preocupa o prefeito de Casa Nova, na região Norte da Bahia, Wilker Oliveira Torres, são as deixadas junto ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE – pois conforme o prefeito, afeta diretamente os alunos da rede municipal de ensino. Para resolver o problema, o prefeito esteve em reunião com o presidente do FNDE, Sílvio de Souza Pinheiro, nesta terça-feira, 16.

O fundo é responsável por prestar a assistência técnica e financeira aos municípios, órgão gestor de dezenas de programas voltados para a melhoria da educação, como Caminho da Escola, Brasil Carinho e Livros Didáticos, e o município só recebe essas ações, se estiver com as contas em dia com O FNDE por meio de recursos,  repasses e convênios.

“Acredito que o esforço que estamos fazendo junto a todos os órgãos federais e estaduais para tornar Casa Nova adimplente está dando resultado. Estamos trabalhando no que for possível para que os alunos da rede municipal de Casa Nova não sejam prejudicados”, frisou Wilker.

A expectativa de novas parcerias é positiva, avalia o gestor. “Novos convênios, melhoria dos equipamentos, novas unidades escolares e capacitação continuada dos professores”, acrescentou o prefeito. Responsável pela articulação das audiências, no âmbito do Ministério da Educação, o deputado Federal Elmar Nascimento declarou que vem ajudando o prefeito de Casa Nova.

“O Prefeito Wilker tem demonstrado empenho e está aqui cobrando, se preocupando, buscando melhorias para Casa Nova. É seguir em frente“, ressaltou. (Foto: Ascom)

Belo Jardim: Justiça Eleitoral decide cassar prefeito e município deverá ter nova eleição

Em Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco, o prefeito João Mendonça (PSB) deverá ser afastado do cargo. A decisão é do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que determinou na manhã desta quinta-feira (11), por unanimidade (sete votos a zero), a realização de nova eleição no município.

O TSE cassou a liminar, concedida em dezembro, que manteve a posse do prefeito João Mendonça (PSB), cuja candidatura havia sido indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), por rejeição das contas quando era prefeito.

Com a cassação de João Mendonça, o município passará a ser administrado interinamente pelo presidente da Câmara de Vereadores, Gilvandro Estrela (PV), até que o TRE-PE defina a data de um novo pleito. A posse de Gilvandro deve acontecer até a próxima segunda-feira (15). O TSE comunicará oficialmente sua decisão ao TRE-PE, ao qual caberá marcar a data da nova eleição, a qual poderá ocorrer em 2 de julho ou 6 de agosto.

Condenação

João Mendonça foi condenado por ter praticado diversos crimes, como enriquecimento de ilícito, dano ao erário público, pagamento de notas fiscais inidôneas, superfaturamento de obras, pagamento por serviços não executados, além de fraude em licitação. Ele foi o mais votado em outubro, com 16.007 votos. Mesmo sem o registro da candidatura, acabou empossado por liminar provisória, concedida em dezembro pelo presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes. O segundo colocado na eleição foi Hélio dos Terrenos (PTB), que obteve 14.015 votos.

Os eleitores de Belo Jardim repetem, assim, o episódio de Ipojuca (Região Metropolitana), que teve novo pleito no último dia 2 de abril, quando foi eleita Célia Sales (PTB), mulher do candidato eleito Romero Sales, cuja vitória foi impugnada pela Justiça Eleitoral. (Com informações de José Accioly/para o Blog/foto reprodução)

Salgueiro: Durante reunião com servidores, prefeito diz não ter como conceder reajuste

Em Salgueiro (PE), no Sertão Central, o prefeito Clebel Cordeiro e o vice-prefeito, Dr.Chico Sampaio, receberam na manhã desta quarta-feira (3), em seu gabinete, uma comissão do comando de paralisação, formada pela presidente do Sindicato dos Servidores Municipais (Simsesal), Edvane Teixeira, agentes comunitários de saúde, engenheiros e professores. Os servidores cruzaram os braços nesta quarta, 3, reivindicando repostas do Executivo à proposta de reajuste da categoria.

Durante o encontro, o prefeito apresentou as contas do município, pediu para que os funcionários voltassem ao trabalho e deixou bem claro que, neste momento, o município não tem como conceder reajuste.

“Aos professores eu tenho como dar o reajuste, porque a verba vem do Governo Federal. O governo municipal, neste momento, não tem como conceder um centavo que seja de reajuste ao servidor municipal. Caiu a receita do município em mais de 60%. Ano passado, nos quatro primeiros meses, o governo arrecadou pouco mais de 4 milhões, e neste quatro primeiros meses, arrecadamos um pouco mais de 2 milhões de reais, então foi uma queda na receita grande”, disse o prefeito.

Receita Federal

Clebel revelou ainda que a Prefeitura de Salgueiro tem uma dívida com a Receita Federal do ano de 2012, dentro do Serviço Auxiliar de Informações para Transparências Voluntárias (CAUC), dívida esta, que foi dividida em 12 parcelas, no valor de R$ 180 mil e o município tem que pagar.

Eu tenho um compromisso com o povo dessa terra. Estou sendo muito sincero com vocês, eu não tenho como conceder esse reajuste. Não vou enganar ninguém, se eu disser que darei não tenho como cumprir, assinalou Clebel.

A informação não foi muito bem aceita pelos servidores que insistem no reajuste.

“Pedimos um reajuste de 6,74% em fevereiro e não foi acatado. Em um momento em que todos estão em luta, em prol de reajuste para todas as categorias, o prefeito só oferece reajuste para  a educação. Não é justo oferecer aumento para uma única categoria e deixar as outras sem nada. Não vamos aceitar”, disse Edvane Teixeira. O prefeito marcou uma nova reunião com a comissão para o dia 18. (Foto: Ascom)

Jaguarari: Decisão do prefeito em fazer dez dias de festejos juninos causa polêmica

Em Jaguarari, no norte da Bahia, uma decisão do atual prefeito Everton Rocha está causando polêmica e dividindo opiniões. O gestor confirmou dez dias de festejos no São João da cidade, apesar delicado que atravessa a saúde pública.

Para uma parte da população, o prefeito (que é também proprietário da única emissora de rádio local) “parece valorizar o supérfluo e esquecer totalmente a saúde municipal”. Além da situação precária das instalações físicas dos postos, existe falta até de medicamentos básicos como também de aparelhos essenciais para seu devido funcionamento.

Segundo uma fonte do Blog, os acertos firmados verbalmente, quando da realização dos contratos por escrito, estão abaixo dos valores inicialmente acertados. A data dos pagamentos está sendo postergada entre oito a dez dias, o que comprovaria “a irresponsabilidade da gestão municipal”. Com a palavra, a prefeitura. (Foto/reprodução)

Odacy diz que deve recorrer de decisão de juiz sobre ação de cassação de Miguel Coelho

O deputado estadual Odacy Amorim (PT), adiantou nesta sexta-feira, 28, que ainda vai analisar na próxima semana, juntamente com seus advogados, a decisão do juiz Sydnei Alves, de Petrolina, o qual negou ação de sua autoria contra um suposto abuso político e de poder econômico do atual prefeito da cidade, Miguel Coelho (PSB), durante a campanha eleitoral do ano passado. A ação pedia a cassação do mandado do socialista. O Ministério Público Eleitoral havia aceito a denúncia, mas o juiz julgou pelo o arquivamento da ação.

Ainda não vi a decisão. Semana que vem estarei no Recife, analisando com os advogados, mas o caminho natural será recorrer ao TRE”, assinalou Odacy, que foi o segundo colocado no pleito.

Potencial da Enoteca é pauta de reunião entre poder público e empresários em Lagoa Grande

 

Proprietários de vitivinícolas de Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, se reuniram com o prefeito Vilmar Cappellaro (PMDB), com o objetivo de discutir ações para o aproveitamento do potencial de atuação da primeira Enoteca pública do mundo. Localizada em Vermelhos, zona rural do município, o empreendimento concentra a história da vitivinicultura regional, nacional e mundial.

A reunião contou com gestores das empresas Bianchetti Tedesco, Rio Sol, Garziera, Ducos (São Brás) e GVS Fruit Company (Sereníssima). A Labrunier justificou ausência, mas já manifestou interesse em integrar o projeto. Foram aprovados no encontro a criação de um conselho consultivo e de gestão da Enoteca como porta de entrada do enoturismo e da consolidação das atrações turísticas; a instalação de exposição permanente da história de vinho e de espumantes no mundo e na região; o cadastramento de todos os atrativos culturais, artísticos e de culinária; além de roteiros e capacitações para todos os entes envolvidos.

“Nosso desejo é que tudo o que for realizado, seja pensado, discutido, administrado e aprovado pelos parceiros públicos e privados”, declarou o prefeito Vilmar Cappellaro.

Conforme o prefeito, as ações parceiras envolverão a Prefeitura com as empresas da uva e do vinho; o governo do estado, através das secretarias da Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e do Turismo e Prodetur; universidades públicas como Univasf, instituições privadas; Instituto Federal de Tecnologias – IF Sertão; Embrapa Uva e Vinho; Instituto do Vinho; Sebrae, Senar, Senac, Senai e demais interessados. “Queremos que todos, população e turistas sejam beneficiados”, garante.

Estrutura

A Enoteca conta com estrutura para teatro, danças, palestras, aulas, seminários, lançamentos de produtos e exposições de artes. Suas instalações são arrojadas, com amplas salas de recepções, podendo ser utilizadas para coquetéis, degustações de produtos derivados da uva e espaço gourmet com o melhor da culinária típica da cidade. Com a aprovação de todos, foi elaborada uma ata e encaminhada para o gerente geral do Programa Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), Rafael Ferraz. Uma nova reunião será agendada para a participação de outras instituições parceiras.(Foto/Ascom)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por agencialaguz.com.br