‘Projeto Amanhã’ oferece cursos profissionalizantes a jovens de Cabrobó (PE)

A partir desta semana a Codevasf oferece, no município de Cabrobó (PE), Sertão do São Francisco,  cursos profissionalizantes de manutenção em motocicletas e de eletricista instalador predial de baixa tensão. Os cursos são oferecidos através do ‘Projeto Amanhã’, que tem por objetivo promover desenvolvimento social e econômico nas áreas em que a Companhia atua. Tendo como público alvo jovens de 15 a 26 anos, as aulas são realizadas em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e têm duração total de 300 horas.

A coordenadora dos cursos, Irenice Nunes, afirma que assim que a presença do projeto na cidade foi anunciada, a procura foi intensa. “Nós tivemos mais de 100 jovens procurando por vaga, mas só podíamos oferecer as 40 que foram ocupadas. Isso, por um lado, nos surpreendeu, pois são oito horas diárias de aula. Muita gente não tem tempo. Por outro lado, nós sabíamos que se tratava de uma necessidade do município e que muitos estariam dispostos a abraçar essa oportunidade”, avalia.

 Já o coordenador-geral do projeto e chefe da Unidade de Desenvolvimento Territorial da 3ª Superintendência Regional (SR) da Codevasf, Gildemar de Oliveira, acredita que essa ação, além de proporcionar aos jovens um ofício que pode lhes garantir renda, também é um importante meio de socialização e de distanciamento da marginalidade.

Ao final do curso, o aluno que tiver obtido notas satisfatórias receberá certificado de aperfeiçoamento, qualificação profissional ou curso técnico, a depender da carga horária cumprida. Em breve o Projeto Amanhã estenderá suas ações a Petrolina, onde serão ofertados cursos de eletricista instalador predial de baixa tensão e de padeiro/confeiteiro, com duração de 200 horas. (Fonte/foto:Ascom Codevasf)

Crianças do bairro João de Deus assistem à aula embaixo de árvores e usam calçada como cadeiras, denuncia líder comunitário

[slider id=”escolas-joao-de-deus”]

Mesmo pequenas, as crianças do bairro João de Deus, na Zona Oeste de Petrolina, já lidam com problemas de gente grande. Para estudar, elas enfrentam uma verdadeira maratona que vai desde à distância das unidades de ensino até a falta de estrutura das escolas. De acordo com a Usina Cultural, uma espécie de associação de moradores, estudar na comunidade é um desafio diário. E para poucos.

Os problemas envolvem as duas escolas municipais do bairro. Na Escola João de Deus não há infraestrutura para atender os alunos da unidade. Segundo informações do presidente da Usina, Francisco Gonçalves Nascimento, não existe biblioteca, cantina, quadra de esportes e sequer banheiros adequados para as mil crianças que estudam no local.

Já na Escola municipal Professora Luiza de Castro (fotos), uma reforma foi iniciada na quarta-feira (17) da semana passada. Isso seria bom, se as obras não fossem feitas em pleno ano letivo e se houvesse um espaço adequado para que todos os alunos estudassem. Das 1.200 crianças matriculadas no colégio, 666 se espremem em salas pequenas, sem cadeiras e ventilação, e 540 foram transferidas para o Cosme e Damião – bairro vizinho – estudar em um prédio alugado pela prefeitura.

A previsão é de que a obra seja concluída em até 90 dias. Para compensar a falta de estrutura e a grande quantidade de alunos, foi criado o turno intermediário. “A existência do turno intermediário fere a Lei de Diretrizes e Bases (LDB). O horário não é permitido por ser cansativo e inadequado para professores e estudantes”, explica Francisco Gonçalves.

Segundo o líder comunitário, algumas turmas da Escola Luiza de Castro ainda são obrigadas a assistir às aulas embaixo das árvores. “O batente da calçada serve como banco e o professor não dispõe de recursos para dar sua aula”, reclama.

O Blog deixa espaço aberto para alguém da prefeitura se pronunciar sobre o assunto.

Pernambuco é o 3º estado com maior número de conflitos de terra

O número de tentativas de homicídio em conflitos rurais nas Regiões Norte e Nordeste subiu entre 2011 e 2012, segundo estimativa divulgada pela Comissão Pastoral da Terra (CPT). Só nos estados do Norte, a quantidade mais do que quintuplicou: passou de 10 casos, em 2011, para 59 em 2012, crescimento de 490%. O Nordeste teve um aumento menor, de 60% – foram 10 tentativas de homicídio por conflitos agrários em 2011, contra 16 em 2012.

Ativistas e integrantes destes grupos tradicionais passaram a ser alvos em conflitos devido à pressão exercida pela expansão do agronegócio, pelo aumento da exploração de minérios e pelos efeitos de grandes obras de infraestrutura, como a construção de ferrovias e hidrelétricas.

O estado com maior número de confrontos foi o Maranhão, com 157 ocorridos neste ano. Na sequência vem o Pará (78), Pernambuco (67) e Bahia (63). Além da constante da violência no campo, as eleições municipais realizadas no ano passado não podem ser desconsideradas para explicar o excesso de enfrentamentos, pondera o advogado da CPT. “Interesses se chocam nos pequenos municípios e os conflitos rurais aumentam“, diz ele.(Fonte: G1-PE)

Secretaria de Ordem Pública diz que vai punir carroceiro que suja a cidade: “Poderá perder a carroça e o animal”

Ney

Carroça

O secretário de Ordem Pública de Petrolina, Ney Siqueira, disse a este Blog que  os carroceiros que jogam lixo e entulhos na rua estão com os dias contados.

Ele informou que as carroças passarão a ser identificadas e quem for flagrado será responsabilizado e pode perder a carroça e o animal.

“Já estamos ultimando as regras. Vamos submetê-las à Câmara de Vereadores de Petrolina para que virem lei. As carroças serão cadastradas e marcadas com identificação própria e o carroceiro cadastrado na prefeitura com todas as informações. Vamos conscientizar a todos.

A primeira infração terá apenas uma notificação, da segunda em diante será com multas e depois com a apreensão da carroça e do animal. A intenção é que eles saibam que não podem mais transgredir, pois estaremos atentos e vamos agir“, informou.

Prefeito de Dormentes (PE) vai falar ao Blog sobre os cem dias de seu governo

Roniere ReisO prefeito de Dormentes, Roniere Reis (PSB), informou que estaria hoje (24) neste Blog para uma entrevista. Ele vai falar sobre os cem dias à frente da administração.

Roniere deve elencar algumas conquistas do seu mandato, e vai comentar ainda sobre os problemas que tem enfrentado nesse início de mandato, com recursos travados por problemas da gestão passada.

Dilma autoriza adutora para Afogados da Ingazeira. FBC vai antecipar as obras

O ministro da Integração, Fernando Bezerra, informou que Afogados da Ingazeira/PE receberá um ramal do sistema adutor do Pajeú. A obra hídrica foi autorizada na manhã de hoje, 25, pela presidente Dilma Rousseff durante a visita presidencial a Serra Talhada.

A obra de abastecimento de água vai beneficiar ainda os municípios de São José do Egito, Tabira e Tuparetama nas áreas de irrigação, turismo e piscicultura. Ao todo mais de 36 mil pessoas serão atendidas.

Segundo o ministro FBC as obras da adutora custarão R$ 42 milhões e o trabalho deve começar em breve. “Abraçamos não só o desafio da adutora que vai levar água para Afogados. Estamos querendo antecipar o andamento com 150 homens mobilizados com máquinas e equipamentos“, ressaltou Bezerra Coelho. “Se possível for vamos  trabalhar dois turnos”, completou o ministro afirmando em seguida para Dilma que Eduardo “é o melhor governador que o Brasil tem”.

O empreendimento hídrico em Afogados ampliará o potencial de irrigação da região em mais 522 hectares, o que deve gerar cerca de quatro mil postos de trabalho, entre empregos diretos e indiretos.

Pesquisa do Blog: Lóssio lidera em Petrolina. Fernando Filho aparece na segunda colocação

O Blog apresenta agora o resultado da pesquisa de intenções de votos em Petrolina. O prefeito Júlio Lóssio (PMDB) está posicionado em primeiro lugar com uma diferença de 12 pontos para o segundo colocado.

Fernando Filho (PSB) assumiu a segunda colocação se afastando de Odacy Amorim (PT) que travava com ele a disputa pelo segundo lugar. Rosalvo Antonio (PSOL) aparece em quarto lugar.

A pesquisa foi realizada pelo Instituto Arcerte Pesquisas (a mesma empresa que fez as pesquisas e acertou todos os resultados na última eleição na disputa entre Gonzaga e Lóssio no município de Petrolina), entre os dias 04 a 06 de agosto de 2012.

A margem de erro calculada é de 1,84% para mais ou para menos. Foram realizadas 900 (novecentas) entrevistas, não tendo havido nenhum descarte.

Registro no TSE

A presente pesquisa está registrada no TSE sob o nº63/2012, podendo ser publicada a partir do dia 11/08/2012.

Observações

1 – Os resultados das tabelas, cujas somas das percentagens não totalizam 100%, são decorrentes de arredondamentos ou múltiplas respostas;

2 – As alternativas das questões que não aparecem nos resultados é porque não tiveram nenhum voto;

3 – A pesquisa passou pela auditagem em 30% dos entrevistados, sendo validada em 100%;

4 – A pesquisa foi cadastrada na Abep, sob nº 0429/2012.

A ARCERTE PESQUISA É ÚNICA EMPRESA NO VALE DO SÃO FRANCISCO FILIADA À ABEP (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EMPRESAS DE PESQUISA SOB Nº 00175).

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br