Santa Filomena poderá ganhar polo educacional da Univasf

Uma parceria firmada entre a prefeitura de Santa Filomena (PE), Sertão do Araripe, e Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) promete viabilizar a instalação de um polo de Educação a Distancia (EAD) na cidade mais nova da região.

Segundo o prefeito de Santa Filomena, Cleomatson Vasconcelos, a meta da gestão é fazer todas as adaptações necessárias para que, se possível, o início das aulas com as primeiras turmas aconteça até o segundo semestre de 2017. Os últimos reparos estão sendo efetuados no prédio do Ginásio Municipal Laudelino Freire Mororó, no Centro da cidade, que possivelmente comportará os cursos de graduação e pós-graduação da instituição no município.

Os interessados em concorrer às vagas deverão ter concluído o ensino médio e participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As inscrições para o Enem 2017 estarão abertas a partir das 10h do dia 8 de maio até às 23h59, horário de Brasília, do dia 19 de maio. Para se inscrever, basta acessar o endereço eletrônico http://enem.inep.gov.br/participante.

 

 

 

 

 

 

Parceria entre Coelba e Secretaria de Saúde da Bahia ajuda a mapear focos de dengue no Estado

Mais de 21 mil possíveis focos do mosquito Aedes Aegypti foram identificados por leituristas da Coelba, empresa do Grupo Neoenergia, na capital e interior da Bahia. Completando, neste mês, um ano de parceria com o Governo do Estado, através da Secretaria de Saúde (Sesab), a Coelba já totaliza 325 municípios mapeados, com os possíveis criadouros identificados e informados às autoridades sanitárias. Na liderança das cidades com maior número de focos identificados estão Salvador (1.801), Paripiranga (1.197) e Buritirama (958).

A estratégia de cooperação da Coelba é simples: utilizar os mais de 1,5 mil leituristas que, diariamente, coletam consumo mensal de energia elétrica dos mais de 5,8 milhões de clientes, para identificar focos do mosquito e informar as autoridades sanitárias sobre potenciais criadouros. As anotações e indicações dos locais sob risco são feitas através dos equipamentos utilizados para a coleta de leitura.

As informações – endereço e coordenadas geográficas – são disponibilizadas diariamente para as secretarias de saúde municipais de todo o Estado, além da disponibilização destas informações no aplicativo para celular ‘Caça Mosquito’, do governo estadual.

A intenção é dar mais agilidade ao mapeamento dos focos de reprodução e auxiliar na eliminação do mosquito que transmite doenças como a dengue, zika, chicungunha e febre amarela. As informações são da Coelba.

 

Sento Sé qualifica jovens através de cursos bancados pelo Fundo Estadual de Combate à Pobreza

A Prefeitura Municipal de Sento-Sé, no norte baiano, em parceria com o Governo do Estado, promoveu curso profissionalizante de Eletricista de Instalações Prediais, do Programa TRILHA, realizado pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte do Estado da Bahia (Setre). A capacitação contou também com a parceria da Fundação Dr.Renato Machado (Fundarem) e foi executada com recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (Funcep).

O curso aconteceu no Colégio Estadual Dr.Juca Sento-Sé e teve duração de 400 horas. A finalidade do curso é qualificar profissionalmente jovens de 16 a 29 anos para atuar na área de construção civil como eletricistas de instalações prediais.

A coordenadora de qualificação profissional, responsável pelo Programa TRILHA, Kadine Santos é encarregada por todo o processo de planejamento, execução, monitoramento das ações, para na conclusão do curso os alunos apresentarem o Trabalho Final de Curso (TFC) para ter direito ao certificado. A equipe local, contratada pela Setre, através de instituição Fundarem, é composta pelo coordenador local, Donato José; a monitora do módulo social, Eulália Santos Rodrigues; o monitor profissional, Aparício Carvalho Santos; a psicopedagoga Givarlene Pacheco; e a pedagoga Givorlania Rocha.

Givorlania Rocha ressaltou a importância do curso para a população local. “Diante da dificuldade de conseguir emprego atualmente, um curso profissionalizante é uma oportunidade e uma chance a mais para os jovens conseguirem um emprego. Nessa formação vimos muitos jovens confiantes com essa nova chance para entrar no mercado de trabalho e aquisição do primeiro emprego”, disse. (foto: Ascom)

Petrolina será polo de projeto-piloto contra Aedes aegypti

Uma parceria firmada no dia de ontem (11) entre a Secretaria de Saúde de Petrolina e a fábrica da Moscamed Brasil irá ajudar na realização de uma pesquisa de controle do Aedes aegypti. A secretária Magnilde Albuquerque, juntamente com a secretária executiva de Vigilância em Saúde, Marlene Leandro, reuniram-se com o diretor da empresa, Jair Fernandes Virginio, para conhecer o projeto e dar início às atividades de monitoramento e controle do mosquito – vetor de doenças como zika, dengue e chikungunya. A ideia é fazer do município um polo de projeto-piloto contra o Aedes.

Fernandes ressaltou que esse projeto é pioneiro não somente no país, mas no mundo. “Nós estamos dando início às articulações técnicas e institucionais com a Prefeitura de Petrolina. Já nos reunimos com o prefeito Miguel Coelho e agora fomos recebidos pela secretária Magnilde. A ideia é construirmos uma alternativa para o manejo integrado de combate ao vetor“, frisou.

O diretor ressaltou que esse controle é feito com o próprio mosquito. “O objetivo é fazer as liberações desses insetos esterilizados. É um projeto diferente do que vínhamos realizando, não vamos usar o mosquito transgênico. Vale ressaltar que vamos liberar os machos, eles não se alimentam de sangue e não vão incomodar a população. Estamos discutindo este projeto piloto, vamos realizar o monitoramento para saber o índice de infestação em campo e começar os planejamentos. Já estamos buscando os recursos nos Ministérios da Saúde e de Ciência e Tecnologia, assim que forem disponibilizados, já vamos dar início às ações”, explicou.

Para Marlene Leandro, esta parceria vem para consolidar o trabalho já realizado pela Secretaria de Saúde no controle de doenças como dengue, Zika e Chikungunya. “Esse é um projeto piloto aqui na região, e o objetivo de todos é combater o mosquito. Essa foi nossa primeira reunião, porém, vamos ter outros encontros para o desenvolvimento e sucesso das ações. A primeira delas será a identificação da área que será utilizada. Vale ressaltar que o trabalho que já vem sendo desenvolvido pelo município vai continuar, esse é só mais um reforço”, concluiu. As informações são da assessoria da SMS. (foto/divulgação)

Elismar copia Osório e fecha parceria com prefeitura para recuperar rodovia estadual

Como o Governo de Pernambuco não está atendendo solicitações para recuperar rodovias estaduais em Petrolina, maior cidade do Sertão, os vereadores resolveram partir para a ação. Depois do presidente da Câmara Municipal, vereador Osório Siqueira (PSB), agora é a vez de Elismar Gonçalves (PMDB) também tomar providências quanto a essa questão.

O vereador, que tem base eleitoral na região do povoado de Nova Descoberta, fechou parceria com a prefeitura, por meio de secretarias como Desenvolvimento Urbano e Infraestrutura, para recuperar com uma operação tapa-buracos a rodovia estadual que passa por comunidades próximas a Nova Descoberta e ao Perímetro Irrigado Bebedouro, dando acesso à BR-428.

“Encaminhei um ofício diante da situação precária que estava a estrada e a resposta foi que não tinha como resolver. Então, após ver negada minha solicitação e vendo a necessidade urgente da intervenção, fechei parceria com a prefeitura, quando entrei com contrapartida de mão de obra e o município com as máquinas”, relatou Elismar.

A ação também incluiu a realização de uma ampla limpeza nas comunidades. “Frisamos que essa seria uma obrigação do Governo do Estado, que negou nosso pedido para melhorar a situação precária em que estava a rodovia. E aproveitamos para solicitar ao secretário Eduardo Carvalho a limpeza de Nova Descoberta, serviço que foi atendido”, concluiu o vereador. (foto/divulgação)

Capacitação sobre Hanseníase será realizada em Petrolina até sexta-feira

Uma parceria entre a Secretaria Estadual de Saúde (SES) e a Sociedade Brasileira de Dermatologia Regional Pernambuco (SBD-PE) pretende qualificar a detecção e diagnóstico da hanseníase no Estado. Desde esta segunda-feira (3), profissionais de saúde vinculados à Atenção Primária estão participando de uma capacitação em hanseníase, que segue até sexta-feira (7) no auditório da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) e na AME de Petrolina.

Além de Petrolina, a capacitação é voltada para os profissionais dos outros seis municípios da VIII Gerência Regional de Saúde (Geres) e dos 18 municípios englobados pelas Regionais de Salgueiro e Ouricuri. Cerca de 120 profissionais participam das palestras, incluindo médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, biomédicos e técnicos de epidemiologia.

O curso aborda uma série de temas, como a epidemiologia da hanseníase no Brasil, a avaliação clínica da doença, detecção e tratamento. Nas aulas práticas, os profissionais participarão de atendimento dos pacientes e discussão de casos. Uma equipe de médicos do Hospital Otávio de Freitas (HOF), que é a principal referência em dermatologia do Estado, darão apoio nas atividades

Ainda este ano a capacitação será realizada nas macrorregiões de Serra Talhada (Sertão), Caruaru (Agreste) e Recife (Região Metropolitana). “Nosso objetivo é atingir profissionais de todo o Estado, com o intuito de estimular a capacitação dos profissionais in loco, do ponto de vista da teoria e prática. Assim, esperamos qualificar o acolhimento dos casos suspeitos, o diagnóstico da doença e, com isso, fortalecer a vigilância e controle da Hanseníase”, explica a gerente de Controle de Doenças Transmitidas por Microbactérias, Danyella Travassos. As informações são da Superintendência de Comunicação da SES.

Parceria entre Secretarias de Educação de Juazeiro e Petrolina capacitará professores

A secretária de Educação e Juventude (Seduc) de Juazeiro (BA), Lucinete Alves recebeu em seu gabinete na segunda-feira (3), a secretária de Educação de Petrolina, Maéve Melo e sua assessora, a professora Sônia Passos. Na pauta as secretárias firmaram parcerias com os Projetos de Correção de Fluxo, ‘Se Liga’ e ‘Acelera Brasil’, do Instituto Ayrton Senna, com um novo projeto de Leitura, entre outras ações conjuntas.

A parceria entre as duas cidades é muito importante, principalmente na área de Educação. Vamos disponibilizar os professores da Rede, que hoje são formadores do ‘Se Liga’ e ‘Acelera’ para capacitar os professores da Rede Municipal de Petrolina. Os bons resultados, a motivação dos educadores e alunos contribuíram para que Juazeiro se tornasse vitrine dos programas do Instituto, que fazem parte da política pública de correção de fluxo adotada pelo município“, destacou Lucinete. Ela acrescentou que os profissionais de Recursos Humanos também foram disponibilizados para passar orientações a equipe de Petrolina.

A secretária Maéve apresentou um projeto de Leitura que será trabalhado entre as escolas das duas cidades. “Podemos aprender uns com os outros na socialização das experiências exitosas, e esse é nosso objetivo, firmar parceria com a Seduc de Juazeiro, para juntos melhorar ainda mais a Educação das Redes Municipais de Ensino dos dois municípios“, finalizou a secretária de Petrolina. (foto/divulgação)

Projeto da AMMPLA tem como finalidade aumentar a segurança de ciclistas em Petrolina

Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA) fechou uma parceria com grupos de ciclistas da cidade. Intitulado “AMMPLA – Ciclista Protegido”, o projeto tem o objetivo de prestar o devido apoio aos ciclistas, além de conscientizá-los sobre as regras de trânsito.

De acordo com o diretor da AMMPLA, Geraldo Miranda, essa parceria é importante, pois com isso o órgão pretende diminuir os “conflitos nas vias” entre motoristas e ciclistas e, consequentemente, eliminar a insegurança no fluxo de veículos na cidade. “Tivemos uma reunião com alguns representantes dos grupos de ciclistas de Petrolina e discutimos as formas de tornar mais segura a realização dessa prática no dia a dia, como horários, percursos, apoio técnico-operacional, entre outros. Coletamos informações para melhorar a convivência entre ciclistas, pedestres e motoristas, afinal o trânsito é feito por todos“, disse Geraldo.

Parceria entre Sindilojas de Petrolina e instituições de ensino vai possibilitar ao associado desconto em cursos

Uma boa notícia para os associados do Sindicato do Comércio Varejista de Petrolina (Sindilojas). É que acaba de ser formalizada parceria entre o Sindicato e duas instituições de ensino: Faculdade de Educação Superior de Pernambuco e o Instituto Integrado de Educação Social do Brasil (Inesb). Durante o período de vigência do contrato, associados do Sindilojas e seus familiares, poderão obter descontos nos cursos realizados pelas entidades educacionais.

Esse benefício também poderá ser estendido aos funcionários do Sindilojas. Para ter acesso ao desconto, o associado precisa apenas apresentar a certidão de regularidade com o Sindicato. “Buscar o conhecimento é, sem dúvida, uma ferramenta para quem deseja ter êxito profissional. Avaliamos como positiva essa parceria e esperamos que os associados possam aproveitar da melhor maneira possível“, destaca o presidente do Sindilojas, Joaquim de Castro.

Serão concedidos descontos nos cursos de Técnico em Enfermagem (25%), Radiologia (25%), Segurança do Trabalho (25%), Pedagogia(35%), Administração (45%) e Educação Física (40%). A parceria prevê a realização de outros cursos, em áreas específicas. O lojista que tenha interesse em conhecer mais sobre a parceria pode entrar em contato com o Sindilojas através do telefone (87) 3861 2333.

UPAE/IMIP de Petrolina e INSS garantem atualização de políticas para profissionais do Serviço Social da unidade

Uma parceria entre a Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE/IMIP) e o INSS, que surgiu há 3 anos, tem garantido aos profissionais do Serviço Social estarem sempre bem informados sobre as mudanças referentes às políticas sociais no âmbito da previdência. Como consequência positiva, os usuários da UPAE passam a contar com uma equipe ainda mais apta à prestar esclarecimentos sobre os direitos sociais.

Neste mês, a assistente social do Instituto, Mônica Suely Tenório, trouxe como tema as alterações necessárias para o requerimento do Benefício de Prestação Continuada (BPC), que é garantido ao idoso acima de 65 anos (que nunca tenha trabalhado ou contribuído com a previdência) e à pessoa com deficiência de qualquer idade com impedimentos de natureza física, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo (que produza efeitos pelo prazo mínimo de 2 anos).

Entre as principais novidades, a alteração na previdência exige que o requerente faça a inscrição no Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico) e abre um precedente quanto à renda per capta exigida. Atualmente, para se ter direito ao BPC a renda por pessoa do grupo familiar (em casos específicos) pode ser superior a ¼ do salário vigente, desde que haja comprovação de que os gastos com o usuário comprometem o sustento da família, e o acesso a medicamentos, por exemplo, tenha sido negado pelo município e estado.

“Acredito que essa seja uma parceira relevante, até porque os usuários do INSS, muitas vezes, são os mesmos usuários dos serviços  de saúde como a UPAE. Então, é importante que a gente fale a mesma linguagem e que os assistentes sociais passem as informações ao público da forma mais fiel possível. Nós realizamos essa capacitação uma vez ao ano, pois as políticas públicas sofrem alterações, avanços e nós temos que estar sempre atualizados. Estamos à disposição e acho a iniciativa da UPAE bastante louvável”, pontuou a representante do Instituto durante a capacitação.

De acordo com a supervisora do Serviço Social, Nazaré Cunha, o objetivo realmente é capacitar a equipe e preparar os profissionais da Unidade para atender de forma eficiente a demanda que surge do ambulatório, da urgência e emergência, onde as assistentes sociais atuam. “A nossa intenção é que o usuário saia daqui só com a saúde restabelecida, e também bem informado sobre os direitos sociais que possui. A ideia da parceria surgiu das dificuldades que a gente percebe no dia a dia e da necessidade de atualização em serviço”, esclarece.

A assistente social Cintia Oliveira aprovou a parceria. “Sem dúvida, a capacitação é de suma importância para nós, pois são os assistentes sociais que estão na ponta e absorvem a demanda que ultrapassa as questões de saúde e passam a ser da assistência. Então, é de extrema relevância que a gente possa apontar os caminhos e direcionar bem essas pessoas dentro da rede”, conclui.

A assistente social do INSS deixou o Instituto à disposição para maiores informações e esclarecimentos e a supervisora do serviço social da UPAE já adiantou que outros momentos importantes como esse acontecerão durante o ano.  (Foto: ASCOM)

 

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br