Casa Nova: Prefeitura e comunidade discutem mudanças no trânsito da cidade

A cidade de Casa Nova, no norte da Bahia, passará por mudanças no trânsito. O tema foi discutido ontem (18), durante reunião entre o prefeito Wilker Torres  e a população. “Hoje não tem mais como ficar da forma que está”, constatou o gestor, ao apresentar as mudanças propostas. “Está intransitável, ninguém sabe o que é mão ou contramão. Ninguém consegue estacionar próximo à prefeitura ou ao mercado. São mudanças necessárias e urgentes, e vamos fazê-las”, resaltou.

Instalação de semáforos, municipalização, criação dos agentes de trânsito, ordenamento do estacionamento e mãos de direção nas ruas centrais foram alguns itens abordados. Para o prefeito, toda mudança tem impactos e tem de ser conversada “o máximo que puder”, e a questão do trânsito interessa a todos. “Por isso as soluções devem ser tomadas em conjunto e atender à maioria”, reforçou. Vale frisar que os moradores de Casa Nova já tinham denunciado a situação caótica do setor.

Apresentando sugestões que lhe foram feitas pelo engenheiro de trânsito, que já esteve na cidade, o prefeito falou das ideias iniciais como a localização de mais semáforos e a ampliação do estacionamento no entorno da prefeitura. Ao final, ficou acertado que o próximo debate terá a participação do engenheiro responsável para discutir as sugestões, incorporando-as ao projeto. (foto/divulgação)

Leitora faz ressalvas às mudanças no trânsito do Centro de Juazeiro

Preocupada com as mudanças realizadas no Centro de Juazeiro (BA) pela prefeitura, a leitora Mara Júlia faz sérias ressalvas.

Confiram:

Sou moradora de Petrolina-PE e trabalho na vizinha cidade de Juazeiro-BA. Minha rotina é a mesma de milhares de outras pessoas que trafegam todos os dias entre as duas cidades para trabalhar, estudar, passear, enfim…muitas são as atividades que envolvem e unem as duas cidades, que é como se fosse apenas uma.

Fui testemunha das últimas mudanças no trânsito da vizinha cidade, na tentativa de melhorar o fluxo de veículos, principalmente nos horários de pico. Melhor dizendo, além de testemunha também sou “vítima” dessas mudanças, pois a instalação de semáforos no Centro daquela cidade, mais precisamente ao redor da Agência do Banco do Brasil, ao invés de organizar o trânsito, muitas vezes complicou ainda mais, pois quando o sinal à esquerda do banco abre para os carros que vão girar à direita, o segundo sinal está fechado.

O resultado não poderia ser outro: os carros não saem do lugar e o caos se forma; motos fazem ziguezague entre os carros, o “buzinaço” toma de conta das ruas, além dos carros que tentam se imprensar de todo jeito para não ficarem para trás, quando o sinal abre. É imprescindível mencionar ainda os constantes acidentes registrados após a instalação dos referidos semáforos.

A intenção pode até ter sido boa, mas o grande problema é que os semáforos estão instalados muito próximos um do outro. O(s) engenheiro(s) de trânsito da prefeitura parece(em) não ter realizado os estudos necessários à colocação daqueles instrumentos de organização do tráfego, ou então não foram consultados engenheiros de trânsito, mas apenas foram ouvidos palpites de quem acha que entende de trânsito.

Pelo menos uma coisa é certa: o idealizador desta peripécia conseguiu tornar a vida de quem precisa transitar pelas citadas vias mais estressante e irritada.

Mara Júlia/Leitora

Vereadores terão primeira reunião sobre mudanças no Regimento Interno e na Lei Orgânica de Petrolina

Uma reunião na próxima segunda-feira, 5/06, na Câmara de Petrolina, dará o pontapé inicial quanto à discussão dos vereadores sobre as alterações no Regimento Interno do Legislativo Municipal e na Lei Orgânica do município. O encontro acontece das 14h às 18h.

O vereador Ronaldo Cancão (PTB), que integra a Comissão de Justiça e Redação da Casa Plínio Amorim, tem trabalhado nessa pauta desde o começo da atual legislatura. Na semana passada, o petebista esteve visitando os Legislativos de Salvador e de Feira de Santana, na Bahia, para que iniciativa positiva das duas Casas baianas possam ser aproveitadas na pauta das modificações que ocorrerão em Petrolina. Ele preparou um relatório do intercâmbio para apresentar na reunião de segunda-feira aos colegas.

“A Comissão de grande importância da Câmara é a de Justiça e Redação, da qual eu faço parte. Já observamos que 60% da Lei Orgânica do município e do nosso regimento estão ultrapassados, por isso iremos iniciar o debate sobre as alterações. São leis, regras com mais de 30 anos que já deviam ter sido atualizadas” , registrou Cancão.

No intercâmbio que fez aos Legislativos baianos, o vereador aponta o investimento em tecnologia como a principal diferença e frisa que Petrolina precisa evoluir neste quesito.

“Petrolina está no nível de cidades de porte médio, mas estamos muito aquém em tecnologia. Precisamos avançar, modernizar, dispor de serviços de ponta de internet. Por isso vamos iniciar a discussão dessa nova proposta com os colegas para preparar esse relatório com as alterações que devem ser feitas no regimento e na lei orgânica“, concluiu Cancão.

Projeto ‘Parque Sonoro’ tem programação alterada

O projeto ‘Parque Sonoro’, que seria iniciado amanhã (28) com uma série de concertos no Parque Municipal Josepha Coelho, em Petrolina, sofreu mudança nas datas de realização. A primeira apresentação, que estava prevista para esta sexta-feira (28), precisou ser remarcada, já que a Escola Municipal Eliete Araújo Souza, cujos alunos fariam parte da apresentação, irão aderir à greve geral.

Com a mudança, a primeira apresentação da série fica remarcada para o dia 7 de Maio. As apresentações seguem com concerto didático com escolas municipais nos dias 12 e 14/05, quando a regência fará uma homenagem ao Dia das Mães.

Para encerrar a ação, no dia 21/05, o Projeto levará ao parque um repertório diversificado com vários estilos musicais. O ‘Parque Sonoro’ é promovido pela Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes.

Os concertos são executados pela Philarmonica 21 de Setembro e pela Orquestra e Coro Novos Talentos.  A programação é gratuita e todas as apresentações acontecerão a partir das 10h. (Foto/arquivo)

Mudanças em projeto da Reforma da Previdências devem incluir fim do abono salarial

O presidente Michel Temer cedeu às pressões da base aliada no Congresso e autorizou, ontem (6), mudanças em cinco pontos da proposta de reforma da Previdência, que vão reduzir em pelo menos 17% a economia que o governo projetava para os próximos dez anos nos gastos com o INSS, ou cerca de R$ 115 bilhões, segundo estimativa da Casa Civil. A proposta original da reforma previa economia de R$ 678 bilhões em dez anos.

Esse valor, revelou uma fonte da área econômica, terá de ser compensado por medidas adicionais, sendo uma delas o fim do abono salarial, equivalente a um salário mínimo por ano a quem ganha até dois mínimos e que consome cerca de R$ 18 bilhões por ano, alcançando 22 milhões de trabalhadores. (fonte: O Globo)

Enem 2017 terá provas em dois domingos; confira todas as mudanças

A edição de 2017 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) será realizada em dois domingos, nos dias 5 e 12 de novembro, e não mais em um único fim de semana. A novidade é a principal de uma série de mudanças anunciadas na manhã desta quinta-feira (9) pelo Ministério da Educação e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela aplicação da prova.

Outras mudanças importantes dizem respeito à prova de redação, que passará a ser aplicada no primeiro dia do exame, e o veto à utilização do Enem para a obtenção do certificado de conclusão do ensino médio, que voltará a emitido pelo Exame Nacional de Certificação de Jovens e Adultos (Encceja). (mais…)

Governo anuncia mudanças no ‘Minha Casa, Minha Vida’; famílias com renda de até R$ 9 mil poderão ter acesso ao programa

Famílias com renda de até R$ 9 mil poderão ter acesso aos financiamentos do ‘Minha Casa, Minha Vida’. Atualmente, o limite para participar do programa era de R$ 6,5 mil. As faixas de renda do programa habitacional tiveram os limites reajustados em 7,69%, equivalente à variação da inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que encerrou o ano passado em 6,57%, mais 1,12 ponto percentual. O programa tem condições de financiamento mais vantajosas que o crédito imobiliário tradicional. A ampliação atinge as faixas 1,5; 2 e 3 do Minha Casa, Minha Vida. Com a mudança, o limite para a faixa 1,5 passará de R$ 2.350 para R$ 2,6 mil por família. Para a faixa 2, a renda de enquadramento passou de R$ 3,6 mil para R$ 4 mil e para a faixa 3, de R$ 6,5 mil para R$ 9 mil.

O valor máximo dos imóveis que podem ser financiados pelo Minha Casa, Minha Vida também subiu, e varia de acordo com a localidade. No Distrito Federal, em São Paulo e no Rio de Janeiro, o teto passará de R$ 225 mil para 240 mil. Nas capitais do Norte e do Nordeste, o limite subirá de R$ 170 mil para R$ 180 mil. O último reajuste tinha ocorrido em 2015, no lançamento da terceira etapa do programa.

O que vemos hoje é uma combinação virtuosa de estímulo ao setor com fortalecimento de um programa social da maior relevância, que é o Minha Casa, Minha Vida”, afirmou o presidente Michel Temer, durante o anúncio das mudanças nesta segunda-feira (6). Segundo ele, a preocupação do governo reúne as necessidades da iniciativa privada e a responsabilidade social com a geração de empregos.

Em seu discurso, Temer voltou a dizer que “há sinais” de que o crescimento econômico do Brasil seja retomado “já no começo do ano”. “Tenho certeza que, com a valiosa contribuição de todos, o país vai derrotar a recessão, retomar crescimento e gerar emprego. As condições para a revirada estão [postas]. O governo tem coerência, povo tem força e o Brasil tem rumo”, disse o presidente.

De acordo com o ministro das Cidades, Bruno Araújo, os novos limites do Minha Casa, Minha Vida são resultados de um “pacto” entre o governo e o setor da construção civil, mediante o que classificou como “revigoração” do programa habitacional. “Tenho certeza que o governo espera que com essa iniciativa possa ser incrementado o número participações de imóveis, [a geração de] emprego, renda e permitir que centenas de milhares de famílias brasileiras terem acesso ao sonho da casa própria”, afirmou. O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, informou que as mudanças foram aprovadas nesta manhã de forma unânime pelo Conselho Curador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Construção Civil

O governo também anunciou a meta de contatar o financiamento de 610 mil unidades habitacionais do Minha Casa, Minha Vida para este ano. O número inclui todas as faixas do programa habitacional. Desse total, 170 mil moradias serão contratadas na faixa 1, para famílias com renda mensal bruta de R$ 1,8 mil; 40 mil imóveis para a faixa 1,5 do programa e 400 mil para as faixas 2 e 3. Em relação à faixa 1, o Ministério das Cidades informou que 35 mil imóveis devem atender à modalidade entidade rural; 35 mil para a modalidade entidades urbanas e 100 mil por meio do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR). (fonte/foto: Agência Brasil)

Trânsito no Centro de Petrolina passa por novas mudanças

O trânsito de veículos no Centro de Petrolina passou por novas mudanças efetuadas pela AMMPLA. Para facilitar o fluxo e garantir a segurança de pedestre e ciclistas, o órgão modificou o trânsito em três pontos. Um deles, já divulgado por este Blog, diz respeito ao trecho para quem seguia da Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, sentido Avenida da Integração, que volta a funcionar como anteriormente, sendo necessária a realização do contorno no Monumento da Integração.

A outra medida foi a implantação de um semáforo na Avenida Guararapes (ao lado da Igreja Catedral) para beneficiar os pedestres.

“Para proporcionar maior segurança aos pedestres, colocamos um semáforo na Avenida Guararapes, já que ali é um fluxo natural de pessoas. Por exemplo, todas as pessoas que vêm de Juazeiro de barquinha passam por aquela avenida e ali não tinha nenhuma passagem segura para atravessar, pois não tem faixa desde a Composé até a prefeitura”, explicou Geraldo Miranda, diretor da AMMPLA.

Quem vem da orla poderá acessar diretamente a Avenida Guararapes através da Rua Joaquim André. Antes, era preciso entrar na Rua Dr. Júlio de Melo para chegar à Guararapes. Geraldo esclareceu, ainda, que disponibilizará agentes de trânsito para realizar a orientação aos condutores sobre as modificações ocorridas. (foto: Ascom PMP/divulgação)

Paulo Câmara continua mudança em sua equipe e troca líder do governo na Alepe

O governador de Pernambuco Paulo Câmara continua as mudanças em sua equipe. Após confirmar o vice-governador Raul Henry como novo secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Câmara anunciou, na tarde desta terça-feira (17), os nomes dos novos secretários de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude e de Habitação, além do presidente do Complexo Industrial e Portuário de Suape.

A pasta de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude passa a ser ocupada por Roberto Franca (atual presidente da Funase); a de Habitação, por Bruno Lisboa (diretor-executivo de Operações da Cehab); e a presidência de Suape, por Marcos Baptista (atualmente secretário de Habitação). O deputado Isaltino Nascimento será o novo líder do governo na Assembleia Legislativa (Alepe), dando continuidade ao trabalho realizado atualmente por Waldemar Borges.

Borges, inclusive, enviou nota à imprensa, por meio da assessoria, confirmando sua saída da liderança do governo na Alepe. “Há seis anos no cargo, acredito ser saudável que haja um rodízio nessa função que tanto me orgulho de ter desempenhado. A oportunidade de liderar na Assembleia o projeto político iniciado em Pernambuco por Eduardo Campos, e hoje comandado por Paulo Câmara, foi verdadeiramente um privilégio que a história me reservou (…) Coloco-me, como sempre, na condição de militante da Frente Popular de Pernambuco, à disposição para desempenhar qualquer missão que, estando ao meu alcance, venha contribuir com a consolidação e o avanço do projeto político que mais fez por Pernambuco, sobretudo pelo segmento da população historicamente menos assistidos pelo Poder Público”, destacou.

A posse dos dois novos secretários será nesta quinta-feira (19), às 16h, no Palácio do Campo das Princesas, juntamente com a de Raul Henry. As informações são do Governo do Estado.

Segurança: Moradores de Custódia temem mudanças em unidade da Ciosac

Moradores de Custódia (PE), no Sertão do Moxotó, estão aflitos diante da informação de que a unidade local da Companhia Independente de Operações e Sobrevivência na Área da Caatinga (Ciosac) será transferida para Serra Talhada, também no Sertão.

O assunto gerou tanta preocupação entre os moradores que foi criada até uma comissão na Câmara Municipal para discutir a suposta mudança e defender a permanência da unidade policial. O prefeito eleito do município Emmanuel Fernandes também já entrou na luta em defesa da unidade em Custódia. (Com informações de Anchieta Santos/para o Blog/foto reprodução).

Comando da PMPE promove mudanças estratégicas em batalhões do Sertão e Agreste

Polícia Militar PEO Comando da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) promoveu mudanças estratégicas nos batalhões de Arcoverde, Afogados da Ingazeira, Garanhuns, Pesqueira, Serra Talhada, Caruaru – entre outras cidades do Sertão e Agreste do Estado -, que passarão a vigorar em 2017.

Numa dessas mudanças, o tenente-coronel Carlos Eduardo Gomes de Sá, que estava no comando do 3° BPM de Arcoverde desde 2015, assumirá o 23° BPM de Afogados da Ingazeira. A partir de 2 de janeiro o batalhão de Arcoverde será assumido pelo tenente-coronel Alfredo Wanderley de Carvalho.

Em Afogados da Ingazeira, o tenente-coronel Fábio César vai deixar o batalhão após oito meses e assumirá a 8ª CIPM de Pesqueira. Já em Caruaru, o tenente-coronel Roberto Galindo cede o posto de comandante do 4° BPM para o tenente-coronel Ely Jobson Bezerra de Melo, que sai do comando do 9° BPM, sediado em Garanhuns. Esse, por sua vez, será comandado pelo tenente-coronel Paulo César.

Governo federal anuncia nesta quinta-feira mudanças na lei trabalhista

carteira trabalhoA poucos dias de encerrar o ano, o governo anuncia hoje (22) mudanças na legislação trabalhista. Entre as possíveis medidas, está a ampliação da terceirização – restrita hoje a atividades de suporte, como segurança e serviços de limpeza -, que deverá incluir novas áreas além das permitidas atualmente. Outra medida deve ser a prevalência do acordo entre empresas e sindicatos dos trabalhadores sobre a legislação.

Outros temas que estão sendo discutidos são a ampliação do contrato de trabalho temporário de 90 para 120 dias. Há também a formalização da jornada diária de até 12 horas. Atualmente, contratos de trabalho com jornadas superiores a oito horas diárias são frequentemente questionados na Justiça do Trabalho, que ainda não reconhece formalmente a jornada mais longa.

Uma das possibilidades é a criação de dois novos modelos de contrato. O governo avalia o tipo de contrato que inclui horas trabalhadas e produtividade, além do modelo que já vigora atualmente, baseado na jornada de trabalho.

As mudanças se darão por meio da instituição do Programa Seguro e Emprego (PSE), que alterará o Programa de Proteção ao Emprego (PPE). O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, tem afirmado que não existe a intenção de mexer em direitos adquiridos na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), tais como férias, décimo terceiro salário, Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), vale-transporte e refeição, nem com o repouso semanal remunerado. “Nenhum direito do trabalhador sofre ameaça. Os direitos do trabalhador serão aprimorados”, tem afirmado o ministro à imprensa.

A preocupação do governo é com a retomada da economia para reduzir o quadro de desempregados, estimado em 12 milhões de pessoas. Segundo Nogueira, a proposta está centrada em três eixos: segurança jurídica, criação de oportunidades de ocupação com renda e consolidação dos direitos.

Empresários

As mudanças nas leis trabalhistas têm sido defendidas por sindicatos patronais, como a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) que, no início do ano, chegou a criar um grupo para discutir possíveis mudanças nas regras atuais. Na ocasião, foram citados como problemas os dez primeiros artigos da CLT, que vigoram desde 1942. Os artigos definem os papéis do empregado e do empregador. (fonte: Agência Brasil/foto arquivo)

Possíveis mudanças no Sistema de Saúde da PM-PE são discutidas durante reunião no 8º BPM em Salgueiro

8bpm-reuniao-sismepe

O comandante do 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM), em Salgueiro (PE), no Sertão Central, Tenente Coronel Marcondes Inácio, ministrou ontem (6) uma reunião sobre as possíveis mudanças no Sistema de Saúde dos Policiais e Bombeiros Militares Estaduais de Pernambuco (Sismepe), além de outros órgãos do Estado.

Durante o encontro, um representante do Sismepe esclareceu ao efetivo o novo modelo de plano de saúde e as mudanças a serem implementadas em relação ao plano de saúde atual, no qual cada membro da corporação contribui com 1% do soldo. O valor arrecadado, no entanto, é muito baixo e equivale a apenas 30% dos custos de manutenção do sistema, ficando o restante (70%) sob a responsabilidade do Governo do Estado.

O novo modelo a ser implementado no Sismepe prevê um aumento na contribuição dos militares do Estado, conforme a faixa etária em que se encontra, bem como cada dependente, ficando os valores diversificados – correspondendo no total de 50% da contribuição – sob responsabilidade dos policiais, e o restante (50%) a cargo do governo.

Integrantes do 5º Grupamento de Bombeiros de Salgueiro e do 8º BPM debateram sobre o assunto, tiraram dúvidas e fizeram avaliação das propostas, chegando à conclusão sobre possíveis equívocos. (foto: 8ºBPM/divulgação)

Fiepe Petrolina promove palestra sobre energia ‘limpa’ e mudanças no setor que poderão vir com presidente eleito dos EUA

fiepe-petrolina-palestra

O setor da energia ‘limpa’ no mundo e as prováveis mudanças que deverão ser implementadas neste segmento pelo novo presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, foram os tópicos principais da palestra apresentada na noite desta terça-feira (22) em Petrolina, pelo PhD, sociólogo e escritor Sérgio Abranches (foto). (mais…)

Profissionais da construção civil fazem manifestação no Centro de Petrolina contra mudanças no ‘Minha Casa, Minha Vida’

manifestacao-caixa-petrolina

Contrários à Portaria 160 do Ministério das Cidades, que estabelece novas regras para construção de imóveis financiados pelo Programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, trabalhadores da construção civil promoveram uma manifestação em frente à Caixa Econômica Federal (CEF), no Centro de Petrolina, na manhã desta segunda-feira (21).

Os manisfestantes querem que o Ministério das Cidades reveja a Portaria, a qual, segundo eles, praticamente inviabiliza o segmento. A Rua Antônio Santana Filho ficou interditada durante o ato. Segundo informações, representantes da Caixa receberam um grupo, mas o teor da conversa não foi informado. (foto/reprodução)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por agencialaguz.com.br