Filha de Carlos Augusto aguarda posicionamento final da prefeitura sobre apoio para Jecana do Capim

Evento dos mais tradicionais do calendário junino de Petrolina, a Jecana do Capim – que este ano chegará à sua 46ª edição – vive mais uma vez o drama quanto à sua logística.

De acordo com Maíra Amariz, uma das filhas do saudoso radialista Carlos Augusto (idealizador das Jecana), a atual administração municipal teria se disponibilizado a arcar apenas com estrutura da festa.

Para Maíra, que chegou a fazer um desabafo mais cedo sobre o assunto, que se espalhou pelas mídias sociais, só isso é insuficiente para viabilizar a festa. A este Blog ela disse entender a situação financeira delicada da prefeitura, mas argumentou não ter tempo para buscar patrocinadores, até porque a Jecana está a pouco mais de duas semanas.

Na tentativa de resolver o impasse, a secretária Maria Elena (Cultura, Turismo e Esportes) convidou Maíra, na manhã desta terça-feira (16), para uma reunião em seu gabinete. Profunda conhecedora da área cultural, Maria Elena sabe da importância da Jecana e está envidando todos os esforços em busca de uma saída satisfatória – o que ainda não aconteceu devido ao prefeito Miguel Coelho estar cumprindo agenda administrativa em Brasília (DF).

Mas segundo a filha de Carlos Augusto, uma resposta da administração deve ser dada a ela ainda hoje. (Foto arquivo/Blog)

Senai abre inscrições para cursos técnicos em Juazeiro

fieb-senai2Uma boa oportunidade para quem deseja entrar no mercado de trabalho: O Senai em Juazeiro, através do sistema da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), está com inscrições abertas para os cursos de Técnico em Logística e Técnico em Segurança do Trabalho.

A duração dos cursos varia entre 18 e 24 meses. As inscrições seguem abertas até o dia 26 de fevereiro e devem ser feitas pela internet, através do site www.fieb.org.br/senai/cursostecnicos, onde está disponível o edital do processo seletivo com a lista completa dos cursos, quantidade de vagas e carga-horária. A prova será realizada no dia 1° de março.

A unidade do Senai Juazeiro fica localizada na Avenida Adolfo Viana, s/n, no Centro da cidade. O telefone para contato é o (74) 3614-0823.

Degradação ambiental: Operadora da Hidrovia no São Francisco suspende a operação

Hidrovia São FranciscoO trecho que compreende Ibotirama (na Bahia) e Petrolina (em Pernambuco) teve o transporte hidroviário suspenso pela única operadora logística que usava a Hidrovia. A empresa Icofort Agroindustrial suspendeu o transporte do caroço de algodão realizado em comboios pelo Rio São Francisco devido o assoreamento do rio. As embarcações percorriam uma distância de 670 km.

A vazão do São Francisco também foi reduzida este ano para poupar água no reservatório de Sobradinho, que responde por cerca de 60% da água que pode ser usada para gerar energia no Nordeste. A decisão de reduzir a vazão foi do governo federal, e ocorreu também em reservatórios do Sudeste do País. A Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) utiliza a água de Sobradinho para produzir energia. (Com informações do JC On line)

Palestra em Petrolina mostrará importância da logística para empresas

Fernando TrigueiroComeçou agora há pouco no auditório do Sest/Senat em Petrolina a palestra ‘Qualidade nos serviços de logística’. O evento – que tem como palestrante o presidente da Associação Nordestina de Logística, Fernando Trigueiro (foto) – é direcionado a empresários que buscam otimizar a produção e reduzir os custos através da ferramenta.

O encontro é um “aperitivo” do que será abordado na Feira Movimat Transporte e Logística Nordeste, que acontecerá entre os dias 25 e 28 de março em Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife. O evento contará com seminários sobre a logística no Brasil, os serviços e tipos da ferramenta.

“Na palestra de hoje, nós vamos mostrar aos empresários a importância de sempre se atualizarem para manter a competitividade e conquistar novos clientes. Todos os dias chegam multinacionais estruturadas a nossa região, então as empresas devem parar para perceber que as coisas estão mudando com muita velocidade”, explicou.

A ideia é mostrar aos participantes como otimizar a produção, desde a chegada e a estocagem da matéria-prima à distribuição do produto ou serviço aos clientes. Para Trigueiro, a logística é responsável por manter o grau de satisfação dos clientes e indispensável até mesmo dentro de casa.

“O problema é que se fala muito em satisfação do cliente, mas não se pratica. O exemplo disso é a quantidade de Procons espalhados pelo país porque as empresas estão deixando os clientes insatisfeitos. A logística faz isso acontecer: eu pego o produto, envio esse produto e ele chegará à casa do cliente exatamente como ele pediu, no dia e na hora em que solicitou. Se pararmos para analisar, a logística existe até dentro de casa, seja na reorganização da sala ou até na disposição dos produtos do mercado”, analisou.

Representante do IF Sertão-PE sugere a secretária Lúcia Giesta melhor logística a profissionais do ‘Mais Médicos’ em Petrolina

Num e-mail enviado ao Blog, o representante do Departamento de Obras do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão de Pernambuco (IF Sertão-PE)/campus Petrolina, Luis Plasencia, informa que os profissionais do programa ‘Mais Médicos’ no município ainda não têm a logística ideal, e aponta sugestões à secretária de Saúde, Lúcia Giesta.

Confiram:

Lúcia GiestaCom relação ao Programa “Mais Médicos”, espero Sra. Secretária, sinceramente, que se estruture uma logística à altura da nossa cidade e da competência de sua pasta, considerando os altos investimentos recebidos para a área de Saúde, pelo poder público municipal- seguindo informações do CGS- Cerest e do Acesso à Informação, para que esses profissionais de saúde, estrangeiros como eu, encontrem as condições suficientes e necessárias para o desempenho de suas funções e atribuições profissionais, que tanto a nossa população mais desprovida de atenção – como tenho podido constatar nas minhas visitas técnicas, aos fins de semana, como voluntário cidadão – precisam.

Acontece, Sra. Secretária, que em algumas cidades brasileiras esses médicos do Programa foram alocados – como sertanejo diz, “no lugar em que Judas perdeu as botas”, em um albergue de final de caminho. Prevejo que seria melhor alocá-los na área urbana de Petrolina, e disponibilizar transporte e estada em dias ou noites, em que possam atender nas comunidades rurais ou suburbanas.

Acredito que sua pasta tenha uma organização estratégica e saiba até demais o diagnóstico das principais carências salutares das principais aglomerações populacionais de nosso município.

O tempo em que convivemos, lado a lado (CREA-ASSEA-Cremepe), muro com muro, aprendemos que a multidisciplinaridade e a empatia entre as profissões que lidam em mais de 100% das vezes com nossa sociedade tão carente de sensibilidade humana.

Considere, assim, Sra. Secretária, a sugestão como mínima contribuição de um engenheiro civil, preocupado como a gestão da saúde em Petrolina, e apostando na nova profissão que surge: a Engenharia Pública.

Luis Plasencia/Reitoria-Departamento de Obras/IF Sertão-PE (Petrolina)

Localização estratégica de Salgueiro atrai novo curso da UPE

Localizado no entroncamento das BRs-116 e 232, o município de Salgueiro (PE), no Sertão Central, será o ponto de bifurcação da Ferrovia Transnordestina, que seguirá em direção aos portos de Suape, em Pernambuco, e Pecém, no Ceará. Diante da localização estratégica e dos empreendimentos que devem se instalar na região, a cidade receberá, em 2014, o mais novo curso tecnológico superior da Universidade de Pernambuco (UPE): gestão em logística. A expectativa da instituição é de, em três anos, atender a demanda crescente de profissionais da área na região.

A universidade em Salgueiro, que atualmente conta somente com um curso superior – administração –, receberá os novos 40 alunos já no primeiro semestre de 2014. De acordo com Clóvis Gomes, diretor do campus, a oportunidade de se ter o curso de gestão em logística consolida um polo de formação de linha administrativa para a instituição. “O curso vem dar sequência, suporte, a uma área de atuação que estamos buscando para o nosso campus. A cidade conta com essa necessidade e tem condições de ser um centro de desenvolvimento nessa área”, comentou.

A UPE espera que as turmas de logística sejam compostas majoritariamente por estudantes do Sertão pernambucano, a exemplo do que já ocorre no curso de administração. Ainda de acordo com Clóvis Gomes, Salgueiro hoje já possui um mercado de trabalho aquecido por conta de empresas de distribuição e armazenamento de materiais e por ser caminho para quem segue para cidades como Recife (PE), Fortaleza (CE) e Petrolina. “A cidade hoje é o que se diz ser um ‘porto seco’, por conta da importância de transporte, das indústrias. E isso traz essa tendência e necessidade de se construir uma estrutura logística e administrativa”, ressaltou.

Atualmente, a UPE já conta com outros cursos de gestão em logística, nos campi da Mata Norte e Mata Sul do estado. Para concorrer a uma vaga, os estudantes precisam participar do processo seletivo normal da universidade. As inscrições para o vestibular seriado seguem até o dia 14 de agosto; para o vestibular tradicional, têm início no dia 5 de agosto. Os interessados devem acessar o site da instituição. (Do G1-PE)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br