Dr.Pérsio contesta números da Prefeitura de Petrolina sobre laqueaduras: “Era para terem feito 2 mil, mas só fizeram 161”

persio

Embora tenha procurado isentar a atual secretária de Saúde de Petrolina, Mara Gonçalves, que está no cargo há pouco mais de dois meses, o vereador da bancada de oposição, Dr.Pérsio Antunes (PV), não se convenceu dos números apresentados por Mara. Na última quinta (9), ela fez na Casa Plínio Amorim a prestação de contas do terceiro quadrimestre de 2015 e primeiro quadrimestre de 2016.

Para Pérsio, no entanto, os relatórios fiscais “foram maquiados” pelo Governo Julio Lossio com dados que incluem serviços realizados também pelos governos federal e estadual. Exemplo disso, segundo ele, são as tomografias e ressonâncias. “Isso é alta complexidade. É a União, o estado que estão investindo e o dinheiro vem para as empresas que fazem os exames. A Secretaria só faz autorizar”, declarou o oposicionista.

Outro item citado por Pérsio foi uma emenda que apresentou a um projeto transformado em lei, referente ao planejamento familiar, destinando R$ 5 milhões para procedimentos de laqueaduras tubárias. O vereador informou que de 2015 até agora deveriam ter sido feitas 2 mil cirurgias de laqueadura, mas apenas 161 foram realizadas. “Um dos representantes dos hospitais que fazem a laqueadura participou de uma reunião com a secretária e perguntou pelas cirurgias, já que não estão operando. Quer dizer, são programas eleitoreiros. Fazem 160 cirurgias, em vez de 2 mil, tiram fotos, colocam na mídia e fazem propaganda (a prefeitura), como se tudo tivesse uma beleza”, alfinetou.

Dr.Pérsio ataca programa de laqueaduras da Prefeitura de Petrolina: “É politiqueiro”

dr.persio

O vereador oposicionista Dr.Pérsio Antunes (PV) voltou a atacar a administração do prefeito de Petrolina, Julio Lossio (PMDB). Desta vez o alvo das críticas foi um programa de laqueaduras tubárias, pelo qual o gestor comprometia-se em oferecer 2 mil procedimentos desse tipo em um ano, dentro do Programa ‘Aniversário Saudável’, idealizado pelo município.

Dr.Pérsio levantou a questão, na sessão plenária de ontem (12), após comentário do líder governista Ednaldo Lima (PMDB), o qual afirmou que o vereador “é contra” o programa. O ex-aliado de Lossio não gostou e partiu para o revide, tachando o programa de “politiqueiro”.

De acordo com Dr.Pérsio, o programa de laqueaduras existe desde 1996 durante o Governo FHC. Em Petrolina, ele apresentou um projeto de lei para regulamentar a iniciativa, colocando R$ 5 milhões no Orçamento Municipal. Após lançar o programa, Lossio prometeu as 2 mil laqueaduras para este ano, mas em quatro meses só conseguiu realizar 170 procedimentos. “Vocês acham que em oito meses a prefeitura chegará a 2 mil laqueaduras?”, indagou à imprensa, durante a sessão de ontem.

Sobre o ‘Aniversário Saudável’, o vereador alfinetou o líder ao afirmar que o programa “é mentiroso” porque tem fins meramente eleitorais. Ele disse que a ex-secretária de Saúde, Lúcia Giesta, uma das prefeituráveis, vem andando de casa em casa, tirando fotos com os comunitários petrolinenses e oferecendo um kit preventivo no dia do aniversário de cada um deles, com base em informações repassadas pelos agentes comunitários. “A população de Petrolina tem 320 mil habitantes. Eles vão ter condições de dar um kit todo mês, no aniversário destes 320 mil habitantes, durante o ano? Os exames de colo de útero passam três meses para chegar aos postos de saúde, as ultrassons passam um ano para fazer, as cirurgias ginecológicas levam dois anos, e o governo não dá solução. Isso (‘Aniversário Saudável) é uma enganação”, desabafou.

Outras obras

Dr.Pérsio disse ainda que o governo municipal “tem muita propaganda e pouca ação”, citando como exemplo o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), o Centro Administrativo, o Canal da Integração, o call center, os dois shopping centers e a regularização fundiária.

Mulheres iniciam processo para realização da cirurgia de laqueadura em Petrolina

DSC01569Mais 30 mulheres iniciaram ontem (15) os procedimentos necessários para a realização da cirurgia de laqueadura. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, ao todo, 162 mulheres já iniciaram esse processo e 15 cirurgias já foram realizadas. A iniciativa faz parte do Programa Municipal de Laqueadura, que visa proporcionar às mulheres mais uma alternativa de planejamento familiar.

Durante a reunião, as usuárias participaram de uma palestra sobre planejamento familiar e já saíram com seus exames pré-operatórios agendados. Para participar, a paciente deve residir em Petrolina, ter mais de 25 anos, pelo menos dois filhos com mais de seis meses de idade e o consentimento do companheiro. O passo seguinte é procurar a unidade de saúde do seu bairro e informar à enfermeira que deseja participar do Programa.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br