Ministro e prefeito anunciam pacote de R$ 8,1 milhões para construção de creches em Petrolina

A área da primeira infância em Petrolina receberá um pacote de investimentos no valor de R$ 8,1 milhões. O montante foi garantido pelo ministro da Educação, Mendonça Filho, e pelo prefeito Miguel Coelho, na manhã deste sexta-feira (21), na cidade. Os recursos serão destinados à construção de cinco Centros de Educação Infantil (CMEI) e oferta de 685 novas matrículas para a rede municipal de ensino.

As creches serão instaladas nas comunidades da Vila Eulália, Jardim Petrópolis, Henrique Leite, Terras do Sul e Nova Petrolina. Desses equipamentos, um será Tipo 1 do MEC, com capacidade para 376 crianças em dois turnos, ou 188 em tempo integral. As outras quatro creches serão Tipo 2, com 188 vagas para dois turnos, ou 94 em período integral. Todos os equipamentos são de alto padrão com características de engenharia e mobiliário destinadas a crianças de zero a cinco anos.

Segundo Miguel Coelho, no segundo semestre outras cinco unidades do CMEI serão anunciadas. Os recursos já estão pactuados com o Ministério da Educação, totalizando junto com o que foi liberado nesta terça, mais de R$ 20 milhões para Petrolina.

A Prefeitura já inicia agora a licitação dessa primeira etapa e dará uma contrapartida de pelo menos R$ 4 milhões. Quanto às demais creches, vamos anunciar provavelmente próximo do aniversário da cidade. Já selecionamos os outros bairros contemplados pelos CMEI de acordo com a maior necessidade de atendimento, seguindo um critério técnico e responsável e abolindo práticas antigas que seguiam conveniências políticas“, explicou o socialista.

Compromisso

Mendonça Filho, por sua vez, ressaltou o compromisso do Governo Federal em ampliar os investimentos na rede de educação do Sertão de Pernambuco. “Queremos ajudar a expandir cada vez mais o atendimento e melhorar a qualidade da educação na primeira infância. Centros como estes proporcionam um horizonte diferenciado para as crianças de Petrolina e garantirão o futuro da cidade“. As informações são da assessoria da PMP. (Foto/divulgação)

Guilherme Coelho e os investimentos para o setor agrícola de Petrolina: “Sempre precisa de mais”

Defensor ferrenho do Projeto Pontal para os pequenos colonos de Petrolina, o deputado federal Guilherme Coelho (PSDB) aproveitou a passagem do governador Paulo Câmara (PSB), na última sexta-feira (14), durante o Seminário ‘Pernambuco em Ação’, para pedir mais investimentos do Estado no setor agrícola do município.

“Por mais que se traga investimentos para Petrolina, sempre precisa de mais”, justificou o parlamentar, que anunciou para o mês de agosto a licitação de lotes para os colonos e as pequenas e médias empresas no Pontal. O processo estava parado há 16 anos.

Na última semana, Guilherme também trouxe o presidente da Agência Nacional das Águas (ANA), Vicente Andreu, para debate o cenário hídrico delicado da região. No mês passado, a ANA determinou que, uma vez por semana, o abastecimento para os perímetros irrigados de Petrolina sejam restritos apenas a consumo humano e animal.

Vídeo Blog: Em Petrolina, Paulo Câmara confirma vários investimentos durante ‘Pernambuco em Ação’

Em busca de investimentos, Rui Costa anuncia viagens à Ucrânia e China

Ucrânia em agosto e China em setembro. Esses são os destinos de viagens internacionais anunciados pelo governador Rui Costa nesta segunda-feira (17). Durante coletiva de imprensa realizada na cidade de Santaluz, onde completou sua 300ª viagem pelo interior baiano, Rui afirmou que está de viagem marcada para a Ucrânia, onde assinará termo de compromisso com uma empresa produtora de insulina, que deve se instalar na Bahia.

É uma excelente notícia. Hoje foi publicado no Diário Oficial da União a regularização pelo Ministério da Saúde e a Bahia será produtora de insulina para fornecer para o Brasil inteiro. Estava aguardando essa publicação para ir à Ucrânia assinar o contrato. Algo muito importante para a saúde pública e também por conta dos empregos que vamos gerar“, disse Rui ao justificar a viagem ao país europeu.

Chineses

Mais cedo, antes de viajar para Santaluz, Rui adiantou também que fará uma viagem à China em setembro deste ano. O anúncio aconteceu em Salvador durante entrevista a uma rádio. Esta será a segunda viagem do governador ao país para negociações com empresários chineses interessados em obras e investimentos na Bahia.

Na última sexta (14), um grupo de chineses também se encontrou com Rui, em Salvador, avaliando possibilidades de investimentos. A reunião com os chineses teve ainda o objetivo de promover o intercâmbio de cooperação econômica e comercial, além de fortalecer laços de amizade e parcerias comerciais. (foto: GOVBA/divulgação)

Paulo Câmara e os investimentos anunciados aos sertanejos

Cobrado pelos sertanejos por mais investimentos para a região, o governador Paulo Câmara (PSB) deu a resposta que todos gostariam durante o Seminário ‘Pernambuco em Ação’, realizado no dia de ontem (14) em Petrolina. A começar da cidade-anfitriã do evento.

Uma das principais notícias foi a confirmação de uma escola técnica estadual em Petrolina, que ficará numa área de 27 mil metros quadrados doada pela prefeitura. Paulo Câmara assinou também um termo de compromisso para iniciar, já no segundo semestre, as obras para uma Academia de Pernambuco.

Na área de abastecimento d’água, o governador um conjunto de ações para o reforço do setor hídrico na região. Serão implantados dois novos sistemas adutores para atender a população de Santa Maria da Boa Vista e Lagoa Grande, no São Francisco. A capacidade do Sistema Adutor Maria Tereza Coelho, que atende os municípios de Dormentes, Afrânio e Petrolina, também será ampliada com investimento de R$ 2,6 milhões, juntas, as intervenções vão beneficiar cerca de 29 mil pessoas.

Em Santa Maria, a implantação do Sistema Adutor Redenção vai beneficiar um total de quatro mil pessoas. Assinado pelo chefe do Executivo estadual, o convênio receberá um aporte de R$ 2 milhões para a operação e manutenção do trecho beneficiado, com vigência de cinco anos. A intervenção contempla a captação flutuante no Rio São Francisco e 23 quilômetros de sistema adutor, com diâmetro entre 150 e 300 mm.

Paulo Câmara assinou também um convênio para implantação do Sistema Adutor do município de Lagoa Grande. Com um investimento de R$ 218 mil e prazo de conclusão previsto de 30 dias, a obra contemplará a instalação de 5,1 km de tubulações, com diâmetro de 250 e 200 mm, para interligação entre a estação elevatória de água tratada e o reservatório elevado da localidade Agrovila, em Lagoa Grande. A ação vai permitir a ampliação de oferta de água para cerca de 10 mil habitantes da cidade.

Para reforçar o abastecimento da Zona Rural de Dormentes, Afrânio e Petrolina, foi autorizada a obra de ampliação da capacidade do Sistema Adutor Maria Tereza Coelho. Ao todo, serão beneficiados cerca de 15 mil habitantes dos três municípios. A ação, que contará com um aporte de R$ 381 mil, consiste na implantação de 4,5 km de tubulações com diâmetro de 250 mm, permitindo um incremento previsto de aproximadamente 30% no volume de água disponibilizado à população, aumentando a vazão do sistema de 50 litros por segundo (l/s) para 65 l/s. A conclusão desta obra está prevista para setembro próximo.

Infraestrutura e segurança

Ainda durante o seminário, Paulo Câmara confirmou um conjunto de ações que vão fortalecer a infraestrutura viária e urbana de diversos municípios do São Francisco. Ao todo, serão investidos cerca de R$ 5,3 milhões para a recuperação das PEs 550, 635 e 149; pavimentação de ruas, praças espaços públicos de seis municípios; e requalificação e expansão da iluminação pública de Cabrobó. As ações visam a melhorar a qualidade de vida da população e acelerar o desenvolvimento social e econômico de toda a região.

Na segurança pública, o governador já tinha anunciado, em sua última visita a Petrolina, a convocação de novos policiais militares e a contratação de 140 novos delegados – além de 600 agentes – para a Polícia Civil em todo o Estado, também assegurou a instalação de um Grupamento Tático Aéreo (GAT) para Petrolina. Paulo justificou que os investimentos não chegaram antes devido a um “grande esforço” da sua gestão para equilibrar as contas públicas, para honrar compromissos do governo como, por exemplo, a folha do funcionalismo estadual. Que seja. O mais importante é que as esperadas ações reivindicadas pelos sertanejos devem não apenas chegar com força à região, como também fortalecerão o discurso do próprio Paulo.

Senhor do Bonfim: Agricultores familiares serão beneficiados com quase R$ 2 milhões pelo governo estadual

Na agenda que cumpriu na última terça-feira (3) em Senhor do Bonfim, no norte da Bahia, o governador Rui Costa autorizou a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) a construir unidades sanitárias residenciais rurais, implantar um sistema de distribuição de água, para dessedentação animal e assinou convênios do Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR/SDR). O governador também autorizou a aquisição de equipamentos de laticínio, para a unidade de resfriamento de leite instalada no distrito de Quicé, no valor de R$ 493 mil, beneficiando diretamente 42 famílias, e entregou 15 mil mudas frutíferas e de essências florestais, com um investimento de R$ 19 mil.

De acordo com o secretário da SDR, Jerônimo Rodrigues, a agenda em Senhor do Bonfim é um aporte de peso para a agricultura familiar. “São quase R$ 2 milhões em investimentos e isso revela a preocupação do governador Rui Costa com o segmento. Ele determinou que fosse feito um levantamento das agroindústrias paradas, para colocar em funcionamento. Hoje, além de entregar uma Casa de Mel, que foi reformada, foi autorizada também a recuperação de um laticínio, bem como a entrega de mudas e assinatura de convênios“.

Jerônimo lembrou também que “neste início do segundo semestre de 2017, o Governo do Estado se destaca em nível nacional por estar cumprindo o seu programa de governo, especialmente na área de desenvolvimento rural. Já alcançamos mais de 60% da meta estabelecida no programa e, com mais um ano e meio de trabalho, vamos ultrapassar nossa proposta e fazer algo mais”.

A coordenadora da Central das Associações da Agricultura Familiar do Território de Identidade Piemonte Norte do Itapicuru (Caaf Tipn), Maristela Viera, que representa 42 associações do território, disse que esse foi um dia de festa. “A agricultura familiar da nossa região ganha hoje um grande impulso. Com esse apoio do Governo do Estado, nossos agricultores ganham mais estímulo e, certamente, a renda das famílias beneficiadas vai aumentar“.

Investimentos

Ainda em Senhor do Bonfim foi inaugurada uma Unidade de Beneficiamento de Mel, no valor de R$ 129,3 mil, beneficiando a todos os apicultores da região e entregues 100 mil mudas de palma forrageira para alimentação animal. Para a instalação do sistema de distribuição de água para dessedentação animal, o Governo do Estado vai investir R$ 408,7 mil, e para a construção de sanitários residenciais rurais serão aplicados R$ 357,3 mil.

Comercialização

Houve também a entrega de 30 barracas para qualificação da feira livre e dinamização da comercialização dos produtos da agricultura familiar do de Senhor do Bonfim. O agricultor Jorge Antônio Pereira é coordenador da Feira Orgânica da região, iniciativa que tem o apoio do Governo do Estado, por meio da CAR/SDR. “Hoje estamos recebendo 30 barracas, que vão beneficiar 66 famílias de pequenos produtores. Nós tínhamos apenas 20 barracas, eram quatro produtores por barraca. Agora são 50. Poderemos trazer uma quantidade de produtos muito maior. É a quarta vez que o governo vem em nosso socorro. Já recebemos um trator, um caminhão, 50 barracas e temos o apoio da certificação orgânica”, analisou. As informações são da SDR. (Foto/Karoline Meira)

Bahia é segundo estado em volume de investimentos entre janeiro e abril

A Bahia registrou, no primeiro quadrimestre de 2017, o segundo maior volume de investimentos entre os Estados em termos absolutos. Com R$ 723 milhões destinados a obras e ações na capital e no interior, o Estado fica atrás apenas de São Paulo neste quesito. No que diz respeito à evolução do montante investido em comparação com igual período do ano passado, o governo baiano, com crescimento de 10,2%, superou o paulista, que registrou 7,6%.

Os dados foram apresentados nesta terça-feira (20) pelo secretário da Fazenda do Estado, Manoel Vitório, durante audiência pública na Assembleia Legislativa (AL-BA). Vitório enfatizou que a Bahia vem se mantendo em equilíbrio fiscal mesmo diante da recessão prolongada, o que assegura a capacidade para investir. Em 2016, a Bahia já havia sido responsável pelo maior investimento do país como proporção da despesa.

Paulo Câmara anunciará em Petrolina nesta segunda-feira investimentos de R$ 5 milhões em saneamento

O governador Paulo Câmara confirmou presença nesta segunda feira (19) em Petrolina, para assinar um convênio no valor de R$ 5 milhões com vistas a ampliar o sistema de esgotamento sanitário do município. O serviço será executado em parceria com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do são Francisco e Parnaíba (Codevasf). O titular da 3ª Superintendência Regional (SR), Aurivalter Cordeiro, também assinará o convênio.

Na ocasião será autorizada a abertura do processo licitatório para a execução da obra, que também inclui a urbanização (pavimentação) da nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) no Centro da cidade. O evento ocorrerá às 15h na ETE da Compesa, Pedra do Bode. O prefeito Miguel Coelho, o secretário estadual da Casa Civil Antonio Figueira e o presidente da Compesa, Roberto Tavares – entre outras autoridades – prestigiarão a cerimônia.

As obras da 2ª etapa da ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) do município serão executadas em 18 meses e irão contemplar ações na Bacia do Jatobá, com a implantação de rede coletora de esgoto, beneficiando 5 mil pessoas. Nenhuma cidade do porte de Petrolina no Norte, Nordeste e Centro Oeste, apresenta a estrutura de abastecimento d’água e esgotamento sanitário. Petrolina possui um percentual de 80% de tratamento de esgoto, que está intrinsecamente relacionado à qualidade de vida da população.

Investimentos

Nos últimos 10 anos, o Governo do Estado, através da Compesa, investiu mais de R$ 160 milhões em ações de abastecimento d’água e esgotamento sanitário em Petrolina, utilizando parcerias com os Ministérios da Integração e das Cidades. Apenas na nova estação de tratamento e na nova rede de coleta foram aplicados R$ 65 milhões -uma unidade moderna, que é referência no Nordeste. A nova ETE garantiu um aumento de 60% na produção de água da cidade. A rede de distribuição foi modernizada e automatizada, o que garante à cidade um abastecimento regular, com mil litros de água por segundo. As informações são do Governo do Estado.

 

Investimentos nos festejos juninos de Petrolina pretendem consolidar cultura local nessa época do ano

Concurso de ruas ornamentadas, de quadrilhas juninas, dos sanfoneiros, Corrida dos Namorados, Vaquejada, Jecana do Capim, apoio ao Forró no Beco e Forró da Apae, entre outros. Todos os eventos que integram o circuito junino de Petrolina receberam, este ano, da atual administração municipal, os investimentos necessários para se consolidar. Outros, inclusive, estão retornando à programação, prometendo não mais saírem.

A organização das tradicionais atrações, que se completam com a volta do ‘São João nos Bairros’ e o evento principal no Pátio de Eventos Ana das Carranças, chega para deixar o clima junino cada vez mais forte entre os petrolinenses.

Assim como o São João nos Bairros, que foi resgatado para aquecer o ritmo dos festejos juninos, outras atrações estão de volta, como a tradicional Corrida dos Namorados e o Concurso de Carroças, marcados para 11 de junho; e de Ruas Ornamentadas no período, de 20 a 22. “Este olhar demonstra a nossa preocupação não só em resgatar, mas também em valorizar as diversas manifestações culturais do nosso povo. Quando estas pessoas participam destes eventos devidamente caracterizadas, ludicamente, elas brincam com seus costumes”, explica a secretária municipal de Cultura, Turismo e Esportes, Maria Elena Alencar.

Dentro do ciclo junino, ainda há espaço para manifestações religiosas como a Festa de Santo Antônio, na Ilha do Massangano, e as Rodas de São Gonçalo realizadas tradicionalmente na área de sequeiro de Petrolina.

A programação é a seguinte:

1/06 – Forró do Beco – Iate Clube

8 a 11/06 – Vaquejada  – Parque Geraldo Estrela

11/06 – Corrida dos Namorados  – Orla

11/06 – Concurso de Carroças – Orla

13/06 – Festa de Santo Antônio – Ilha do Masssangano

13/06 – Concurso de Violeiros –  Concha Acústica

14/06 – Concurso de Sanfoneiros –Concha Acústica

15/06 – Festival de Quadrilhas – Ginásio do Sesc

18/06 – Barca do Forró – Saída: orla de Petrolina

20 a 22/06 – Concurso de Ruas Ornamentadas

24/06 – Forró da Espora –Pátio Ana das Carrancas

24/06 -Arraial do Dadau – Zé Matuto

25/06 – Missa do Vaqueiro -Orla

30/06 a 2/07 – Jecana do Capim

Cumprindo agenda em Petrolina, embaixadora dos Emirados Árabes discute possibilidade de investimentos

Em visita oficial a Petrolina nesta quarta-feira (3), a embaixadora dos Emirados Árabes Unidos, Hafsa Abdullah Mohamed, foi recepcionada pelo prefeito Miguel Coelho. No encontro, o gestor apresentou as potencialidades da cidade, programas sociais e projetos ligados à geração de energia renovável e sustentabilidade.

É uma parceria importante que estamos iniciando para nossa região. Petrolina é uma cidade exportadora com diversos potenciais e sabemos da capacidade de investimento dos Emirados Árabes, principalmente, na geração de energia. Este é um passo significativo para grandes negócios e oportunidades tanto para Petrolina como para outras cidades da região”, explicou o prefeito, após a reunião.

Um novo encontro foi marcado com o prefeito e Hafsa Abdullah na Embaixada dos Emirados Árabes, em Brasília. “A embaixadora ficou muito empolgada com a visita a Petrolina. Vamos trabalhar para trazer investimentos nessa segunda reunião em Brasília e estreitar os laços do Sertão com os Emirados Árabes“, antecipou o prefeito.

A reunião contou ainda com as presenças da vice-prefeita Luska Portela e das secretárias Kátia Carvalho (Desenvolvimento Social) e Laura Recena (Planejamento e Sustentabilidade). Após o encontro com o prefeito, a embaixadora visitou a Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) e fazendas de Petrolina. Fonte: Ascom PMP/foto: Ivaldo Reges

Paulo Valgueiro rebate declarações de gerente da Compesa: “Cara de pau”

O vereador da bancada de oposição na Casa Plínio Amorim, Paulo Valgueiro, não gostou nem um pouco das declarações do gerente regional da Compesa, João Raphael Queiroz, o qual afirmou ontem (25), durante audiência pública, que os investimentos da empresa em Petrolina, na área de água e esgoto, não foram maiores por conta da gestão do ex-prefeito Julio Lossio, que tentou quebrar a concessão do serviço. Valgueiro tachou o gerente de “cara de pau”, justificando que Lossio tentou justamente buscar um diálogo junto à Companhia, em buscas de melhorias para o abastecimento d’água e esgotamento sanitário da cidade, e não obteve êxito.

O vereador enviou ao Blog uma nota, manifestando seu repúdio às declarações de João Raphael. Confiram:

É muita cara de pau, para pouco óleo de peroba! Isso mesmo. Não há outra forma de definir a atitude do gerente regional da Compesa, Sr. João Raphael Queiroz, em colocar a culpa da má gestão da Compesa em Petrolina na gestão do Prefeito Julio Lossio.

Não é segredo que foi exatamente pelo fato de a Compesa faturar alto em nossa cidade e não oferecer a devida contrapartida, investindo em saneamento, que o Prefeito Julio Lossio tentou municipalizar o sistema de água e esgoto do município, que é superavitário.

E é bom que se diga, que antes de partir para o embate visando ao cancelamento da concessão para exploração dos serviços de saneamento em Petrolina, a gestão de Lossio buscou o diálogo junto à Compesa para tentar encontrar uma solução para a melhoria do serviço, sem que tenho obtido êxito.

E o que vimos, ao longo dos últimos anos, foi a sociedade ser castigada pela má gestão da Compesa, que esteve em audiência pública na Câmara de Vereadores, nesta terça-feira, 25 de abril, justamente em decorrência das reclamações da população em Petrolina, que sofre sem água nas torneiras e com os inconvenientes da falta de esgotamento sanitário em vários bairros da cidade.

Sabemos, também, que os últimos investimentos realizados pela Compesa no Município de Petrolina foram feitos com recursos do Governo Federal.

Infelizmente, parece que a Compesa tem usado a receita arrecadada em Petrolina para financiar a sua incompetência gerencial em outras cidades pernambucanas, deixando a nossa cidade desabastecida e a população sedenta de soluções para o abastecimento de água e o esgotamento sanitário que lhes proporcione uma melhor qualidade de vida.

Talvez uma pista para a falta de recursos para investimentos da Compesa em nosso Município e no Estado seja a odiosa parceria que a Compesa fez na região metropolitana com a empresa mais corrupta de história do Brasil: a Odebrecht, cuja promiscuidade em todos os seus negócios tem saltado aos olhos da nação em um dos maiores escândalos de corrupção que já tivemos notícias.

Mas não estou aqui para torcer contra. Ao contrário, espero que a Compesa aprimore os seus serviços e possa estar trazendo mais investimentos para a nossa cidade e transforme Petrolina em um canteiro de obras de saneamento de qualidade, beneficiando toda a população e fazendo de Petrolina uma cidade ainda melhor para se viver. Aliás, esse é um compromisso que a Compesa vem assumindo e é isso que todos nós esperamos dela.

Paulo Valgueiro/Vereador do PMDB

Gerente da Compesa em Petrolina garante que investimentos em água e esgoto só não foram maiores por causa do Governo Lossio

Momentos antes da audiência pública que começou agora há pouco na Casa Plínio Amorim, sobre os problemas no abastecimento d’água e esgotamento sanitário de Petrolina, o gerente regional da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), João Raphael Queiroz concedeu uma rápida entrevista à imprensa, assegurando que a empresa fez os investimentos necessários no setor. Segundo ele, o que atrapalhou foi a gestão municipal passada, do prefeito Julio Lossio, que tentou quebrar a concessão da Compesa.

Segundo João Raphael, os R$ 65 milhões enviados pelo governo federal foram aplicados para melhorias no setor em Petrolina. No entanto, a tentativa do governo passado em quebrar a concessão da Compesa impediu a Companhia de continuar investindo no sistema em mais bairros da cidade.

“Estávamos fazendo um investimento muito alto, e a gente precisa que esse investimento retorne aos cofres da empresa. Então isso fez com que a gente não investisse mais em bairros onde não existe rede coletora, infraestrutura, para que a gente possa operar e dar manutenção ao sistema”, explicou.

Esperado para a audiência, o presidente da Compesa, Roberto Tavares, estava cumprindo agenda em Brasília (DF) e não pôde comparecer. Igor Falcão, representante da prefeitura, está no debate.

Energia: Leilão da Aneel permitirá mais de R$ 12,7 bilhões de investimentos em transmissão em 19 Estados

O leilão de transmissão nº 5/2016 realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) propiciará R$ 12,7 bilhões de investimentos em transmissão nos Estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe. O certame ocorreu nesta segunda-feira (24) na sede da B3 em São Paulo, e resultou no arremate de 7.068 km de linhas de transmissão e subestações com 13.132 Mega-Volt-Amperes (MVA) de potência. A Receita Anual Permitida (RAP) contratada foi de R$ 1,6 bilhão. Dos 35 lotes ofertados, 31 foram arrematados.

O ministro das Minas e Energia, Fernando Filho, esteve na capital paulista para acompanhar o leilão e comemorou o resultado. “O país ainda vive muitas dificuldades no cenário político e econômico, mas aqui estamos falando de investimentos de 30 anos, de pessoas que apostam no futuro do Brasil e que acreditam que o país começa de fato a se recuperar, como estamos vendo pela queda dos juros, pela queda da inflação, pela volta dos empregos“, afirmou.

O leilão apresentou deságio médio de 36,47% ao preço inicial ofertado. Isso significa que a receita dos empreendedores para exploração dos investimentos ficará menor que o previsto inicialmente, contribuindo para modicidade tarifária. O resultado do certame representa uma economia, em 30 anos, de R$ 24,2 bilhões para os consumidores.

As empresas vencedoras terão direito ao recebimento da Receita Anual Permitida para a prestação do serviço a partir da operação comercial dos empreendimentos. O prazo das obras varia de 36 a 60 meses e as concessões de 30 anos valem a partir da assinatura dos contratos. As informações são do Ministério. (Foto/divulgação)

Gerente regional da Celpe confirma investimentos de R$ 27 milhões para Petrolina este ano

O gerente regional da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe), Evandro Simões, anunciou nesta segunda-feira (10) investimentos na ordem de R$ 27 milhões para Petrolina este ano. A notícia foi divulgada por Simões durante reunião do Conselho Empresarial da Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe). Esses recursos, segundo ele, serão destinados à ampliação da rede de distribuição e na construção da subestação Petrolina III.

De acordo com o gerente, que está na região há três meses, a Companhia vem apresentando um crescimento substancial de investimentos a cada ano. “Em 2015, investimos em obras no município cerca de R$ 16 milhões e em 2016 esse valor cresceu para R$ 24 milhões. Investimos forte também em manutenção preventiva, com inspeções, podas de árvores e correções de potenciais falhas na rede”.

Simões enfatizou ainda que os resultados obtidos com os planos de investimento e de manutenção preventiva são respostas à nova filosofia da companhia: ‘ser mais ágil, fazer mais fácil e estar mais próximo’. Após a palestra, o representante da Celpe respondeu alguns questionamentos levantados pelos conselheiros da Fiepe.

O conselheiro e representante do segmento de construção civil, Alexandre Araújo, viu boas perspectivas não apenas para Petrolina. “Com a implantação desse novo modelo, quando temos aqui uma gerência regional de operações de fácil acesso, creio que estamos diante de uma das melhores notícias para o setor produtivo de Petrolina e região”, pontuou. (fonte/foto: CLAS Comunicação)

 

Miguel Coelho afirma que Compesa deverá investir este ano R$ 20 milhões em ações de saneamento em Petrolina

Um dos três entrevistados no final da manhã desta quinta-feira, 30, do Programa Debate, da Rádio Jornal, no Recife, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), afirmou que sua gestão está focada em fazer a cidade recuperar o título de uma das mais saneadas do Brasil. Para isso já acertou com a Compesa, empresa estatal do estado que gerencia os serviços der água e esgoto na maior cidade do sertão pernambucano, investimento de cerca de R$ 20 milhões ou para implantação de saneamento ou recuperação dos sistemas deficitários no município.

“O petrolinense cobra uma melhor gestão da Compesa nessa área. Por isso tive como primeiro ato de governo, um ato com a presença da Compesa para mostrar que nosso foco será fazer Petrolina voltar a ser referência em saneamento. Nós retrocedemos 25% de nossa cobertura que já superou 80% anos atrás, por isso o nosso compromisso é que este ano a Compesa já invista cerca de R$ 20 milhões ou já implantando novas redes ou recuperando equipamentos para oferecer um serviço melhor a nossa cidade”, ressaltou Miguel.

Outro ponto destacado pelo prefeito e que focando o saneamento contribui diretamente para atuar forte no segmento é a revitalização do Rio São Francisco. Miguel contou que já iniciou um programa de georreferenciamento para orientar sobre a ação de recuperação do rio.

“Já iniciamos o trabalho de retiradas das baronesas que é conhecida como planta lixo e seu grau de incidência no rio demonstra como anda a poluição na área. Iremos depois fazer um processo de reoxigenação do São Francisco e após esse trabalho, em parceria com a Codevasf, vamos realizar a colocação de alevinos como parte dessa ação de revitalização”, listou o prefeito de Petrolina.

Além de Miguel Coelho, participaram também do programa apresentado pelo comunicador Geraldo Freire e que debateu o desafio da gestão municipal, os prefeitos de Olinda, Professor Lupércio Nascimento (SD) e de Igarassu, Mário Ricardo (PTB). (Foto: Reprodução Site Rádio Jornal)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por agencialaguz.com.br