Campo Alegre de Lourdes: Sem condições de atendimento, Hospital Municipal é interditado

A população de Campo Alegre de Lourdes, no norte da Bahia, está sem atendimento médico no Hospital Municipal da cidade. Por conta disso a unidade teve de ser interditada para higienização. O prefeito Dr. Enilson (PCdoB), acompanhado da secretária de Saúde, Aline Almeida, e de alguns Vereadores, médicos e profissionais da área fizeram uma visita ao hospital e constataram diversas irregularidades e precariedades, o que justifica a interdição, confirmando o relatório da equipe de transição elaborado na entrega do órgão no primeiro dia do novo governo.

O hospital está tomado pelo mau cheiro, tem material infectado e lençóis usados no chão. Faltam macas e aparelhagem de emergência, equipamentos básicos para o pronto atendimento e todos os tipos de medicamentos. Faltam, por exemplo, esparadrapo, equipo, escalpe, gases, seringas, compressas. Medicamento de urgência só existe Buscopam”, disse a prefeitura, em nota.

Com relação à estrutura da unidade médica, a nova gestão afirma que “as paredes contêm rachaduras e infiltrações e há uma parte do teto sem forro, deixando o bloco cirúrgico totalmente exposto, o que possibilita uma infecção hospital. A sala de raio-x, nestas mesmas condições, está imprópria para uso. O gerador de energia também está quebrado”, segundo a nota.

Medidas

Será solicitada uma vistoria da Vigilância Sanitária nos próximos dias para que, se necessário, seja promovida a interdição total do Hospital Municipal para correção das irregularidades que põem em risco pacientes e funcionários. A nova gestão já informou que não permitirá que a população seja prejudicada. A unidade ficará com atendimento suspenso por 15 dias para higienização, manutenção e período para elaboração das licitações para a compra de matérias e medicamentos. Os serviços de atendimento serão transferidos para o posto de saúde (antigo Sesp), ao lado do hospital. (foto/divulgação)

Vigilância Sanitária de Petrolina interdita parcialmente supermercado no bairro São Gonçalo

supermercado-estrela-sao-goncalo

A Agência Municipal de Vigilância Sanitária de Petrolina (AMVS) interditou mais um estabelecimento. O alvo desta vez foi o Supermercado Estrela, localizado no Bairro São Gonçalo, zona oeste da cidade. De acordo com a equipe da AMVS, denúncias feitas pela comunidade levaram a uma inspeção do local, constatando que produtos de origem animal (carnes) não estavam sendo armazenados à temperatura adequada, além das más condições sanitárias do açougue.

Segundo Jarbas Costa, diretor-presidente da AMVS, a interdição foi parcial. “Nossa equipe encontrou um freezer desligado contendo produtos e outro com a porta quebrada impossibilitando a manutenção da temperatura adequada. A interdição foi parcial, a empresa foi autuada, multada e os produtos de origem animal foram apreendidos”, explicou, informando que as denúncias podem ser feitas pelo telefone (87) 3864-2738. O espaço do Blog está aberto para algum esclarecimento por parte da administração do supermercado. (foto/divulgação)

Menos de uma semana depois, Vigilância Sanitária de Petrolina interdita mais um hipermercado

amvs-petrolina-interdita-gbarbosa

Menos de uma semana após interditar o Makro, a Vigilância Sanitária de Petrolina interditou mais um grande hipermercado da cidade. Desta vez o alvo foi o GBarbosa, localizado no Bairro Vila Eduardo. A ação aconteceu nesta quarta-feira (16).

De acordo com a equipe de fiscalização da Agência Municipal de Vigilância Sanitária da Prefeitura (AMVS), o estabelecimento foi fechado por oferecer risco a saúde do consumidor. Durante inspeção foi identificado que alguns produtos de origem animal não estavam sendo armazenados na temperatura adequada, bem como foram encontradas fezes de roedores em alguns compartimentos do estabelecimento.

Segundo Aionne Guimarães, médica veterinária da AMVS, o depósito do supermercado teria sido outro ponto que levou à interdição. “Encontramos, além de muita sujeira no local, fezes de animais, o que inviabiliza completamente o seu funcionamento”, expôs. Diante desse quadro a equipe de fiscalização aplicou as medidas necessárias, notificando e autuando os proprietários do estabelecimento, os quais terão um prazo de 24 horas para as adequações solicitadas. Eles vão pagar uma multa de R$ 75 mil.

Colaboração

O diretor-presidente da AMVS, Jarbas Costa, voltou a reforçar a colaboração da população no trabalho da Vigilância Sanitária em Petrolina. “Os maiores fiscais estão inseridos na sociedade, pois são eles que estão diariamente comprando e consumindo os produtos”, pontuou. As informações são da assessoria da PMP. (foto/divulgação)

Hipermercado de Petrolina é interditado pela Vigilância Sanitária

interdicao-makro

Uma equipe de fiscalização da Agência Municipal de Vigilância Sanitária (AMVS) em Petrolina interditou o Hipermercado Makro nesta quinta-feira (10). De acordo com o órgão, denúncias da comunidade levaram a uma inspeção local. (mais…)

Evento esportivo interromperá trânsito no Centro de Juazeiro neste domingo

A Companhia de Segurança, Trânsito e Transportes (CSTT) de Juazeiro (BA) está fazendo um alerta aos condutores de veículos sobre uma interdição parcial das vias públicas no Centro da cidade, a partir das 7h deste domingo (6). O motivo é a realização da 2ª Corrida de Rua promovida por uma academia.

A largada se dará na Orla I e segue pela Avenida Carmela Dutra, Avenida Raul Alves, Rua Célia de Jesus, Avenida Lauro de Freitas, Praça Pedro Pereira Primo, Travessa Benjamin Constant, Travessa da Maravilha, Avenida Adolfo Viana e Avenida Juvêncio Alves, finalizando também na Orla I.

Grave: ‘Cratera’ se abre dentro do HDM e causa desespero em pacientes e funcionários

hospital-dom-malan-hdm

A Emergência Pediátrica do Hospital Dom Malan (HDM)/Imip, em Petrolina, precisou ser interditada depois que a estrutura física do local cedeu, na tarde de ontem (2). A denúncia foi repassada em primeira mão a este Blog. “A extensão do buraco é de dois metros de largura, com três metros de profundidade“, admitiu o hospital, por meio de nota.

Funcionários da unidade – que não quiseram se identificar – disseram que o incidente causou desespero entre pacientes e médicos.

A reportagem do Blog foi até o hospital, mas foi impedida de verificar o problema. A assessoria de comunicação do HDM explicou que não era possível a equipe entrar para fazer o registro fotográfico, mas, por meio de nota deu mais detalhes sobre o fato.

Segundo a assessoria, “não houve feridos e, para garantir a segurança dos pacientes e funcionários, fechou o local”,  informou, acrescentando que  a extensão da rachadura é  de quase 8 metros.

“O ocorrido foi comunicado imediatamente à Defesa Civil, à Secretaria Estadual de Saúde, que estão apurando as causas do incidente, e à Central de Regulamentação Interestadual de Leitos”, ressaltou a assessoria do HDM.

Alternativa 

Diante da situação, explica a nota, os pacientes estão sendo encaminhados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, “sendo redirecionados para o hospital apenas os que precisam de internamento, pois a Emergência Pediátrica encontra-se suspensa”, diz. “Todas as providências estão sendo tomadas, a fim de normalizar o atendimento com segurança o mais breve possível”, finaliza a nota do hospital.

Vigilância Sanitária e Conselho Regional de Educação Física fecham cerco e interditam mais três academias irregulares em Petrolina

A Agência Municipal de Vigilância Sanitária (AMVS) de Petrolina voltou a fechar o cerco contra as academias de ginástica que funcionam irregularmente na cidade. Esta semana, por exemplo, a AMVS, juntamente com o Conselho Regional de Educação Física 12ª região Pernambuco e Alagoas (CREF12 PE/AL), interditou três estabelecimentos nos bairros José e Maria, Portal da Cidade e Fernando Idalino. De acordo com a MVS, as academias estavam descumprindo normas sanitárias.

Durante a fiscalização foram constatadas a ausência de profissionais com registro no Conselho da categoria, caracterizando o exercício ilegal da profissão, e a falta, em algumas, da Licença Sanitária de funcionamento. Foram lavrados os autos de infração e interdição e as academias serão multadas. A Agência Municipal de Vigilância Sanitária encaminhará o caso ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE), para as devidas medidas cabíveis. (foto/Ilustração)

Campanha do Blog: Não à interdição da Ponte Presidente Dutra

unknown

Avenida Adolfo Viana e Orla I de Juazeiro serão interditadas neste sábado

A Companhia de Segurança, Trânsito e Transportes (CSTT) de Juazeiro (BA) interditará neste sábado (22), a partir das 6h, a Avenida Adolfo Viana e a Rua Carmela Dutra (Orla I), no Centro da cidade. O motivo é a realização da 6ª Caminhada Outubro Rosa, de combate e prevenção ao câncer de mama.

A CSTT orienta os condutores para não estacionarem nas vias interditadas, sob o risco de terem seus veículos removidos e levado ao pátio da Companhia, situada na Rua Oscar Ribeiro, também no Centro. As vias voltarão ao fluxo normal após o término do evento.

Ameaça de bomba na Câmara dos Deputados causa interdição

salao-verde-camara-deputados

O Salão Verde do prédio da Câmara dos Deputados, em Brasília, foi interditado por cerca de 20 minutos pela Polícia Legislativa, na tarde desta segunda-feira (17), devido a uma ameaça de bomba de local. Após uma varredura completa, o acesso já foi liberado.

O bloqueio aconteceu após uma ligação anônima, feita por um telefone público de São Paulo ao gabinete da Polícia Legislativa. Segundo Paul Deeter, o chefe da Polícia Legislativa da Câmara, o número foi rastreado e casos como esse “acontecem com muita frequência“. “Não vamos transformar uma coisa pequena em algo grande“, afirmou.

A ameaça foi feita sem fundamento nenhum. A pessoa disse ‘vai ter uma bomba’ e desligou o telefone“, revelou Deeter. “Falaram que seria especificamente no Salão Verde. A gente já fez a varredura completa do Salão Verde, inclusive com equipamento, e não tem absolutamente nada“, continuou.

O Salão Verde é uma das áreas mais importantes do prédio da Câmara, por onde os parlamentares acessam o plenário. (fonte: Portal iG/foto: reprodução)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br