Mais de 50 hidrômetros do SAAE furtados de bairros de Juazeiro são apreendidos

Técnicos do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Juazeiro (BA), com apoio de investigadores da Polícia Civil, conseguiram na última terça-feira (18) recuperar 50 hidrômetros do órgão municipal que haviam sido furtados. A ação aconteceu após denuncia anônima de que uma pessoa identificada por Joelson, proprietário de uma das chácaras, estava comercializando água oriunda de um poço tubular usando os hidrômetros do SAAE. A partir dessa informação a direção do SAAE fez contato com a Polícia Civil e os equipamentos foram retirados.

De acordo com o policial Jean Carlos, algumas pessoas prestaram depoimentos e confirmaram a denúncia. Ele informou que na propriedade da pessoa apontada como responsável pela instalação dos equipamentos foram encontrados mais três hidrômetros, canos e conexões utilizados nas ligações de água. Segundo as testemunhas, o valor cobrado pela água fornecida variava de R$ 20,00 a R$ 35,00 – dependendo do consumo medido nos hidrômetros. O proprietário a chácara não foi localizado pela polícia.

O diretor operacional do SAAE, Fernando Brito Júnior, revelou que diariamente são furtados cerca de 20 hidrômetros na cidade, principalmente nos bairros mais distantes. “Aqui encontramos hidrômetros pertencentes ao SAAE e a outras empresas de fornecimentos de água. Em todas as ligações de água feitas pelo SAAE é identificado o hidrômetro através de um número de série. Os que retiramos aqui foram furtados nos Bairros Codevasf, São Vicente, Nova Esperança, Antonio Guilhermino e Jardins das Acácias. O crime cometido não é o da venda de água, pois o poço é dele, mas sim pelo uso indevido dos hidrômetros que foram furtados nestes bairros”, detalhou.

Os hidrômetros foram levados para a Delegacia e a Policia continua com as investigações para identificar o culpado. A direção do SAAE orienta aos usuários que tiverem seus hidrômetros furtados a prestarem queixa na delegacia para que a Polícia investigue e chegue aos responsáveis. (fonte/foto: Ascom SAAE)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br