Sistema do Cadastro Único volta a apresentar falhas e atendimento em Juazeiro está comprometido, informa secretaria

O Sistema Cadastro Único (CadÚnico) voltou a apresentar ocorrências de lentidão e indisponibilidade em seu acesso em Juazeiro (BA), nesta segunda-feira (17). Em nota, a Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (Sedes) disse que entrou em contato com a Caixa Econômica Federal (CEF), responsável pelo sistema, e foi  informada que as equipes técnicas estão trabalhando para resolver o problema, mas não há prazo para regularização.

Como medida, a Sedes informou que atendimentos agendados para hoje dos usuários da Casa do Bolsa Família foram remarcados ao longo da semana. Qualquer dúvida o usuário pode entrar em contato através do telefone 3611-2763.

Sistema do Bolsa Família apresenta falha em Juazeiro e atendimentos são remarcados

A Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (Sedes) de Juazeiro (BA) informou que nos últimos dias o Sistema Cadastro Único (CadÚnico) tem apresentado ocorrências de lentidão e indisponibilidade em seu acesso. Em contato com a Caixa Econômica Federal (CEF), a secretaria foi informada que as equipes técnicas têm atuado no sentido da regularização dessas ocorrências o mais breve possível, de forma a permitir a normalização da disponibilidade e desempenho do sistema. Diante disso, houve a necessidade de reagendamento do atendimento para beneficiários do programa Bolsa Família que estavam marcados para esta sexta-feira (7), passando automaticamente para o dia 28/07.

O órgão municipal lembra ainda que os usuários do dia 3/07, que haviam sido reagendados para esta sexta, passam também para o dia 28/07. Qualquer dúvida basta entrar em contato através do telefone (74) 3611-2763.

Último contato entre piloto do avião da Chapecoense e torre de controle revela diálogo desesperador: “Falha total e sem combustível”

aviao-chapecoense

Áudio divulgado na tarde desta quarta-feira (30) por um veículo de imprensa da Colômbia revela o que foi o último diálogo entre o avião que transportava a delegação da Chapecoense e a torre de controle do aeroporto de Rionegro. O piloto comunicou “falha total elétrica e sem combustível”.

No diálogo, de pouco mais de 11 minutos, se ouve a comunicação do avião LaMia CP-2933 – que levava jogadores e dirigentes da Chapecoense, jornalistas e convidados – e outras duas aeronaves que também sobrevoavam a área com a área de controle.

Já nos últimos três minutos registrados pelo áudio publicado, Miguel Quiroga, piloto do avião da Chapecoense, reporta estar em “falha total elétrica e sem combustível” e se declara em emergência. Antes, ele já havia falado sobre problema com combustível, mas sem pedir emergência.

Nos primeiros minutos do áudio, a controladora explica às aeronaves que se aproximavam que havia um avião (da VivaColombia) que reportou “fuga de combustível”. Quiroga diz que está “em aproximação” e solicita “prioridade para a aproximação”, por ter “um problema de combustível”.

A torre responde que “entende o pedido de prioridade para a aterrissagem” e pede confirmação. A voz do piloto não é clara neste momento, mas ela prossegue dizendo que “em aproximadamente sete minutos” poderá iniciar a aproximação.

Na reta final do áudio, pouco mais de um minuto depois de dizer que estava “em falha total elétrica e sem combustível”, Quiroga grita “vetores, senhorita, vetores – como havia descrito testemunha em outro áudio divulgado nesta quarta-feira. A torre avisa que ele está a 8,2 milhas do aeroporto, e pouco depois se ouve “Jesus”.

A torre de comando pergunta então a que altitude a aeronave está naquele momento, mas não recebe mais resposta. O último diálogo registrado no áudio é do piloto de outra aeronave consultando o rumo a seguir para realizar seu pouso.

Mais cedo, Alfredo Bocanegra, diretor da Aeronáutica Civil da Colômbia, havia concedido entrevista à rádio local “Blu” e explicado a diferença entre pedido de “prioridade” e “emergência”.

Bocanegra afirmou que é preciso diferenciar os termos utilizados na linguagem aérea e que “uma coisa é prioridade e outra coisa é se declarar em emergência, que quer dizer que há um perigo insuperável, e é isso que passou”.

Último diálogo

Veja o trecho do diálogo com a última comunicação do avião da Chapecoense:

Piloto: Senhorita, LaMia 933 está em falha total, falha elétrica total, sem combustível.

Torre de controle: Pista livre e esperando chuva sobre a superfície, Lamia 933. Bombeiros alertados.

Piloto: Vetores, senhorita, vetores para a pista.

Torre de controle: O sinal do radar se perdeu, não tenho, notifique o rumo agora. (…) Não tenho sua altitude, LaMia 933.

Piloto: 9 mil pés, senhorita… Vetores, vetores.

Torre de controle: Você está a 8,2 milhas da pista.

Piloto: Jesus

Torre de controle: Qual altitude tem agora?

(Entra piloto do voo Colombia 3020)

Torre de controle: Lamia 933, posição?

(fonte: ESPN/foto reprodução)  

Mais um erro: Site do Enem informa fim das inscrições antes do prazo

Vários internautas reclamaram de mais uma falha no site de inscrições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).  No final da noite deste domingo (26) e no início da madrugada desta segunda-feira (27) uma mensagem informava que as inscrições para o exame estavam encerradas.

Segundo os internautas, ao entrarem na página de inscrições no Enem aparecia a mensagem “inscrições encerradas” . Mas as inscrições podem ser feitas até as 23h59 desta segunda.

A assessoria de imprensa do Ministério da Educação confirmou que houve um erro pontual na inserção indevida da frase na tela de entrada da inscrição para o Enem no início da madrugada, mas que em nenhum momento as inscrições foram encerradas. Segundo o MEC, entre 0h e 1h desta segunda-feira foram feitas 8.237 inscrições, número superior registrado no mesmo horário do domingo (26). (Com informações do G1)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por agencialaguz.com.br