Nota de Direito no Enade coloca curso da Facape na média nacional

O curso de Direito da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape) logrou êxito na última avaliação do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) realizado em 2015. Com nota 3, o curso agora está na média nacional, evidenciando a evolução no ensino da Instituição e no desempenho dos estudantes do curso.

A prova do Enade avalia o rendimento dos alunos de graduação, ingressantes e concluintes, em relação aos conteúdos programáticos dos cursos em que estão matriculados. Em novembro de 2015, 259 discentes dos três turnos do curso de Direto da Facape realizaram a prova indicada pelo Ministério da Educação (MEC).

O resultado foi comemorado pelo corpo de professores e alunos. Segundo o coordenador do curso, Carlos Romeiro a nota do último Enade melhorou “É importante perceber o esforço conjunto de todos, instituição, corpo docente e discente, sabemos que ainda precisamos melhorar. O resultado ainda não reflete a qualidade do curso de direito da Facape, sendo necessário que se observe o que precisa ser corrigido para que no próximo a nota do nosso curso seja a máxima”, declarou Romeiro.

A direção da Instituição, juntamente com o Colegiado de Direito, vem se empenhando para que os próximos resultados possam melhorar ainda mais “A nota deve ser encarada como algo provocativo. Todos querem a máxima, por isso o esforço deve ser em conjunto no sentido de melhorar o curso, inclusive na sua estrutura: mais laboratórios, maior acervo bibliográfico. Bom frisar que teremos um núcleo de prática melhor estruturado e que isso será um elemento importante para o curso e para o aluno e também para a comunidade”, concluiu o coordenador. A partir de agora o colegiado visa a intensificar os trabalhos voltados para o Enade, com aulas e resoluções das provas anteriores, além de debates sobre temáticas que poderão ser cobradas no próximo exame. A meta é alcançar a nota 5 no Exame, que é a avaliação máxima.

Projeto de incubadora de tecnologia da Facape é escolhido entre os 11 do Incubatep no estado

O Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itep) divulgou o resultado do processo seletivo do programa de incubação da instituição, classificando 11 projetos inovadores. Para a Incubatep, foram selecionados seis projetos. No Invasf, em Petrolina, dois projetos serão incubados. Em Caruaru, no agreste, na Itac, foi escolhido um projeto. Na Incubadora de Serra Talhada, sertão do Pajeú, duas vagas serão ocupadas.

Os representantes dos projetos aprovados são convocados para uma primeira reunião de trabalho no dia 10 de abril, às 14h, no auditório da Incubatep (para os aprovados no Recife). Para os aprovados no interior, a data e o horário serão os mesmos, devendo os responsáveis se dirigir para as incubadoras locais (Itac, Invasf e Pajeú). Na reunião, será abordado o novo modelo de incubação e pré-incubação do Itep, a documentação necessária para a formalização do processo e esclarecimentos gerais.

A Invasf – Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Petrolina – Facape – fica no Campus Universitário, s/nº, Vila Eduardo – Petrolina.

 

 

Formandos do curso de Direito da Facape acusam ex-vocalista da Banda Novo Destak de “estrelismo” por ter abandonado show antes do combinado; Músico se defende

Em nota, a Comissão Acadêmica de Formatura e os formandos 2019.2 do curso de bacharelado em direito da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape), repudiou o músico Thiago Carvalho, ex-vocalista da Banda Novo Destak. O motivo da indignação, conforme a Comissão, foi porque o cantor teria interrompido a apresentação que comemorava a festa promovida pelos formandos na última sexta-feira (24), num conhecido bar na Orla de Petrolina.

Contratado para se apresentar durante duas horas, em uma atitude desrespeitosa deixou o palco pouco depois de 40 minutos de apresentação, causando frustração entre os formandos e público presente. Na oportunidade, registramos os nossos agradecimentos ao grupo Nosso Harém, que ao contrário do cantor Thiago Carvalho, demonstrou o máximo de respeito e profissionalismo com o público que acompanhou a sua apresentação“, disse a Comissão, caracterizando a atitude do musico de “estrelismo.

Por meio de sua assessoria, o cantor Thiago Carvalho se defendeu da acusação. “Em resposta à referida comissão, e em respeito ao público, esclarecemos que o que aconteceu foi fruto de um erro de comunicação entre os responsáveis pelo evento e a pessoa que fez a mediação com a nossa produção. Detalhes que, se acertados previamente, evitariam tais constrangimentos“, diz a nota.

Thiago Carvalho ainda pede desculpas pelo ocorrido. “Pedimos desculpas a todos os envolvidos, comissão e público, e ressaltamos que em toda a nossa trajetória artística, esse tipo de episódio não faz parte do nosso trabalho. Ao seu público, verdadeiros responsáveis pela sua carreira, Thiago Carvalho reafirma seu respeito, humildade e profissionalismo, características já conhecidas pelos seus fãs e seguidores que acompanham a sua carreira durante todos esses anos de estrada“, finaliza. (foto/divulgação)

Arquiteto da Microsoft ministrará palestra em faculdade de Petrolina nesta sexta-feira

Para conhecer o conceito e os benefícios que as empresas locais podem obter, através dos serviços em Computação em Nuvem, o colegiado de Gestão da Tecnologia da Informação da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape) promoverá nesta sexta-feira (24) a palestra ‘Computação em nuvem: é seguro para as empresas?’. O evento é aberto ao público e acontecerá no auditório principal da Faculdade, a partir das 19h.
Além de abordar os benefícios em utilizar a computação em nuvem, a palestra, que será proferida pelo Arquiteto de soluções em Nuvem da Microsoft, Vandy Rodrigues, pretende falar sobre as garantias de segurança do serviço. Segundo a organização do evento, a palestra ajudará os estudantes e profissionais da área de tecnologia a conhecer novos recursos e tirar as dúvidas com um expert.

Facape abre inscrições para vestibular do segundo semestre

Os estudantes que estão se preparando para ingressar em cursos de graduação, ofertados pela Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina – Facape, já podem intensificar a rotina de estudos. A instituição está com inscrições abertas para o Vestibular 2017.2. Estão sendo ofertadas vagas para os cursos de Administração, Ciências Contábeis, Ciência da Computação, Direito, Gestão de RH, Logística, Serviço Social e Superior de Gestão da Tecnologia da Informação.

Os candidatos podem se inscrever até o dia 24 de maio. Para participar do Vestibular Facape 2017.2 os candidatos devem efetuar sua inscrição no site da Instituição, no link: http://sistemas.facape.br:8080/vestibular/inscricao.do ou presencialmente, no setor de Concurso da Faculdade.

As provas do processo seletivo serão aplicadas no dia 4 de junho. Para os vestibulandos que concorrerão a uma das 510 vagas convencionais, o valor da taxa de inscrição é de R$110. O processo também reserva percentual de vagas para candidatos com deficiências.

Para os candidatos que cursaram o ensino médio em escolas públicas são destinadas vagas no processo seletivo na modalidade de bolsista. A aprovação no Vestibular garante bolsas de estudos integrais e parciais durante o curso. O benefício se estende para servidores da Facape e do município de Petrolina e seus dependentes. Para os bolsistas são reservadas 95 vagas distribuídas em todos os cursos ofertados pela Facape. A inscrição no Vestibular para Bolsista tem o valor de R$55.

A partir das 9h do dia 4 de junho os candidatos ao Vestibular da Facape serão submetidos à aplicação de prova no campus da Instituição. O conteúdo do exame vai exigir noções sobre português, língua estrangeira (inglês ou espanhol), conhecimentos gerais      e matemática, todos os candidatos também deverão redigir uma redação. O encerramento da prova se dará às 13h. O resultado da 1ª chamada será divulgado no dia 19 de junho.

 

Reforma Previdenciária será pauta de debate na Facape

A Proposta de Emenda Constitucional – PEC – da Reforma da Previdência será pauta de discussão na Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape) nesta terça-feira (21). A instituição organiza uma Mesa Redonda para discutir o tema e seus impactos na vida dos trabalhadores brasileiros.

O evento, que será aberto ao público, acontecerá no auditório principal da Faculdade a partir das 19h, com entrada franca.  De acordo com a organizadora do  debate, a diretora Acadêmica da Facape, Vânia Lasalvia, o objetivo é promover um bate-papo sobre as principais dúvidas que envolvem a Reforma e seus desdobramentos para os contribuintes. “Abriremos as portas da nossa Faculdade para todos que desejam discutir a Reforma e tirar dúvidas a respeito”, antecipa Vânia.

Participarão da Mesa Redonda os professores Chirley Vianna – diretora Administrativa Financeira da Facape,  Bábara Alves de Amorim, Weslei Adileu e outros convidados.

PEC

Entre alguns pontos polêmicos da PEC da Reforma Previdenciária estão fixar idade de 65 anos, para homens e mulheres, para requerer aposentadoria e elevar o tempo mínimo de contribuição de 15 anos para 25 anos. A proposta ainda revoga aposentadoria especial de professores do ensino fundamental e médio (os de universidades já foram equiparados aos demais servidores) e policiais civis.

Para servidores públicos com menos de 50 anos (homem) e 45 anos (mulher), valerão as novas regras, com idade mínima de 65 anos. Outro ponto controverso é a inclusão de políticos e militares na medida.

 

 

 

Banana, tomate e farinha impulsionam elevação do valor da cesta básica em Petrolina e Juazeiro, aponta pesquisa

Pesquisas realizadas pelo colegiado de Economia da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape), no Índice da Cesta Básica (ICB), contataram que os preços dos produtos alimentícios voltaram a subir em Petrolina (PE) e Juazeiro (BA) no mês de fevereiro, resultando no aumento da inflação de 0,91% na região.

Tomate, banana, café em pó e farinha de mandioca foram os produtos que tiveram maiores altas de preços, segunda a pesquisa. A redução na quantidade e a piora na qualidade do tomate e do café, devido a fatores climáticos, fez com que os preços médios se elevassem. Já no caso da banana e da farinha, o aumento do preço foi por causa da pouca oferta e da maior demanda dos produtos.

A pesquisa ainda constatou que o feijão carioca, o leite integral e a carne, tiveram redução de preço no mês do Carnaval. O feijão carioca se mantém com preços abaixo da média, por redução de demanda. O leite também apresenta no mercado valores mais baixos. A carne sugere as mesmas características, com preço inferior ao dos últimos meses que já é sentido pelos frigoríficos, onde sentem a redução da demanda devido aos altos preços praticados por um longo período.

Segundo a pesquisa apresentada pelo colegiado da Facape, em Juazeiro o custo da cesta básica no mês de fevereiro foi de R$ 315,98 e em Petrolina, de R$ 317,63.

Facape abre inscrições no curso de Direito para portadores de diploma

Alunos matriculados em cursos de graduação ou pós-graduação da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape), graduandos oriundos de outras Instituições de Ensino Superior ou egressos com qualquer formação podem participar do processo para admissão de alunos no curso de Direito da Facape, através de Transferência Interna, Externa e Portadores de diploma. As inscrições estão abertas e seguem até o dia 20 de abril.

Estão sendo disponibilizadas 13 vagas de ampla concorrência, para as três categorias, e uma vaga para portadores de necessidades especiais. As vagas estão distribuídas nos turnos da manhã, tarde e noite para o semestre 2017.2.

 Para participar do processo o candidato deve se inscrever no site da Facape e efetuar o pagamento da taxa de inscrição, que varia de acordo com a categoria. A seleção dos aprovados será feita através de prova escrita, a ser aplicada no dia 30 de abril. A divulgação do resultado será no dia 15 de maio e as matrículas devem ser efetivadas entre  10 a 12 de julho.

Mais informações sobre o processo podem ser obtidas no edital, disponível no link: http://sistemas.facape.br:8080/concurso/arquivos/109/edital/EDITAL_01_TRANSF_2017_2.pdf. As inscrições devem ser feitas no endereço: http://sistemas.facape.br:8080/concurso/inscricao.do

 

Mais informações sobre o processo podem ser obtidas no edital, disponível no link: http://sistemas.facape.br:8080/concurso/arquivos/109/edital/EDITAL_01_TRANSF_2017_2.pdf. As inscrições devem ser feitas no endereço: http://sistemas.facape.br:8080/concurso/inscricao.do

Facape prorroga prazo de inscrições em processo para contratação de professor substituto

A Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape) estendeu o prazo de inscrições para o processo seletivo simplificado que irá contratar professor substituto para atuação nas áreas de Geometria Analítica, Álgebra Linear e Métodos quantitativos. Para se candidatar a vaga é necessário ter licenciatura ou bacharelado em Matemática e especialização na área. O novo período de inscrição se encerra no dia 16 de março.

As inscrições são realizadas por meio eletrônico, através do site da Facape, e a taxa é de R$100. Candidatos que não dispuserem de recursos para arcar com o valor, poderão dar entrada no pedido de isenção da inscrição. Estará apto a ocupar o cargo o concorrente aprovado nas etapas de prova de conhecimento e avaliação curricular. O edital pode ser conferido acessando aqui.

Projeto de professor da Facape prevê inclusão digital através de reciclagem de peças de informática

Para diminuir a desigualdade e estimular a democratização do acesso à tecnologia, o professor Eduardo Brito, do curso de Ciência da Computação da Facape (Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Petrolina), idealizou o projeto ‘Lixo Eletrônico’, que tem o objetivo de promover a inclusão digital em comunidades carentes de Petrolina. A iniciativa será colocada em prática por meio do reaproveitamento e reciclagem de equipamentos e peças de informática descartadas por usuários.

Segundo o IBGE, no Brasil a proporção de domicílios com computadores passou de 48,9% em 2013 para 48,5% em 2014, quando totalizou 32,5 milhões de residências. Apesar do expoente crescimento da presença de PCs em residências, 60% da população mundial, ou cerca de 4,2 bilhões de pessoas, seguem sem acesso à rede mundial dos computadores, afirma o Banco Mundial. O Brasil tem 98 milhões de pessoas que não têm acesso à internet, o sétimo país com mais pessoas offline.

O projeto do professor sobre o ‘lixo eletrônico’ prevê transformar as máquinas não mais utilizadas em novos computadores, que em pleno funcionamento, são doados para entidades sem fins lucrativos que compartilharão o uso com as comunidades. É a inclusão digital através de reciclagem de peças de informática descartadas por usuários, além de promover a preservação ambienta.

De acordo com Eduardo Brito, os outros objetivos do projeto são oferecer cursos gratuitos de montagem e manutenção de computadores, eletrônica e robótica a jovens carentes e promover campanhas educativas e palestras de caráter ambiental.

“O trabalho de reciclagem e montagem das máquinas é realizado por estudantes monitores, dos cursos de Ciência da Computação e Gestão de Tecnologia da Informação, que aprendem já dentro da Faculdade o valor de transformar a vida das pessoas através da tecnologia”, revelou..

Dados

O número de pessoas que acessaram a internet por meio de um microcomputador passou da metade da população com idade a partir de dez anos, chegando a 95,4 milhões. Em todas as grandes regiões, houve aumento do número de usuários, no Nordeste esse percentual chegou a 14,6%.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br