Sem limites: Bandidos voltam a explodir caixas eletrônicos no Estado e mais uma vez em Afrânio

As explosões em caixas eletrônicos voltaram a assustar os moradores de Afrânio (PE), no Sertão do São Francisco. A investida dos assaltantes desta vez ocorreu por volta de 1h da madrugada deste sábado, 7, e atingiu a agência do Banco do Brasil e os Correios local. Fortemente armados com fuzis, cerca de 20 homens ainda fizeram de reféns oito pessoas que passavam próximo ao local das explosões, que atingiram também o cofre do banco.

“Eles chegaram em quatro veículos, tocaram fogo num carro na pista para impedir a chegada do policiamento. Estavam com armas longas e curtas de grosso calibre. Um dos reféns chegou a ser ferido de forma acidental durante a fuga dos assaltantes, mas não corre risco de morte. Todos tomaram destino ignorado“, relatou o tenente Romilson Teles, do 5º BPM.

Há dois anos, a cidade já tinha sofrido com as mesmas explosões nos caixas do BB em duas ocaisões, e uma nos Correios. Conforme relatos dos moradores, as explosões e os tiros provocados pelos assaltantes foram ouvidos por quase toda a cidade. Afrânio é mais um município pernambucano que sofre com a falta de segurança e o desaparelhamento das polícias em Pernambuco. A cidade é coberta por apenas três policiais, o que deixa a comunidade ainda com mais medo.

Bandidos assaltam agência dos Correios de município no norte da Bahia

A agência dos Correios da cidade de Itiúba, no norte da Bahia, foi assaltada novamente. De acordo com informações do 6º batalhão de Polícia Militar (BPM), o fato aconteceu ontem (1º), quando dois homens armados chegaram ao local e renderam os funcionários.

Após cometerem o crime, os elementos fugiram utilizando uma motocicleta 150 cilindradas, cor preta, sem placa de identificação.

Os policiais da 2ª Companhia da PM, desde o ocorrido, estão realizando diligências no sentido de localizar e prender os assaltantes, que tomaram destino ignorado. O 6º BPM não informou a quantia roubada. Ninguém ficou ferido.

Correios de Petrolina devem ganhar reforço de carteiros

Correios PetrolinaAlvo de críticas da população, os Correios de Petrolina devem ganhar um reforço no número de carteiros para tentar minimizar a demanda. A notícia foi garantida pelo deputado federal Gonzaga Patriota (PSB), após ter sido procurado por representantes sindicais dos Correios na cidade – Antônio Lira, Klauber Passos e Fábio Rangel.

O presidente dos Correios do Brasil, Guilherme Campos, recebeu um ofício de Gonzaga relatando os problemas enfrentados pela categoria em Petrolina, e autorizou a contratação de 20 carteiros para a cidade.

O parlamentar informou ainda que está na luta também por mais uma Central de Distribuição e disse que Petrolina, nos últimos 40 anos, saiu de 60 mil para 350 mil habitantes e que o serviço prestado pelos Correios dessa cidade precisa se igualar, pelo menos, ao de Caruaru. Atualmente 33 carteiros atendem à demanda da população petrolinense. (fonte: Assessoria parlamentar)

Correios de PE alerta população sobre vendedores se passando por falsos carteiros no Sertão do Estado

correiosA Empresa de Correios e Telégrafos (ECT) em Pernambuco está alertando a população quanto aos casos observados no Sertão do Estado, no que diz respeito à venda de caixas de correspondências.

Segundo a empresa, não existe qualquer relação comercial entre os Correios e a venda desses equipamentos. “Em caso de abordagem de vendedor se passando por empregado dos Correios, com farda falsa, denuncie às autoridades policiais, pois se trata de crime. A polícia já está atuando em casos identificados”, ressalta a ECT.

No alerta a empresa afirma que a população não é obrigada a adquirir o produto ofertado pelos vendedores. “A execução dos serviços postais à população é mantida sem alteração. Os Correios têm um rigoroso controle de uniforme. Além disso, a marca dos Correios é protegida legalmente. Caso seja identificada a falsificação de um uniforme e utilização indevida, a Polícia Federal será informada para que se abra inquérito”, completa. (foto/arquivo)

Funcionários dos Correios encerram greve em Petrolina

Em assembleia, os trabalhadores dos Correios em Petrolina decidiram encerrar a greve iniciada na última quarta-feira (26). Eles receberam uma proposta da empresa e decidiram retomar os trabalhos.

A categoria, de novo, protestou por falta de condições de trabalho e cobra da empresa a contratação de novos carteiros – uma reivindicação antiga na cidade, mas isso ainda não deve ser resolvido no momento.

De novo: Funcionários dos Correios entram em greve em Petrolina

correiosComeçou ontem (26) mais uma greve dos trabalhadores dos Correios em Petrolina, como este Blog já havia adiantado na última semana. A mobilização é por tempo indeterminado, e o que já estava ruim, deve ficar pior. A categoria, de novo, protesta por falta de condições de trabalho e cobra da empresa a contratação de novos carteiros – uma reivindicação antiga na cidade.

Segundo o presidente do Sindicato dos Carteiros de Petrolina, Antônio Lira, apenas 30 carteiros estão trabalhando em Petrolina. Ele revelou recentemente que “existem 52 carteiros no papel, mas só temos 30 trabalhando. Se tivessem os 52, ainda não dava para suprir a demanda. Em Petrolina seriam necessários 70 carteiros para atender toda a cidade”, contou. Com a palavra, os Correios. (foto/arquivo Blog)

Funcionários dos Correios em Petrolina devem cruzar os braços por tempo indeterminado na próxima semana

funcionários correios petrolinaDepois da greve dos bancários, que durou mais de um mês (a mais longa dos últimos 12 anos), os petrolinenses devem se deparar com outra pelos próximos dias. Mais uma vez os funcionários dos Correios confirmaram uma paralisação sem tempo indeterminado para acabar, a partir do próximo dia 26 de outubro.

A decisão foi tomada na manhã de hoje (18), durante assembleia da categoria, que contou com a presença do diretor do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios, Antônio Lira; do secretário de Assuntos Jurídicos da entidade, Roberto Alexandre; e do secretário-geral do sindicato em Pernambuco, Rinaldo Nascimento.

Há muito tempo os funcionários reivindicam realização de concurso público para a instituição em Petrolina, além de perdas salariais. A greve dos Correios será apenas na cidade. (Com a colaboração de Marco Aurélio/para o Blog/foto arquivo)

CDL e Sindilojas de Petrolina elaboram manifesto cobrando providências para melhorar serviço dos Correios

manifesto-cdl-e-sindilojas

O serviço precário dos Correios em Petrolina levou a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e o Sindicato do Comércio Varejista (Sindilojas) a elaborar um manifesto, cobrando melhorias. (mais…)

Trabalhadores aceitam proposta dos Correios e descartam greve

Os funcionários da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) em Pernambuco decidiram aprovar a proposta de reajuste salarial da empresa. Desta forma, a greve por tempo indeterminado foi descartada. O indicativo de paralisação tinha sido aprovado pela categoria no último dia 6. A proposta aprovada é de um aumento de 8,74% sobre os benefícios e de 9% sobre o salário.

Os 9% de reajuste serão feitos em duas partes, sendo 6% neste mês e os outros 3% em fevereiro de 2017”, explicou Rinaldo Nascimento, secretário-geral do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios em Pernambuco (Sintect-PE). Os trabalhadores também conseguiram a incorporação de gratificações no valor de R$ 150 sobre o salário. No início das negociações, a categoria exigia 15% de reajuste salarial. Pernambuco conta atualmente com cerca de 3,8 mil trabalhadores nos Correios. Segundo Eliomar Moreira, secretário de Imprensa do sindicato, empregados de outros 21 estados também já teriam aprovado a proposta da ECT na quarta-feira (14). Já os trabalhadores de Minas Gerais, Piauí e Sergipe votam pela greve por tempo indeterminado.

Em nota, os Correios declararam que, desde o início de agosto, estiveram com as representações dos trabalhadores pautando negociações para fechar um acordo coletivo que contemplasse os interesses dos empregados e da empresa. Segundo a empresa, a proposta teria “sido construída com muito esforço, empenho e diálogo”, e caso as assembleias votassem pela aprovação – o que acabou acontecendo – o acordo seria assinado nesta quinta e os valores dos reajustes seriam pagos ainda este mês. (fonte: Diario de PE)

Depois dos bancários, funcionários dos Correios podem entrar em greve nesta quarta-feira

Depois da greve dos bancários, deflagrada há uma semana, os funcionários dos Correios podem cruzar os braços nesta quarta-feira (14) por tempo indeterminado. Em assembleia realizada na última semana, realizada pelo Sindicato dos Trabalhadores dos Correios em Pernambuco (Sintect-PE), a categoria optou pela paralisação das atividades depois de amanhã, a partir das 22h. O Sintect-PE aponta para a manutenção do estado de greve e o indicativo de paralisação será efetuado na próxima semana.

Ainda segundo a entidade, 24 sindicatos de outros estados filiados à Federação Nacional dos Trabalhadores dos Correios (Fentect) também aprovaram o movimento paredista.

Na última assembleia os servidores rejeitaram a proposta do acordo coletivo 2016/2017, apresentada pela Empresa de Correios e Telégrafos (ECT), cujo reajuste salarial foi de 6,74%. De acordo com o Comando Nacional de Negociação, “somadas todas as perdas com o aumento do compartilhamento, a diminuição dos vales alimentação/refeição, reembolso, creche e babá e o vale cultura, o valor proposto pela ECT não cobre sequer metade das perdas da categoria e não repõe a inflação. Apenas reforça o objetivo da gestão dos Correios, de retirar direitos”. O reajuste pedido pelos trabalhadores é de 15% nos salários e R$ 300 linear.

Privatização

Além dessa pauta, a possível privatização dos Correios também é levantada pela categoria, que se mantém contra a medida. Nesta quarta será realizada mais uma assembleia com primeira convocatória às 18h30 e segunda às 19h, no Círculo Militar do Recife, área central do Recife. (De agências/foto reprodução)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br