Sistema do Cadastro Único volta a apresentar falhas e atendimento em Juazeiro está comprometido, informa secretaria

O Sistema Cadastro Único (CadÚnico) voltou a apresentar ocorrências de lentidão e indisponibilidade em seu acesso em Juazeiro (BA), nesta segunda-feira (17). Em nota, a Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (Sedes) disse que entrou em contato com a Caixa Econômica Federal (CEF), responsável pelo sistema, e foi  informada que as equipes técnicas estão trabalhando para resolver o problema, mas não há prazo para regularização.

Como medida, a Sedes informou que atendimentos agendados para hoje dos usuários da Casa do Bolsa Família foram remarcados ao longo da semana. Qualquer dúvida o usuário pode entrar em contato através do telefone 3611-2763.

Prefeitura de Juazeiro rebate denúncias de beneficiários de programas sociais sobre atendimento na Casa do Bolsa Família

Por meio de nota, a Prefeitura de Juazeiro (BA), através da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (Sedes), garante que o atendimento na Casa do Bolsa Família está suprindo as necessidades das pessoas que procuram os serviços oferecidos no local. A nota é referente a uma denúncia de beneficiários de programas sociais, que procuraram este Blog para informar que estariam sendo “humilhados” por conta da pouca quantidade de fichas distribuídas no local para atendimento referente ao Programa Bolsa Família.

“Não há entrega de fichas para atendimento relacionado ao Bolsa Família, este  é feito através de agendamento prévio por telefone (3611-2763)“, diz a prefeitura. A gestão explica que a Casa, recém-inaugurada, atende em média 300 pessoas diariamente. “O atendimento por fichas é referente à emissão de carteiras de idosos, sendo 20 fichas pela manhã e 20 fichas à tarde, e ao Sistema de Manutenção de Benefícios (SIBEC), com 25 fichas pela manhã e 25 à tarde, número que tem se mostrado suficiente“, reitera.

A prefeitura afirma que vem trabalhando para melhorar o atendimento e reforça que qualquer reclamação em relação aos serviços oferecidos na Casa podem ser relatados na própria secretaria. “A Sedes tem trabalhado para trazer a cada dia um melhor atendimento para a população, investindo em uma melhor estrutura, em capacitações para os servidores e proporcionando um atendimento mais humanizado para todos os usuários. Qualquer problema ou irregularidade identificados pelo usuário podem ser relatados na própria secretaria, para que sejam prontamente resolvido. A Sedes fica ao lado da Catedral de Juazeiro, na Praça da Imaculada Conceição“, finaliza. (foto/arquivo divulgação)

Beneficiários de programas sociais reclamam de poucas fichas de atendimento na Casa do Bolsa Família de Juazeiro

O atendimento na Casa do Bolsa Família em Juazeiro (BA) vem sendo alvo de reclamações de beneficiários de programas sociais, que alegam “humilhação“. O problema, segundo eles, é a quantidade de fichas distribuídas: seriam apenas 20 durante o dia.

Para conseguir atendimento, as pessoas estariam madrugando na fila. Essa quantidade de fichas seria insuficiente para a grande demanda no serviço. Sobre a denúncia, o Blog já procurou a assessoria da prefeitura e aguarda uma resposta. (foto/arquivo divulgação)

Secretaria responde denúncia de mau atendimento na Casa do Bolsa Família de Juazeiro

Em nota, a assessoria de comunicação da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (Sedis) de Juazeiro (BA) se manifestou sobre a denúncia da leitora Luana Nadja, que denunciou, através de artigo enviado a este Blog no dia de ontem (8), mau atendimento na Casa do Bolsa Família. Na nota, a Sedis reforça que “tem trabalhado para trazer, a cada dia, um melhor atendimento para a população, investindo em uma melhor estrutura e em capacitações para os servidores”.

Acompanhe a nota, na íntegra:

A Prefeitura Municipal de Juazeiro, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade, tem trabalhado para trazer, a cada dia, um melhor atendimento para a população, investindo em uma melhor estrutura e em capacitações para os servidores.

A Casa do Bolsa Família foi inaugurada recentemente proporcionando um atendimento mais humanizado para todos os usuários. A prefeitura e a secretaria trabalham para que todos os serviços sejam realizados com dedicação e presteza, visando à satisfação do usuário.

Qualquer problema ou irregularidade identificados no atendimento podem ser relatados na própria secretaria para que sejam prontamente resolvido. A Sedis fica ao lado da Catedral de Juazeiro, na Praça da Imaculada Conceição.

Ascom/Sedis

Artigo do leitor: “Descaso em atendimento na Casa do Bolsa Família em Juazeiro”

A leitora do Blog, Luana Nadja, enviou um desabafo pela forma que foi mal atendida na Casa do Bolsa Família, em Juazeiro/BA. Acompanhe:

“Caro Carlos Britto, venho expressar o tão horrendo absurdo que passei ao me dirigir à Casa do Bolsa Família aqui de Juazeiro, necessitando do serviço. Cheguei ao órgão cedo, esperei abrir, estava agendada desde o mês passado, mas como se não bastasse as horas se passaram e o meu nome não chamava. Depois de inúmeras reclamações, enfim mim chamaram e neste exato momento a coordenadora Priscila se dirigiu até a atendente e disse que uma colega estava chamando. Fiquei aguardando a atendente voltar para iniciar o meu atendimento que ao chegar me informou que não poderia dar continuidade.

Não pegou nem ao menos a minha documentação, não perguntou o que eu queria. Simplesmente negou, criando diversos impedimentos. Falei com assistente social e a mesma solicitou que o atendimento fosse prestado, pois eu já estava esperando a mais de 6 horas e não poderia sair sem atendimento.Para minha surpresa, descobri o motivo dá negativa, pois a própria atendente informou para assistente social, a mesma que a chamou não se agradou de mim. Talvez tinha algo pessoal ou até mesmo preconceito.

Exigiu que eu não fosse atendida. Sem falar que todas feriram o principio dá impessoalidade, pois pessoas conhecidas que se cumprimentavam até com beijo no rosto, passavam na frente de todas que ali estavam na tão incansável esperança de um atendimento prestado e digno.

Os órgãos públicos existem para atender os cidadãos e o servidor público é obrigado por lei a prestar serviço de forma eficiente, e atender com excelência o cidadão. A lei 8.112 de 11.12.1990, estabelece os deveres do servidor público.Gostaria que aquele lugar fosse fiscalizado, pois como passei por isso, muitos passam, pois o mau humor das atendentes está mais que explícito. Tratam os cidadãos como cachorros.

Luana Nadja, leitora

 

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por agencialaguz.com.br