Prefeito de Afrânio reúne-se com representantes do BB e propõe ajuda para restaurar agência assaltada

Quatro dias após mais um assalto à agência do Banco do Brasil (BB) de Afrânio (PE), no Sertão do São Francisco (foto), o atual prefeito Rafael Cavalcanti reuniu-se com o superintendente regional do BB em Petrolina, Eliézio Vasconcelos, e com a gerente da agência de Afrânio, Glenda Mirtys. Na reunião Rafael colocou a administração municipal à disposição do banco, no que for necessário, para agilizar as obras de reforma, que ficou parcialmente destruía com a explosão, e diminuir os prejuízos causados à cidade por conta do fechamento da agência.

O prefeito comprometeu-se também em enviar projeto de lei à Câmara Municipal, tornando obrigatória a identificação dos hóspedes em hotéis e pousadas da cidade. Além disso, foi assegurada a instituição do Conselho Municipal de Segurança Pública e a retomada do funcionamento pleno das câmeras de monitoramento, que não estão funcionando devido à falta de pagamento ao fornecedor pela gestão passada.

“Recebi do superintendente regional o compromisso de empenho para resolver a situação o mais rápido possível junto ao Banco do Brasil. Irei também ao presidente da instituição em Brasília, para reforçar agilizar esse pleito”, comentou o prefeito, após o encontro.

Sertânia: Atual prefeito pediu a gerência do BB que bloqueasse cheques do antecessor uma semana antes de sua posse

Ângelo Ferreira (PSB/foto), o novo prefeito de Sertânia (PE), no Sertão Central, pediu ao Banco do Brasil, uma semana antes de sua posse, que bloqueasse os cheques assinados pelo ex-prefeito Guga Lins (PSDB).

A gerência local, no entanto, indeferiu seu pedido porque o mandato do antecessor só se encerraria em 31 de dezembro de 2016. (com informações de Anchieta Santos/para o Blog/foto reprodução)

Afrânio: Prefeito atua para evitar fechamento de agência bancária após novo assalto

O prefeito de Afrânio, sertão do São Francisco, Rafael Cavalcante (PMDB), disse ao Blog que está muito preocupado, uma vez que já tinha recebido informações que se um outro assalto ocorresse, o Banco do Brasil iria encerrar as operações na cidade. E mais um assalto aconteceu na madrugada deste sábado, 7.

Rafael revelou que já entrou em contato com a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco e quer que o governador Paulo Câmara se pronuncie, além de órgãos fiscalizadores e de segurança. “A cidade não pode perder os serviços do Banco do Brasil, que é a única agência bancária a operar no município”, disse o prefeito. Rafael lembra que o problema da segurança não é da Prefeitura nem da população, que não pode sofrer esse prejuízo.

“Esperamos soluções imediatas e estou em defesa da comunidade, que corre o risco de não poder fazer mais suas transações bancárias como saques, depósitos. A população não pode ser penalizada com a perda desse serviço, desse direito”, ressaltou o prefeito.

Sem limites: Bandidos voltam a explodir caixas eletrônicos no Estado e mais uma vez em Afrânio

As explosões em caixas eletrônicos voltaram a assustar os moradores de Afrânio (PE), no Sertão do São Francisco. A investida dos assaltantes desta vez ocorreu por volta de 1h da madrugada deste sábado, 7, e atingiu a agência do Banco do Brasil e os Correios local. Fortemente armados com fuzis, cerca de 20 homens ainda fizeram de reféns oito pessoas que passavam próximo ao local das explosões, que atingiram também o cofre do banco.

“Eles chegaram em quatro veículos, tocaram fogo num carro na pista para impedir a chegada do policiamento. Estavam com armas longas e curtas de grosso calibre. Um dos reféns chegou a ser ferido de forma acidental durante a fuga dos assaltantes, mas não corre risco de morte. Todos tomaram destino ignorado“, relatou o tenente Romilson Teles, do 5º BPM.

Há dois anos, a cidade já tinha sofrido com as mesmas explosões nos caixas do BB em duas ocaisões, e uma nos Correios. Conforme relatos dos moradores, as explosões e os tiros provocados pelos assaltantes foram ouvidos por quase toda a cidade. Afrânio é mais um município pernambucano que sofre com a falta de segurança e o desaparelhamento das polícias em Pernambuco. A cidade é coberta por apenas três policiais, o que deixa a comunidade ainda com mais medo.

Plano de Aposentadoria do Banco do Brasil tem adesão em Juazeiro

O Banco do Brasil (BB) anunciou que vai redimensionar sua estrutura já para os primeiros meses de 2017. Em todo o país, 379 agências serão transformadas em postos de atendimento e 402 serão desativadas.

Devido à mudança, 9.409 funcionários aderiram ao Plano Extraordinário de Aposentadoria Incentivada, sendo 19 funcionários em Juazeiro (BA), onde sete já foram homologados. Atualmente, a rede de atendimento  no município conta com três agências. Após as novas medidas, a agência que fica localizada no Shopping Águas Center,área central, será transformada em posto de atendimento.

O conjunto de medidas faz parte de uma reorganização institucional, que será implementada em 2017. Para aderir ao plano, os servidores precisavam estar aposentados pela Previdência Social ou ter 50 anos de idade e, no mínimo, 15 anos de trabalho no banco.

Bando explode agência do Banco do Brasil e faz reféns em Terra Nova

abnco-so-brasil-terra-novaBandidos explodiram a agência do Banco do Brasil (BB) da cidade de Terra Nova (PE), no Sertão do São Francisco, na madrugada de hoje (25). Segundo informações, mais de quinze criminosos participaram da ação. Algumas pessoas foram feitas reféns, mas foram liberadas sem ferimentos.

Ainda segundo informações, o grupo não teve acesso ao cofre da agência. Nenhuma quantia teria sido levada do banco. O grupo fugiu em três caminhonetes e ninguém foi localizado pela polícia, que continua realizando buscas na região. (foto/divulgação)

Artigo do leitor: “O Banco do Brasil e o fechamento de agências”

Banco-do-BrasilDiante do fechamento de agências anunciado esta semana pelo Banco do Brasil, o leitor Billy Martins faz uma ponderação pertinente neste artigo enviado ao Blog.

Confiram:

Por alguns anos, sempre em meados de setembro, os bancos paravam por greve.  Os bancários não se atentaram que estavam cavando a própria cova.  A crescente utilização de aplicativos de celular, internet e lotéricas, determinaram chegar a esse ponto. Temos até um banco que abre conta pelo celular ou navegador, isso é tendência. Agora, os bancários colhem a abertura que deram, e como foram inocentes, antecipando algo que poderia ser implantado aos poucos.

Depois de testes bem executados, ficou fácil identificar que a população não tinha a mesma necessidade de ir às agências como antigamente, e mais: não fiquemos surpresos se a Caixa ou até os bancos privados acompanharem essa tendência. Posteriormente veremos uma quantidade enorme de bancários disponíveis para o mercado de trabalho, ou seja, demissões voluntárias, demissões de fato e os poucos que trabalharem nesses postos de atendimento serão terceirizados e remunerados com valores bem menores.

Outro ponto ruim para os bancários é que a maioria não se preparou para atuar em outras áreas, a não ser o próprio banco. Mesmo que recebam uma boa quantia financeira, será grande a dificuldade em se voltar para um novo momento do mercado de trabalho, aceitando até funções menores. Ou pior, como aconteceu no passado, enfrentarem o desafio de empreender e depois durarem no máximo dois anos com um formato de negócio inviável. 

Aqueles que forem “espertos”, digo espertos mesmo, não apenas inteligentes, que busquem o quanto antes a capacitação e uma nova visão do cenário atual, para não passar por grandes dificuldades.

Billy Martins/Leitor

Equipe do Blog comenta sobre aumento da violência e fechamento de agências do Banco do Brasil

Sindicato dos Bancários de Juazeiro repudia fechamento de agência do BB

banco-do-brasil-aguas-center-juazeiroO Sindicato dos Bancários de Juazeiro (BA) se manifestou sobre o fechamento da agência do Banco do Brasil (BB), a qual se transformará em posto de atendimento, segundo o sindicato. A agência fica na Galeria Águas Center. Segundo o diretor do Sindicato dos Bancários Juazeiro, Maribaldes da Purificação, o plano do Governo Federal vai prejudicar ainda mais o atendimento à população, já que atualmente existe uma carência de servidores nas agências em todo o Estado, e com esta medida a situação ficará ainda pior.

O sindicato repudia essa medida que o governo lançou de fechamento de agências. E ficamos preocupados como ficarão os funcionários. O banco teve R$ 4,8 bilhões de lucro no primeiro semestre e fecha a agência. Isso não tem lógica. Estamos indignados com essa posição e postura da instituição que precariza o atendimento, não valoriza o funcionário e faz uma barbaridade dessas“, disse Maribaldes. (foto/reprodução)

Banco do Brasil fechará uma agência em Juazeiro

banco-do-brasil-aguas-center-juazeiroComo este Blog adiantou na manhã de hoje (21), o Banco do Brasil (BB) transformará 379 agências em postos de atendimento e outras 402 serão desativadas em todo o País. Além do fechamento de agências, o BB fará um plano extraordinário de aposentadoria incentivada.

Na Bahia, o banco tem 447 unidades de atendimento, sendo 328 agências e 119 postos de atendimento. Com a reorganização, 12 agências serão encerradas e 33 agências serão transformadas em postos de atendimento. Juazeiro possui três agências da instituição: uma no Centro, próximo à Orla; outra na Avenida Adolfo Viana e a terceira na Galeria Águas Center. Conforme o BB, a Agência da Águas Center será extinta.

Com a reorganização de suas unidades, o BB estima redução anual de R$ 750 milhões em despesas, valor que poderá aumentar a partir da adesão de funcionários ao Plano Extraordinário de Incentivo à Aposentadoria, que o BB também anuncia hoje. (foto/Google Maps)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br