Série C do Brasileirão: Carcará vê Remo perder, faz sua parte e volta ao G-4

0

Tudo sado saiu conforme o figurino para a equipe do Salgueiro. Pela 14ª rodada da Série C do Brasileirão, ontem (12), o time fez sua parte ao derrotar o lanterna ASA de Arapiraca (AL) por 2×0, no Estádio Cornélio de Barros, e ainda viu o CSA confirmar o favoritismo e a liderança do Grupo A, ao vencer o Remo pelo mesmo placar.

A combinação de resultados colocou o time sertanejo novamente no G-4 do grupo, com 20 pontos.

Quanto ao jogo, não poderia ter sido melhor. Logo aos seis minutos da etapa inicial o Carcará abriu o placar com Jean Carlos, que acertou um chutaço após receber passe de Moreilândia e se livrar de dois marcadores. Com a vantagem, o Salgueiro se impôs no primeiro tempo e teve outras chances de ampliar o placar, sendo somente ameaçado pelo ASA aos 30 minutos, num chute de Jhullian.

No segundo tempo, o Carcará tentou manter o domínio do jogo, mas o primeiro perigo de gol foi da equipe alagoana. Aos 19, Rafael Tavares recebeu lançamento e pegou um chute de primeira, que passou muito perto da meta de Mondragon. O Salgueiro deu o troco aos 25, após Cássio receber a bola de Diego Aragão. Cara a cara com o goleiro, o atacante jogou para fora. As coisas ficaram mais difíceis para o ASA aos 31, quando Nata foi expulso por falta violenta. Um minuto depois, quase o Salgueiro amplia numa cobrança de falta de Moreilândia, e aos 37, numa outra falta – dessa vez cobrada por Diego Peixoto.

Torcida

De tanto insistir, o Carcará marcou o segundo aos 38. Após confusão na área, a bola sobrou para Rodolfo Potiguar, que puxou a bola para perna esquerda e mandou no lado direito do goleiro do Carlão. Estava decretado o placar definitivo da partida. O detalhe negativo ficou por conta do público: apenas 1.678 pagantes para uma renda de R$ 5.632,00. Nessa reta final da primeira fase, o Salgueiro precisa contar com um número maior de torcedores para incentivar o time. Se dentro de campo o time vem fazendo o dever de casa, fora de campo a torcida também precisa fazer a sua.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome