Equipe da Secretaria de Saúde faz campanha de alerta contra DSTs durante Carnaval de Petrolina

Dados do Ministério da Saúde apontam que no Brasil, 260 mil pessoas sabem que têm o vírus HIV e não se tratam. Outras quase 112 mil sequer sabem. Por este motivo, festas populares como Carnaval são sempre oportunas para campanhas de conscientização. Em Petrolina não está sendo diferente. Uma equipe da secretaria, por meio do Conselho de Testagem e Aconselhamento (CTA), vem orientando os foliões sobre a importância de se prevenir não apenas contra Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), praticando sexo seguro, como também evitar uma gravidez indesejada.

Segundo o coordenador do Centro de Testagem e Aconselhamento, Anderson Andrade, nesses dois primeiros dias foram entregues 20 mil preservativos.

“Estamos reforçando a campanha do Ministério da Saúde, e continuaremos nesses últimos dias. Nossa equipe está sendo abraçada pelas pessoas que estão recebendo as orientações e as camisinhas“, frisou. A previsão é de que até amanhã (28), encerramento do Carnaval, cerca de 60 mil preservativos sejam entregues aos foliões por 28 funcionários do CTA. (com informações da assessoria/foto divulgação)

Primeiros dias da Folia de Momo em Petrolina deixam apenas ocorrências simples, diz Samu

Apesar da multidão que tem brincado o Carnaval de Petrolina nesses dois primeiros dias, nenhuma ocorrência mais grave relacionada a atendimento médico foi registrada. A informação é do Serviço Móvel de Urgência (Samu). De acordo com o órgão, foram realizadas apenas três ocorrências simples.

No sábado (25), abertura oficial da folia, a equipe cuidou de uma pessoa com corte superficial, outra com uma torção de tornozelo e outra com uma queda de pressão.

Neste domingo (26), no circuito da Orla, a equipe realizou apenas um atendimento: um corte na região da face por queda. Já no Polo do Bairro Areia Branca foram registrados um acidente de moto nas proximidades da festa, um desmaio por embriaguez e uma hipoglicemia.

O Samu vai continuar com ambulâncias na Orla de Petrolina, já que no Polo Areia Branca o Carnaval já está encerrado. (foto/divulgação)

Abatedouro clandestino é fechado em Petrolina

Após denúncias, a Agência Municipal de Vigilância Sanitária (AMVS) de Petrolina, em conjunto com a Guarda Municipal, realizou uma ação de fiscalização em uma residência no bairro Alto do Cocar II, zona oeste da cidade, e fechou um abatedouro clandestino. A ação, que ocorreu ontem (24), contou ainda com o apoio da Polícia Militar e do Centro de Controle de Zoonoses.

Foram recolhidos 69 animais, presos em dois currais no quintal da residência, e apreendidos, em média, 85 quilos de carne já abatida. Segundo a direção da Vigilância Sanitária, o local não tinha nenhuma condição sanitária para abater animais.

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agrário, a previsão é de que em junho o matadouro de Petrolina seja reaberto, em melhores condições e seguindo a legislação sanitária vigente. No entanto, uma parceria com o setor privado também está sendo analisada para a construção de um novo matadouro. (foto/divulgação)

Divulgada lista de classificados no Processo Seletivo Simplificado da Saúde em Juazeiro

A Secretaria de Saúde de Juazeiro (BA) divulgou a lista final de classificados no Processo Seletivo Simplificado.  O resultado está disponível no site da prefeitura municipal. No total, 2.014 candidatos foram classificados.

O critério de seleção foi a avaliação curricular de títulos e da experiência profissional. Cada item analisado possui um valor para compor a pontuação do candidato, que pode ser de zero a 20 pontos.

O edital prevê a formação de um cadastro reserva A convocação será feita de acordo com as necessidades da instituição. Foram abertas vagas para profissionais de níveis fundamental, médio, técnico e superior. Os salários variam entre R$ 888,00 e R$ 8.314,00. Confira a lista de aprovados acessando aqui e aqui.

HRJ abrirá inscrições para processo seletivo

O Hospital Regional de Juazeiro (HRJ) abrirá inscrições do processo seletivo, para cadastro reserva, nas áreas de assistência à saúde e administrativo, assim como de profissionais do nível técnico e de nível superior a título de Primeiro Emprego, conforme requisitos especificados nos editais 001/2017 e 002/2017. O edital contempla também vagas imediatas para pessoas com necessidades especiais (PNE).

As inscrições são gratuitas, mediante entrega de currículos, na recepção central do HRJ, de 1 a 3 de março deste ano, das 8h às 16h. Após essa data, todos os currículos enviados não mais serão cadastrados. A direção ressalta ainda que é de suma importância que o candidato indique no currículo a área pretendida. Os editais podem ser conferidos acessando aqui e aqui.

Pacientes do CAPS em Petrolina e Santa Maria da Boa Vista participam de prévia carnavalesca

O clima de Carnaval já tomou conta de pernambuco e, especialmente, no Sertão, a folia já foi lançada. Serviços públicos como os Centros de Atenção Psicossocial (CAPs) de Petrolina e Santa Maria da Boa Vista promoveram uma prévia da folia festa esta semana, para os pacientes atendidos nas unidades. Em Petrolina, o encerramento aconteceu no Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD III) e contou com as presenças da secretária municipal de Saúde, Magnilde Albuquerque, e da diretora técnica em Saúde, Ana Carolina Freire. (mais…)

Lagoa Grande implanta horário especial em unidades de saúde do município

 

A Secretaria de Saúde de Lagoa Grande, no Sertão do São Francisco, implantou horário especial de funcionamento nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs). Conforme a secretária Samara Martins, o atendimento especial será nas últimas quintas-feiras do mês, entre 17h e 21h, e beneficiará especialmente os trabalhadores lagoagrandenses.

“Procuramos, com essa medida, atender principalmente os trabalhadores de nossa cidade, que poderão procurar por melhorias na saúde dentro de um horário que permita o comparecimento deles”, explicou a secretária.

Samara ressalta que esse serviço será coordenado pela Atenção Primária, com apoio de toda a rede de atenção em saúde (CAPS, NASF, saúde bucal e vigilância em saúde) e é parte do expediente normal de trabalho dos profissionais.

Portanto, faz parte do expediente normal de trabalho de toda nossa equipe da atenção primária. Não se trata de um mutirão ou campanha. É uma rotina de atendimento aos trabalhadores. Acreditamos que este modelo facilitará o acesso e o cuidado das pessoas com a saúde“, acrescentou a titular da Pasta. (Foto: Reprodução Internet)

MEC já garantiu mais de R$ 4 milhões para modernização de centro cirúrgico do HU

Administrado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), órgão vinculado ao Ministério da Educação (MEC), o Hospital Universitário (HU) de Petrolina já recebeu, desde 2016, mais de R$ 4 milhões para a compra de equipamentos cirúrgicos. Os recursos foram liberados pelo ministro da Educação, Mendonça Filho, através da EBSERH.

“Recentemente, a equipe de neurocirurgiões passou a ter à disposição um aspirador ultrassónico, utilizado na remoção de tumores cerebrais e do sistema nervoso central”, anunciou Mendonça Filho. O HU, que atualmente faz parte da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), é o único hospital da região detentor do aparelho que, através de um feixe de ultrassom, desprende apenas o tecido lesado, e com o sistema de sucção, remove o tumor de maneira minimamente invasiva.

As melhorias no aparato tecnológico do bloco cirúrgico já contribuíram para o número expressivo de 388 neurocirurgias realizadas em 2016. Somente em dezembro, foram 49 cirurgias. Esses números são ainda mais significativos quando se considera o alto grau de complexidade desses procedimentos, já que, em média, uma neurocirurgia leva no mínimo quatro horas para ser concluída.

De acordo com o chefe da Unidade Neuromuscular, Ricardo Brandão, a disponibilidade desses equipamentos é importante tanto para os pacientes quanto para os profissionais. “Ajuda muito a equipe, pois proporciona um conforto maior para quem está operando, aumentado a margem de segurança do neurocirurgião. O tempo cirúrgico e o tempo anestésico são abreviados, o que diminui todas as complicações que poderiam advir disso“, disse.

Reforço

Brandão ainda destacou que a aquisição dos aparelhos oportunizou a realização de procedimentos de alta complexidade sem a necessidade de transferir pacientes para centros maiores, como Recife ou Salvador. Ao longo de 2017, novos equipamentos reforçarão a estrutura do bloco cirúrgico do hospital, conforme afirmação do chefe do Setor de Infraestrutura Física, Carlos Henrique Melo. “Em 2016 foi investido mais de R$ 1 milhão na modernização do centro cirúrgico. Além disso, foram investidos mais de R$ 3 milhões na compra de equipamentos que chegarão nos próximos meses. As seis salas no bloco cirúrgico estão sendo preparadas para terem porte para grandes cirurgias, após sete anos. Anteriormente, havia apenas duas com capacidade para estes procedimentos”, explicou. As informações são da assessoria. (foto/divulgação)

Curaçá: Prefeito garante que todos os postos de saúde já contam com médico

O prefeito de Curaçá, no norte da Bahia, Pedro Oliveira (PSC), disse que o setor de saúde do município deu um grande salto nos últimos dias. O gestor, durante a abertura dos trabalhos legislativos na Câmara Municipal, nesta semana, garantiu que todos os postos de saúde de Curaçá contam com médico.

Tivemos mais de mil atendimentos só no Centro de Saúde. Todos os postos da sede e distritos já contam com médico. Trouxemos especialistas em pediatria, ginecologista, obstetrícia e realizamos mais 40 endoscopias e 130 ultrassonografias. Estamos atentos para oferecer o melhor ao nosso povo”, informou. (foto/divulgação)

Leitor denuncia falta de ambulâncias e serviço precário no Samu de Juazeiro; prefeitura rebate

Em email a este Blog, o leitor Rogério Espíndula fez graves denúncias relacionadas ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Juazeiro (BA). Ele conta que foi informado por um médico do Samu que apenas uma ambulância estaria em funcionamento na cidade e as demais estariam “quebradas”. Segundo o leitor, a informação teria sido lhe passada no último domingo (19), quando ele solicitou uma ambulância para realizar um atendimento na Rua do Paraíso, bairro Santo Antônio.

Em nota, a Secretaria de Saúde (Sesau) rebateu a informação de Espíndula e garantiu que “Juazeiro dispõe de 12 ambulâncias circulando, sendo uma Unidade de Suporte Avançado (USA); uma Unidade de suporte Básico (USB) e dez sociais – duas na sede e oito nos distritos. Outros cinco veículos estão em manutenção”, frisa a Sesau.

Ainda na nota, a Sesau esclarece que o serviço do Samu é uma política do Ministério da Saúde, com apoio dos municípios. “De acordo com a portaria nº 268, de 25 de fevereiro de 2016, Juazeiro deveria receber do Ministério cinco novas ambulâncias. Infelizmente, já foi sinalizado pelo Ministério da Saúde que não há verba para a renovação da frota e, por isto, apenas uma nova ambulância será disponibilizada para o município. Na tentativa de solucionar essa situação, a Prefeitura Municipal está buscando apoio político, para que, por meio de emendas, seja viabilizada a renovação das ambulâncias do Samu”, finaliza.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br