Conselho de Turismo de Petrolina é reativado e já tem novo presidente

Após quase quatro anos desativado, o Conselho Municipal de Turismo (Comtur) de Petrolina voltou a exercer suas atividades. O primeiro passo ocorreu com a eleição da nova diretoria do colegiado. O diretor de Turismo de Petrolina, Marcus Pamponet, foi eleito presidente, ficando como vice-presidente, Glaucineide Ferreira, empresária do setor hoteleiro na região.

A secretária de Turismo, Esporte e Cultura, Maria Elena Alencar, informou que a posse acontecerá o mais rápido possível para que também, através do Conselho, se possa potencializar o turismo em Petrolina. “A expectativa é que o Comtur nos ajude a orientar, planejar e promover o turismo na nossa região. Já estamos definindo estratégias para desenvolver o potencial turístico no Vale do São Francisco”, argumentou.

O conselho, que é deliberativo e consultivo, é formado por entidades públicas e privadas e discute as diretrizes do turismo em Petrolina. É composto por membros de vários segmentos da sociedade e visa consolidar parcerias e proporcionar, por meio de suas ações, o envolvimento e o comprometimento dos mais variados setores sócio-econômicos do município no fomento da atividade turística.

Na reunião estiveram presentes os representantes e suplentes do Conselho, dirigentes de associações da cidade e pessoas ligadas aos setores que envolvem o turismo como: hotelaria, bares e restaurantes e agências de viagens. (Foto: Ascom)

Em reunião da Comissão Mista de Mudanças Climáticas, Fernando Bezerra defende retomada de leilões de energias renováveis

Presidente e relator da Comissão Mista sobre Mudanças Climáticas (CMMC) do Congresso Nacional em 2015 e 2016, respectivamente, o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) prestigiou, nesta tarde (22), a eleição dos novos dirigentes do colegiado. O senador Jorge Viana (PT-AC) presidirá a comissão e o deputado Sergio Souza (PMDB-PE) será o vice-presidente da CMMC, este ano. Durante a reunião, Fernando Bezerra – membro titular do colegiado – apresentou três sugestões de agendas de trabalho para os próximos meses; entre elas, a discussão da retomada dos leilões de energia solar e eólica pelo governo federal.

“A Comissão pode fazer uma pressão positiva do Parlamento sobre o Executivo, de forma a mostrarmos que o Congresso está atento a esta importante medida ambiental e econômica para o país”, destacou o líder do PSB no Senado e que apoia a ampliação das “energias limpas” (renováveis) na matriz energética nacional. Neste contexto, Bezerra Coelho propôs que a comissão convide o ministro de Minas e Energia (MME), Fernando Filho, para uma audiência pública que esclareça as perspectivas do governo sobre o restabelecimento destes leilões.

Ao lembrar que este ano a Rio 92 (Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento, realizada no Rio de Janeiro, em junho de 1992) completa 25 anos, o senador defendeu, como segunda sugestão de agenda de trabalho, que o colegiado afine – com os ministérios do Meio Ambiente e de Relações Exteriores, além do MME – as metas brasileiras que serão apresentadas na 23ª Conferência da ONU sobre Clima, a COP-23.

“O Brasil tem tudo para ser, novamente, protagonista no encontro deste ano das Nações Unidas e liderar a agenda mundial de proteção ao meio ambiente”, ressaltou o socialista. Sob a presidência de Fiji, a COP-23 será realizada na cidade alemã de Bona, antiga capital da Alemanha e sede do Secretariado do Clima da ONU.

A terceira medida proposta hoje à CMMC pelo senador Fernando Bezerra foi uma visita de integrantes do colegiado aos Estados Unidos. O objetivo, segundo explicou o líder do PSB, é aproximar o Brasil de estados norte-americanos contrários à posição do presidente Donald Trump em relação à agenda ambiental. Conforme observou Bezerra Coelho, o orçamento de Trump prevê cortes drásticos dos recursos destinados à Agência de Proteção Ambiental; retira o financiamento de ações vinculadas às mudanças climáticas, eliminado o Plano de Energia Limpa; e reduz investimentos em programas sobre qualidade da água e do ar.  (Foto: Ascom)

Presidente da Ebserh promete “amparar” Juazeiro com mais recursos na área da saúde

O prefeito de Juazeiro (BA), Paulo Bomfim, esteve reunido ontem (22), em Brasília, com o presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares  (Ebserh), Kléber Morais, e o diretor de Atenção à saúde da Instituição, Cláudio Wanderley. O secretário municipal, Plínio Amorim, e o assessor de Planejamento e Parcerias Estratégicas, Isaac Carvalho, acompanharam o prefeito na audiência.

O encontro serviu para ampliar a parceria já existente entre o Município, Ebserh e Univasf e solicitar mais investimentos na área da Saúde. Ao final da reunião os representantes de Juazeiro saíram satisfeitos, pois o presidente da Ebserh se mostrou sensível à causa e prometeu “amparar” a cidade com mais recursos. (foto/divulgação)

Prefeito de Salgueiro discute limites territoriais com gestor de município cearense

O prefeito de Salgueiro (PE), no Sertão Central, Clebel Cordeiro, e o gestor da cidade de Penaforte (CE), Agabio Sampaio se reuniram ontem (22) para discutir uma possível adequação nos limites territoriais dos dois municípios, especificamente  a faixa divisória que envolve a comunidade da Malícia, que, territorialmente, pertence em sua maior parte ao município de Salgueiro.

Tanto Clebel quanto Agabio são da opinião que os moradores da Malícia cheguem a um acordo. “Não se trata de uma mera questão territorial“, observa o prefeito de Salgueiro. “O que se discute são os serviços oferecidos pelos dois municípios, o que muitas vezes gera confusão em áreas como saúde, educação e infraestrutura. Não vemos como impasse, vemos como uma busca de solução para melhor atender ao povo dessa comunidade“, explica Clebel.

Toda e qualquer discussão passa não apenas pelo acordo de duas prefeituras, mas também por dois governos estaduais, já que a área faz divisa entre Pernambuco e Ceará. Na reunião, os prefeitos de Salgueiro  e Penaforte fizeram a recomendação para que os próprios moradores, em comum acordo e através de seus representantes comunitários, façam a opção sobre a melhor alternativa administrativa.

Aqui não há disputas por território, o que queremos é o povo dessa vila sendo bem atendido com serviços essenciais, e o local de registro de cada cidadão precisa estar bem definido enquanto localidade, porque isso implica em cotas de verbas federais“, disse Clebel, acrescentando que, da parte de Salgueiro, o município está à disposição do que for decidido pelos moradores. (foto/divulgação)

Desafio de Miguel Coelho é quitar dívidas que podem chegar a R$ 150 milhões

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), disse nesta quarta-feira, 22, durante entrevista transmitida ao vivo via página do Facebook do Blog, estar satisfeito gerindo a maior cidade do sertão. Miguel falou dos desafios, dificuldades e o que conseguiu avançar nesse pouco tempo administrando Petrolina, sonho que sempre teve. Faremos mais de uma postagem dessa entrevista com o prefeito com os temas que foram tratados, provocados também pelos seguidores do Blog na rede social. (mais…)

Na Inglaterra, Lossio será alvo de investigação criminal em Petrolina

Deu no Blog do Jamildo Melo, vinculado ao Sistema Jornal do Commercio, que o ex-prefeito de Petrolina, Julio Lossio (PMDB), será alvo de investigações criminais que estavam tramitando na Procuradoria Geral de Justiça do Estado, mas foram enviadas para a Central de Inquérito de Petrolina, após o ex-gestor ter perdido o foro privilegiado, com o final do mandato.

Segundo despacho da promotora Cristiane Caetano, assessora criminal da Procuradoria Geral de Justiça, as investigações contra o ex-prefeito, por supostos crimes de responsabilidade e crimes da lei de licitações, devem continuar na primeira instância, pois Lossio não exerce mais mandato que garanta a prerrogativa de foro.

O ex-prefeito de Petrolina está em Londres (Inglaterra), fazendo durante todo o primeiro semestre um curso numa universidade do Reino Unido. Lossio tem investido em redes sociais e blogs para continuar influenciando na política do Estado. Recentemente, familiares do mesmo teceram duras críticas contra o atual prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB).

Segundo informações de bastidores, Julio Lossio tem um projeto de se candidatar a deputado federal em 2018. Com grande inserção na direção nacional do PMDB, quer reforçar em 2019 a bancada do partido. Com a palavra, o ex-prefeito. (fonte: Blog do Jamildo)

 

Sintepe debate Reforma da Previdência no STR de Dormentes

 

Colocando em prática um dos encaminhamentos para a suspensão da greve dos professores estaduais na segunda, 20, o Sintepe, regional Petrolina, iniciou a agenda pública de eventos contra a proposta de emenda à constituição da Reforma da Previdência. O primeiro ato ocorreu nesta quarta-feira, 22, em Dormentes, no sertão do São Francisco.

O debate aconteceu na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais do município. Conforme o diretor regional do Sintepe, Robson Nascimento, o calendário de debates e discussões contra a PEC terá continuidade em outros municípios atendidos pelo Sintepe na região

Em Dormentes, o evento contou com a parceria do Sindicatos dos Professores do município e teve além dos trabalhadores e trabalhadoras presentes, alunos e professores, além das vereadoras, Cosminha, Socorrinha e Detinha. (Foto: Ascom)

Funcionários da saúde cobram pagamento de salários em atraso em Santa Cruz da Baixa Verde

 

Servidores de Santa Cruz da Baixa Verde, sertão do Pajeú, reclamam que o prefeito Tássio Bezerra, tinha prometido pagar dia 20 o salário dos funcionários da saúde, mas até o momento não foi feito o repasse salarial e nenhuma satisfação ou previsão foi dada a eles.

Conforme os funcionários, o prefeito teria dito que o salário não foi pago porque não teria entrado verba na Prefeitura, mas investigaram no Portal da Transparência e confirmaram que o recurso teria sido repassado sim ao município.

A verba no valor e R$ 37.556,00 entrou como sempre entra, informaram os funcionários que querem receber os salários, direito deles, e pedem para que prefeito seja mais transparente e sincero em suas palavras.

Chesf atende Prefeitura de Petrolina e eclusa da Barragem de Sobradinho volta a atender turistas no domingo

Com a ideia de valorizar e incentivar o turismo na região, a Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte, entrou em contato com a Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), que administra o reservatório de Sobradinho/BA, e solicitou a volta da eclusa da Barragem voltasse a funcionar aos domingos, já que desde fevereiro só estava funcionando até os sábados.

De acordo com a secretária Maria Elena Alencar, o fluxo de turistas é maior aos fins de semana e muitos estavam indo embora sem conhecer uma das belezas de maior destaque da nossa região: “Um dos passeios mais procurados é o de barco pelo Rio São Francisco. O ponto mais alto deste passeio é quando chega a eclusa da barragem de Sobradinho, por isso, para valorizar a nossa região e em respeito ao turista, solicitei o retorno dessa atividade aos domingos também”, explicou.

De acordo com Rogério Rocha, empresário do segmento de turismo, o serviço estava indisponível aos domingos desde fevereiro quando ocorreu um problema nos portões da eclusa do reservatório de Sobradinho. Ele informou ainda que com o retorno do passeio aos fins de semana, o turismo ficará mais aquecido na região. (Foto: Reprodução/Internet)

Senador FBC defende prioridade na discussão e votação da PEC do ‘foro privilegiado’

O senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) defendeu ontem (21), no Plenário do Senado, que a Casa dê prioridade à análise aprofundada da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 10/2013, que acaba com o chamado “foro privilegiado” para todas as autoridades atualmente abrangidas pela prerrogativa. O líder do PSB no Senado também antecipou que apresentará emenda à PEC para que o julgamento das autoridades seja remetido à primeira instância da Justiça, mantendo-se a denúncia e a aceitação ou não dela sob a responsabilidade, respectivamente, da Procuradoria Geral da República (PGR) e do Supremo Tribunal Federal (STF).

Caso seja aberta a ação penal pelo STF, os parlamentares perderão o foro (privilegiado) e serão julgados na primeira instância, como qualquer cidadão. Este é, no meu entendimento, o caminho mais equilibrado para se preservar todas as instituições“, explicou Fernando Bezerra. Ao lembrar que a perda do foro atingirá autoridades dos três Poderes, o senador defendeu, ainda, que todas as instâncias abrangidas pela PEC 10/2013 sejam ouvidas pelo Congresso Nacional. De acordo com o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), a matéria foi incluída na pauta da Casa e, segundo o Regimento Interno, passará – a partir desta quarta-feira (22) – por cinco sessões de discussão antes da votação em primeiro turno e por três sessões para votação em segundo turno.

A emenda de Fernando Bezerra Coelho deverá ser apresentada até o final desta semana. “É importante que o Senado possa dar audiência ao Ministério Público Federal e ao Poder Judiciário para que possamos ter uma proposta final efetivamente equilibrada e que atenda ao clamor da sociedade brasileira“, ressaltou o líder. Uma das principais críticas à PEC 10/2013, observada na sessão plenária de hoje do Senado, é que autoridades – inclusive, o presidente da República e membros das Cortes superiores – poderão ficar vulneráveis à eventual “perseguição” por parte de promotores e juízes estaduais. (foto: Assessoria/divulgação)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br