Alunos de colégio em Petrolina se destacam nos Jogos Escolares e vão disputar Pernambucano de Atletismo

Três estudantes de Petrolina se destacaram em mais uma edição dos Jogos Escolares, realizados nos dias 18 e 19 deste mês, conseguindo a classificação para disputar o Pernambucano de Atletismo.

Os três títulos foram conquistados por Luiz Felipe Souza de Oliveira, campeão em arremesso de peso, com 10,98m de distância; Luiz Fernandes Souza de Oliveira, que cravou 4,70m em salto de distância; e Glebson da Silva Loiola Filho, que obteve a marca de 1,46m no salto em altura. Os três estudam no Colégio Encontro.

Agora, os atletas se dedicam forte aos treinos, orientados pelo professor Romilson Wladson, para fazer bonito nessas modalidades durante a etapa pernambucana dos jogos escolares deste ano, que ocorrerá no Recife (PE), entre os dias 16 e 18 de junho. (Foto/divulgação)

EFEJ de Juazeiro abrirá inscrições para minicursos destinados a professores e comunidade

Nesta segunda-feira (22) a Escola de Formação de Professores de Juazeiro (EFEJ) abrirá inscrições para minicursos destinados a professores do município e região. A nova proposta da instituição é estender esses cursos para os educadores das redes estadual e particular, e também para a comunidade.

Serão oferecidas 180 vagas para os minicursos de ‘Alfabetização e Letramento’, ‘Contação de Histórias’ e ‘Jogos Matemáticos’ para professores da Educação Infantil e do 1º ao 9º ano. Com jornada de 8 horas, as formações serão realizadas nos dias 1º e 6 de junho, na EFEJ (localizada no Bairro São Geraldo).

As inscrições podem ser feitas até o dia 31 de maio, pelo e-mail efejparlim@hotmail.com ou na EFEJ. Mais informações pelo telefone (74) 3611-1139. A ficha de inscrição pode ser conferida no link: Ficha de inscrição.

Lagoa Grande: Pais de alunos denunciam cobrança para participação em desfile cívico; prefeitura nega

Em Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, já foram iniciados os preparativos para o 22º aniversário de emancipação política da ‘Capital da Uva e do Vinho do Nordeste’, a ser comemorado no próximo dia 16 de junho. Mas uma polêmica em torno do desfile cívico ganhou repercussão nos últimos dias: a Secretaria Municipal de Educação estaria cobrando uma taxa de R$ 25 dos alunos para participarem do ato. O fato foi denunciado por pais de estudantes e gerou muitos comentários e questionamentos negativos nas redes sociais.

Em nota enviada pela assessoria, a Secretaria de Educação nega a cobrança e diz que vai apurar o ocorrido.

Acompanhe:

A Secretaria de Educação de Lagoa Grande esclarece que em nenhum momento foi estipulado cobranças de taxas ou qualquer colaboração financeira para que os alunos da rede municipal de ensino participassem do desfile cívico em comemoração à festa de aniversário da cidade, não possuindo esta administração conivência ou mesmo ciência de tal prática.

Importante salientar que, ainda que remotamente, acaso tenha havido alguma cobrança equivocada, esta será apurada, e se constatada, terá a correta reprimenda legal, vez que esta gestão tem a plena consciência da importância da educação de qualidade e gratuita, sem qualquer tipo de condicionantes para o seu pleno acesso.

A Secretaria de Educação informa ainda, que dará todo apoio necessário para que o desfile seja realizado com participação de todo o alunado e com todo o brilhantismo.

Ascom/PMLG

(foto/reprodução Diário Popular)

Relação entre mídia e suicídio será tema de debate e workshop na Uneb em Juazeiro

A relação entre mídia e suicídio será tema de debate e workshop na Universidade do Estado da Bahia (Uneb), em Juazeiro. Os eventos, que serão realizados nos dias 29 de maio e 1º de junho, vão abordar a cobertura jornalística na região e o que a exposição de detalhes desses casos pode provocar.

O evento é promovido pela coordenação do curso de Jornalismo em Multimeios, a Comissão Vida e Saúde da Uneb e o Núcleo de Prevenção de Suicídios do Vale do São Francisco. O suicídio e a forma como muitos meios de comunicação da região tratam o tema revelam a necessidade de debater as convenções e os princípios éticos da profissão.

Embora o direito à informação e à liberdade de imprensa estejam dentro da ética jornalística, profissionais da comunicação têm como responsabilidade preservar o direito à privacidade, à imagem e à honra das fontes. A divulgação de suicídios é um tema complexo, que necessita de reflexões específicas principalmente sobre o efeito contágio, conhecido como “efeito Werther”, que se refere à exposição de detalhes desses casos e suas consequências.

Mesa redonda

No dia 29 de maio, acontecerá a mesa redonda “Comportamento suicida e suas influências nos meios de comunicação”, com a participação da coordenadora do Núcleo de Prevenção de Suicídios do Vale do São Francisco, Deise Fabiane Schmitz, e mediação da professora de Comunicação e jornalista Carla Paiva. Também participam do evento representantes do Ministério Público e da Defensoria Pública. O debate será às 18h30, no Auditório Multimídia da Uneb. Já no dia 1º de junho será realizado o Workshop Mídia e Suicídio, com o estudo do Manual da Organizado Mundial de Saúde para profissionais da mídia atuarem na prevenção do suicídio e cobertura jornalística sobre esses fatos. O evento também acontecerá no Auditório Multimídia da Uneb, a partir das 18h. As ações são abertas ao público e contam com o apoio do projeto Multiciência – Agência de Notícias da Uneb.

Vereador Aero Cruz contesta deputado Lucas Ramos sobre Escola Técnica Estadual

Fiel escudeiro do grupo do senador Fernando Bezerra, o vereador Aero Cruz contestou a informação dada pelo deputado estadual Lucas Ramos sobre a viabilização da primeira Escola Técnica Estadual (ETE) para Petrolina. Em conversa com este blog, Lucas afirmou ter sido o primeiro a solicitar a unidade de ensino e que articulou junto ao Ministério da Educação (MEC) a liberação dos recursos financeiros para o empreendimento. De pronto, o vereador retificou a colocação de Lucas e destacou o papel decisivo do senador Fernando Bezerra, do ministro Fernando Filho e do prefeito Miguel Coelho para a construção da escola técnica.

Aero alega que os recursos para a obra são do Fundo Nacional da Educação (FNDE) e estavam travados desde 2014. Somente após negociação do senador Fernando Bezerra e de Fernando Filho com o ministro Mendonça Filho, foi liberado um aditivo para a construção da escola técnica em Petrolina.

Aero ainda acrescentou que o prefeito Miguel Coelho já garantiu um terreno municipal para a instalação da unidade de ensino, além de ter se reunido em várias oportunidades com o governador e Mendonça Filho para acelerar os trâmites da obra.

O deputado está usando de oportunismo político. Ele falou de um jeito como se fosse o grande responsável por essa escola. É bom lembrar também que Lucas vive dizendo que o governo federal é ilegítimo, mas para essa obra aparece posando de aliado do ministro Mendonça Filho. A escola técnica é uma conquista do povo de Petrolina, e se tem alguém que pode afirmar que trouxe essa escola tão importante para nossa cidade é o senador Fernando Bezerra, Fernando Filho e o prefeito Miguel Coelho, não Lucas”, retrucou o vereador.

Primeira faculdade de Medicina de Juazeiro deve entrar em funcionamento no primeiro semestre de 2018

A primeira faculdade de Medicina de Juazeiro (BA) deverá entrar em funcionamento no primeiro semestre de 2018. Essa é a previsão estimada pela equipe de projetos da Universidade Estácio (que abrigará o curso), numa reunião ocorrida no dia de ontem (18) com o assessor de Planejamento e Parcerias Estratégicas da prefeitura municipal, Isaac Carvalho. Ele representou Paulo Bomfim, o qual cumpria agenda administrativa em Brasília (DF), na Marcha dos Prefeitos.

A faculdade será instalada na área do empreendimento Delta Park, do empresário juazeirense Aílton Castro, e está com o cronograma bastante acelerado.

“Estamos bem adiantados, definimos o local e já vamos começar a construção das instalações com a previsão de operação do curso para o primeiro semestre do próximo ano, conforme acordo firmado em edital pelo MEC“, explicou o projetista de arquitetura, Paulo Faro.

Já o gerente da Estácio, Jorge Gonzalez, frisou que desde o início do processo, a instalação de uma unidade da Estácio em Juazeiro foi muito bem acolhida pela prefeitura. “Se não fosse esse importante apoio que temos recebido desde a gestão passada e que continua na atual, dificilmente iríamos conseguir trazer esse empreendimento para o município”, ressaltou. Ele destacou ainda que a liberação do Ministério da Educação (MEC) é de vagas para 55 alunos por ano no campus juazeirense.

Consolidação

Isaac lembrou o trabalho que vem sendo feito em prol da educação do município nos últimos nove anos, e a chegada do curso de Medicina é fruto dessa conquista, levando Juazeiro a cada vez mais se consolidar como um dos mais importantes polos educacionais do interior do Nordeste. “A prefeitura tem feito a sua parte na educação infantil com a valorização dos professores, reforma e climatização das escolas e construção de novas creches, além de alavancar o desenvolvimento econômico com a atração de novos empreendimentos. Hoje somos um município que desperta interesse nos investidores privados e a Estácio é mais um exemplo disso. É mais um grande salto para a nossa cidade”, ponderou.

Também participaram da reunião o chefe de Gabinete da Prefeitura, Vilmar Ferreira, e o superintendente do Juá Garden Shopping, Marcelo Escobar. (Fonte/foto: Ascom PMJ)

Cabrobó: Sem transporte, estudantes universitários lamentam falta de pagamento a motoristas

Em Cabrobó (PE), no Sertão do São Francisco, os estudantes universitários estão passando por um sufoco. Eles estão sem transporte disponibilizado pela prefeitura para se deslocarem a Belém do São Francisco (PE), Sertão de Itaparica, onde estudam.

Segundo informações repassadas a este Blog, ontem (18) eles tiveram de desembolsar R$ 20,00 para o transporte até Belém, já que os motoristas alegam falta de pagamento. “Isso é um absurdo. Em quatro meses de governo, com o recebimento recente do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), e já estamos nessa situação”, desabafou um dos estudantes. Com a palavra, a gestão municipal.

Representante do DCE da Facape esclarece sobre horário de funcionamento da entidade

Após reclamações de alguns alunos do turno da noite na Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape) acerca do horário de funcionamento do Diretório Central de Estudantes (DCE), a reportagem do Blog conseguiu ouvir o tesoureiro da entidade, Cayari Coelho, que rebateu as críticas. Ele esclareceu que o DCE funciona normalmente das 8h às 18h30, mas reconheceu que o horário noturno está pendente pelo fato de a Coordenação de Estágio da instituição já ter deixado claro que não tem como fornecer bolsistas para manter o DCE aberto nesse período.

Cayari explicou ainda que o horário de atendimento afixado na porta do diretório serve justamente para que os alunos estejam cientes de quando procurar o DCE.

O tesoureiro da entidade ressaltou ainda que essa pendência no atendimento durante a noite deverá continuar pelo menos até o final do período 2017.1, já que não há como trazer os bolsistas. Sobre a duração do atendimento, Cayari justificou que não há como estender o horário porque os estudantes ficariam com seus cursos comprometidos. “A gente não pode abdicar das nossas aulas”, disse.

Sobre possível instalação de Escola Técnica Estadual em Petrolina, Lucas Ramos diz ter sido primeiro a reivindicar equipamento

Em contato com este Blog, o deputado estadual Lucas Ramos (PSB) comentou a visita do secretário de Educação de Pernambuco, Frederico Amâncio, a Petrolina para vistoriar áreas que poderão receber a primeira Escola Técnica Estadual (ETE) do município.

O parlamentar lembrou que em 2015 fez a primeira indicação no sentido de reivindicar do Governo do Estado a ETE para Petrolina. “Logo no início do nosso mandato, apresentamos indicação ao governador Paulo Câmara e ao secretário de Educação para que a unidade fosse instalada em Petrolina. Vejo que o nosso trabalho está gerando resultados concretos”, comemorou Lucas.

A indicação foi aprovada por unanimidade na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) no dia 17 de agosto de 2015. “É um desafio que assumimos desde o primeiro momento do nosso mandato e estamos animados em ver que o resultado de nossa luta se tornará realidade”, explica.

Ainda de acordo com o deputado, o Ministério da Educação sinalizou disposição pela construção da escola. “Em Brasília, estivemos com o ministro Mendonça Filho, que nos garantiu os recursos necessários para realização da obra”, adiantou Lucas. O custo médio para implantação de uma ETE é de R$ 11 milhões. “São escolas que oferecem qualificação profissional e ajudam na inserção dos jovens no mercado de trabalho, fortalecendo a economia regional. Os filhos de Petrolina terão mais uma oportunidade de construir novos caminhos”, analisou o deputado.

Estudantes questionam horário de atendimento no DCE da Facape

O horário de atendimento no Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape) está sendo questionado por alunos que estudam no período noturno.

O problema, segundo eles, é o pouco tempo de atendimento. São dois dias durante a semana, com meia hora de atendimento em cada dia. Sobre a questão, o Blog já procurou a presidência do DCE e aguarda uma resposta. (foto/divulgação)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br