Sebrae de Paulo Afonso capacita MEI sobre melhor caminho para ter acesso ao crédito

Com o objetivo de orientar os empresários sobre a gestão financeira do negócio, o acesso e o uso consciente de crédito e linhas financeiras, a unidade do Sebrae em Paulo Afonso, promove um treinamento sobre o melhor caminho de acesso ao crédito voltada para microempreendedores individuais (MEI).

A empresária Quitéria Barbosa, sempre trabalhou na área de alimentação, há quatro anos montou uma hamburgueria na cidade e planeja expandir o negócio. Ela precisa dessa capacitação para conhecer linhas de crédito que possam ajudá-la a realizar mais em sua atividade. “Além de buscar conhecimento, a minha ideia é conhecer opções de crédito que possam atender minhas necessidades e se adaptem a minha realidade financeira. Quero crescer, mas com os pés nos chão”, explicou.

O técnico do Sebrae, Paulo Alves, salientou que na capacitação os empresários aprenderem noções de capital de giro, fluxo de caixa e como preparar a empresa para receber o crédito planejado. “O MEI precisa conhecer sua realidade financeira, sua necessidade de capital de giro e capacidade de pagamento. As instituições bancárias oferecem linhas de crédito específicas para esse público. O uso consciente do crédito, aliado ao planejamento, são fatores essências para o sucesso do negócio”, frisou.

 

Petrolina realizará em abril 1º Fórum de Energia do Sertão

A cidade de Petrolina será sede do 1º Fórum de Energia do Sertão. O evento acontecerá no próximo dia 28 de abril, no auditório do Senai (Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio) e disponibilizará 300 vagas.

O diretor da Unidade Regional da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe), Albânio Nascimento, confirmou a participação do ministro das Minas e Energia, Fernando Filho, no fórum.

Durante o encontro estão programados talk shows, workshops, cases, debates e palestras com alguns representantes das maiores instituições, empresas e autarquias ligadas à energia no Brasil. São aguardados professores e especialistas da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e da Fundação Getúlio Vargas (FGV), representantes da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), do Grupo Neoenergia e do Instituto Solar de Jülich (SIJ), da Alemanha.

Entre os assuntos a serem abordados estão o cenário energético nordestino; as fontes alternativas de produção de energia; presente e futuro do setor energético na região do sertão; energia elétrica na indústria, tarifas e custos; setor energético brasileiro; modernização e sustentabilidade.

Importância

Albânio Nascimento destacou a realização do fórum pelo fato de a energia ser um dos principais componentes da indústria e um ponto de especial atenção da Fiepe. “Em alguns setores específicos, ela representa o insumo mais importante, o custo mais elevado de toda a produção. Uma mínima oscilação pode representar insegurança, aumento de custos ou, até mesmo, a inviabilidade de negócios e uma consequente queda na economia”, analisa o diretor da URSF/Fiepe. (com informações da CLAS Comunicação/foto divulgação)

Termina nesta segunda declaração do IR para empresa com imposto retido na fonte

As empresas têm até as 23h59min59s desta segunda (27) para apresentar à Receita Federal (RF) a Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF) relativo ao exercício de 2016. Estão isentas dessa obrigação apenas os microempreendedores individuais (MEIs) com receita bruta anual de até R$ 60 mil em suas operações de cartão de crédito com IRRF sobre os pagamentos de comissões para as operadoras.

Se o prazo não for cumprido, a empresa terá de pagar multa de 2% ao mês-calendário ou fração, incidente sobre o montante de tributos e contribuições informados na declaração, ainda que integralmente pago, limitada a 20%.

Como forma de ampliar o controle tributário sobre determinadas operações e ampliar mecanismos de combate à evasão tributária, a RF também tornou obrigatória a declaração em casos de pessoas físicas e jurídicas residentes no país, mesmo sem ter feito a retenção do imposto, desde que tenham sido candidatos a cargos eletivos, inclusive vices e suplentes, ou que tenham efetuado pagamento, crédito, entrega, emprego ou remessa a pessoa física ou jurídica residente ou domiciliada no exterior.

Nesses casos, a obrigatoriedade de declaração vale para as seguintes situações: aplicações em fundos de investimento de conversão de débitos externos; royalties, serviços técnicos e de assistência técnica; juros e comissões em geral; juros sobre o capital próprio; aluguel e arrendamento; aplicações financeiras em fundos ou em entidades de investimento coletivo; carteiras de valores mobiliários e mercados de renda fixa ou renda variável; fretes internacionais; previdência complementar; remuneração de direitos; obras audiovisuais, cinematográficas e videofônicas; lucros e dividendos distribuídos; cobertura de gastos pessoais, no exterior, de pessoas físicas residentes no país, em viagens de turismo, negócios, serviço, treinamento ou missões oficiais; rendimentos de que trata o Artigo 1º do Decreto nº 6.761, de 5 de fevereiro de 2009, que tiveram a alíquota do imposto sobre a renda reduzida a 0% e demais rendimentos considerados como rendas e proventos de qualquer natureza, na forma prevista na legislação específica. (Com informações da Agência Brasil)

Semana inicia com comércio vazio no Centro de Juazeiro

O comércio ficou praticamente vazio em Juazeiro (BA) nesta segunda-feira (27). Como o tradicional Carnaval da cidade é sempre antecipado, a ausência de atrativos e eventos da popular festa faz com que muitas pessoas deixem a cidade durante o período, principalmente por conta do feriadão prolongado para boa parte da população.

A reportagem do Blog do Carlos Britto esteve visitando o Centro da cidade nesta manhã e constatou pouca circulação de pessoas. Alguns bares da Orla também estão fechados, bem como as agências bancárias, que só abrirão na Quarta-feira de Cinzas (1º/03),  às 12h.

Agricultura de Pernambuco reforça investimentos na caprinovinocultura do sertão

O secretário de Agricultura e Reforma Agrária de Pernambuco, Nilton Mota, e o chefe-geral da Embrapa Caprinos e Ovinos, Marcos Bomfim, discutiram parceria para implantação do Projeto ‘Inova Social’, que tem como foco o aumento da produção de leite (caprinos e ovinos), melhoria no processo de beneficiamento e de comercialização do produto, que será transformado em queijo. Em Pernambuco serão beneficiados os criadores dos Sertões do Pajeú e do Moxotó, que têm a caprinovinocultura como uma das vocações produtivas.

Por meio do BNDES serão investidos R$ 5 milhões no projeto, que vai atender mais de 450 produtores de 46 municípios localizados em Pernambuco e na Paraíba, com ações de fomento e fortalecimento da cadeia, executadas ao longo de cinco anos. As primeiras atividades serão as oficinas de mobilização, nas quais técnicos da Embrapa e Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária (SARA)/Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) vão identificar as principais demandas dos produtores.

“A partir desse diagnóstico vamos promover a transferência de tecnologia e de conhecimento visando ao aumento da produção por meio do melhoramento genético, técnicas de boas práticas de manejo dos animais e de produção de alimentos, para garantir um produto final de qualidade, gerando maior rentabilidade ao setor”, pontuou o secretário.

Também participaram da reunião os integrantes da Embrapa Caprinos e Ovinos, Olivardo Facó (chefe adjunto de Pesquisa e Desenvolvimento); Antônio Silvio do Egito Vasconcelos e Nívea Regina de Oliveira Felisberto Perdigão (pesquisadores), além do presidente do IPA, Gabriel Maciel. (Foto: Ascom SARA)

Renegociação de dívidas do K1 em Pernambuco será retomada após Carnaval

Devido ao feriado de Carnaval, dia 28, e a paralisação do sistema no início de cada mês, o atendimento aos produtores dos Perímetros de Irrigação Senador Nilo Coelho e Bebedouro não será realizado durante a próxima semana, entre o dia 27 de fevereiro e 3 de março. As renegociações continuarão, normalmente, a partir do dia 6 de março.

O atendimento está sendo realizado das 8h às 11h e das 13h30, às 17h no setor financeiro. O presidente da Comissão de Negociação, Erasmo José da Silva, conta que, até aqui, os atendimentos têm sido muito proveitosos. “Até este momento, todos os produtores que estiveram aqui fecharam a renegociação. Os descontos têm sido satisfatórios e temos visto os produtores saírem da Codevasf felizes com os resultados”, informou. Ainda de acordo com Erasmo, têm sido atendidos, em média, 20 produtores por dia.

Os agricultores dos perímetros públicos de irrigação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) estão sendo beneficiados pela Lei 13.340, que autoriza a renegociação de dívidas de crédito rural de agricultores principalmente do Nordeste e do Norte. Em Pernambuco, produtores do Senador Nilo Coelho e Bebedouro já estão comparecendo à sede da 3ª Superintendência Regional (SR) Companhia, em Petrolina, para fazer a repactuação de suas dívidas.

Contra Reforma da Previdência, lideranças do Sinticope reforçam apoio a audiência sobre tema na Casa Plínio Amorim

Representantes do Sindicato dos Trabalhadores do Comércio de Petrolina (Sintcope) estiveram esta semana no gabinete do vereador Osinaldo Souza (PTB), que solicitou para o próximo dia 10 de março uma audiência pública na Casa Plínio Amorim para discutir pontos da Reforma da Previdência. A exemplo de Osinaldo, os sindicalistas entendem que a proposta “fere direitos” da classe trabalhista do país.

A atual presidente e o vice do Sintcope, respectivamente Dilma Gomes e Sérgio Lacerda, não só respaldaram a iniciativa do vereador como garantiram presença na audiência.

“Da forma como projeto do governo está apresentado, vai impossibilitar a aposentadoria dos trabalhadores. Isso atinge todas as classes! Então viemos conversar como vereador e manifestar nosso desejo de participar da audiência e cobrar que os vereadores fiquem do lado dos trabalhadores nessa luta”, disse Dilma. Osinaldo lembrou que o momento exige a participação da sociedade. “Não adianta ficar nas calçadas reclamando. A população tem que se mobilizar, se organizar e pressionar, porque o projeto tira direitos já adquiridos dos trabalhadores”, avaliou. (foto: Assessoria/divulgação)

Ministro vai ao Araripe discutir geração de energias renováveis e infraestrutura para a região

O ministro das Minas e Energia, Fernando Filho, esteve nesta sexta-feira (24) em Araripina, no Sertão do Araripe, onde debateu sobre a geração de energias renováveis. O Araripe é um dos principais polos do Nordeste neste setor, pois já abriga um importante parque eólico, e há empresas interessadas em aumentar a capacidade produtiva no local. O ministro foi recebido pelo presidente da Câmara de vereadores, Evilásio Mateus, pela deputada estadual Socorro Pimentel e pelo prefeito Raimundo Pimentel (PSL).

“Posso garantir, conhecendo os números do setor como pude conhecer no ministério, que os melhores ventos do Brasil estão no interior do Nordeste: Piauí, Bahia, Ceará e Pernambuco. São ventos que têm constância e ritmo. Esta região tem muito potencial na geração de energia, tanto eólica e solar”, afirmou o ministro.

Segundo Fernando Filho, ao final do primeiro semestre o Ministério das Minas e Energia deve promover um leilão para compra de energia eólica e solar. A expectativa do ministro é que os Estados nordestinos possam figurar como vencedores e maiores beneficiados destes investimentos.

“Além das questões pertinentes à geração de energia, me prontifiquei a ajudar o prefeito para a obtenção de recursos em Brasília”, declarou. Depois do encontro em Araripina, Fernando Filho seguiu para Ipubi, onde conversou com o prefeito Chico Siqueira (PSB) sobre ações de infraestrutura. Durante o exercício do mandato de deputado federal, o ministro destinou mais de R$ 1 milhão para obras no município. “Fernando Filho é um grande parceiro nosso e vem nos ajudando com recursos por meio de suas emendas. Isso é importante para nossa cidade”, salientou o prefeito Chico Siqueira. (Foto: Ascom)

Economia de Petrolina terá incremento de R$ 10 milhões com antecipação de pagamento dos servidores municipais

A economia de Petrolina terá uma injeção de mais de R$ 10 milhões para restante do mês de fevereiro, que coincide com os festejos de Carnaval. O incremento é consequência de uma decisão do prefeito Miguel Coelho, que antecipou nesta sexta-feira (24) o pagamento dos servidores municipais.

Em relação aos servidores da Secretaria de Saúde, também receberam seus vencimentos hoje os estatutários; já os médicos, contratados e comissionados do setor receberão no próximo dia 6 de março.

De acordo com a secretária de Gestão Administrativa, Lucivane Lima, os servidores poderão, ao mesmo tempo, resolver suas pendências financeiras e deixar um pouco para brincar o Carnaval.

Segundo Miguel Coelho, a antecipação foi possível após um esforço conjunto das Secretarias. “Fizemos um esforço significativo para liberar o pagamento antes do Carnaval. Estamos buscando o equilíbrio das contas municipais, mas o servidor é prioridade e autorizamos o pagamento para permitir ao quadro da prefeitura um Carnaval com um pouco mais de tranquilidade”, ressaltou. Vale destacar que essa notícia vai ao encontro das expectativas do comércio durante a folia, conforme divulgado nesta sexta pelo Blog. As informações são da assessoria.

Comerciantes de Petrolina apostam crescimento nas vendas durante Carnaval

Os comerciantes de Petrolina se mostram otimistas com o aumento das vendas de artigos populares durante o período carnavalesco. Segundo a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) local, a confiança do consumidor subiu 2,5 pontos em fevereiro, comparado a janeiro, na série com ajuste sazonal, como aponta um estudo da Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulgado esta semana. Com o resultado, o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) ficou em 81,8 pontos, o maior nível desde dezembro de 2014, quando estava em 86,4 pontos.

O petrolinense vai aproveitar o momento para investir em lazer, aproveitando o feriado para viajar ou mesmo curtir a Folia de Momo na cidade.

O comércio precisa perceber o movimento que o Carnaval atrai. É um dos movimentos mais importantes para o comércio, pois movimenta o turismo, restaurantes e toda a economia da cidade. Precisa ter um planejamento, com a divulgação de programação do evento, para o empresário poder se planejar para investir em produtos. Petrolina precisa aproveitar o momento e atrair as pessoas que ficam na cidade e vão aproveitar a festa”, destacou Valdivo Carvalho, diretor-executivo da CDL.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br