Salgueiro: Exposição comemora 50 anos de sacerdócio do padre Remi de Vettor

 

 

No ano de 1991, a comunidade católica de Salgueiro, no sertão Central,  foi surpreendida de maneira brutal com o assassinato do padre português José Maria de Prada, ocorrido no salão da Paroquial de Santo Antônio, padroeiro da cidade. O crime foi cometido por um ex-sargento da Polícia Militar que teria se vingado porque o religioso não cancelaria seu casamento na igreja, após vários pedidos. O acusado fugiu e jamais chegou a ser detido ou condenado pelo crime.

Em meio ao caso que foi destaque no noticiário nacional, a igreja estava recebendo a chegada de um novo padre que assumiria o posto em julho daquele ano. Na efervescência negativa dos fatos, a população já se juntava ao recém-chegado padre italiano Remigio de Vettor (desde então passou a ser chamado pela comunidade de padre Remi) que encabeçou uma campanha até em seus sermões, ao longo dos anos 90, de combate à violência e tráfico de drogas que dominava o Sertão. (mais…)

Curso de beleza e show de humor marcarão final de semana no Juá Garden Shopping

O Juá Garden Shopping, em Juazeiro (BA), preparou uma programação especial para as mulheres. Neste sábado (1º/04) elas vão poder participar de um curso gratuito com o Instituto Embeleze, no Auditório do shopping. Das 14h às 18h as participantes vão aprender a aplicar joias nas unhas. As interessadas podem se inscrever até às 18h de hoje (31), através do número (74) 3614-8501.

E enquanto as mulheres se embelezam, os homens que adoram ver uma partida de futebol, podem conferir a transmissão de Cruzeiro x Atlético – MG, pelo Campeonato Mineiro, no sábado, às 16h. No domingo será a vez dos torcedores de Flamengo e Fluminense vibrarem com o confronto pelo Campeonato Carioca, também às 16h.

Também no domingo (2),  o shopping o shopping vai receber o show de humor com Carlinhos Maia. A apresentação acontecerá no primeiro piso do shopping, em frente à Drogabel, a partir das 21h.

E para fechar a agenda também tem as opções de diversão no Mundo da Lua e do Mundo da Lua Games, que contam com vários jogos como simuladores, mesas de Air Games, Drifiting, La Bamba, Mini Roda Gigante, Mini Carrossel, Grua e muito mais.

Petrolina recebe projeto Dançando no Sesc

 

No próximo sábado, 1º de abril, o Sesc Petrolina realiza mais uma edição do projeto Dançando no Sesc. Uma noite de muita música, dança e alegria, animada por Pedro Duarte e Linguagem Musical.

O evento acontece a partir das 21h, no salão de eventos da Unidade. Realizado no primeiro sábado de cada mês, o Dançando no Sesc proporciona momentos de lazer, sempre com uma programação especial para os apreciadores da Música Popular Brasileira.

A entrada para comerciário e dependente é de R$ 6 e R$ 12, para o público em geral. O Sesc Petrolina está localizado na rua Dr. Pacífico da Luz, nº 618, Centro.

Prefeitura paga cachês do Carnaval de Petrolina e Maria Elena confirma que fará prestação de contas da festa na Câmara

Cumprindo o que havia sido acordado, a Prefeitura de Petrolina já iniciou o pagamento dos artistas que se apresentaram no carnaval 2017 que aconteceu de 25 a 28 de Fevereiro. O pagamento dos cachês vem sendo efetuado desde quarta-feira (29) e vai contemplar os 34 artistas contratados através da administração municipal.

Segundo a secretária de Cultura, Turismo e Esportes, Maria Elena Alencar, o  pagamento em dia segue uma determinação do prefeito Miguel Coelho (PSB) em respeito aos artistas da região.

“Fizemos um compromisso e estamos cumprindo.  O pagamento já está sendo liberado desde esta quarta-feira e até o fim desta semana todos já deverão ter recebido os devidos cachês”, disse Maria Elena.

A gestora de pasta informou ainda que para concluir o ciclo do carnaval, ela vai agendar em breve uma audiência na Câmara Municipal  onde fará a prestação de contas da festa. (Foto: Ascom)

 

Recursos do Fundeb chegam a municípios pernambucanos

O Ministério da Educação distribui a partir desta quarta-feira, 29, os R$ 48,8 milhões referentes à parcela de março da complementação ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O dinheiro, repassado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), estará nas contas correntes dos estados e municípios beneficiários.

“Antes este valor só seria pago abril de 2018, mas  Como se trata de recursos para complementação do pagamento do salário do professor, que é devido mensalmente, essa prática de pagamento adotada no passado vinha causando sérios transtornos ao caixa dos estados e municípios, que vêm enfrentando dificuldades para honrar o pagamento da folha de salário dos professores”, afirmou o ministro da Educação, Mendonça Filho.

No total foram repassados para todos os nove estados que dependem da complementação do Fundeb  R$ 918,97 milhões. Desses,  R$ 43,93 milhões serão usados para completar o piso do magistério, conforme compromisso assumido pelo governo federal de antecipar os repasses. Até 2015, eles eram feitos somente no ano seguinte. Para 2017, as regras mudaram: os pagamentos serão realizados mensalmente até dezembro, no mesmo período de referência.

As medidas de incentivo aos professores incluem, ainda, o aumento de 7,64% no piso, representando um incremento de 1,35% acima da inflação acumulada em 2016 – de 6,29%, segundo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA). Hoje o piso nacional do magistério é de R$ 2.298,80, para os que cumprem carga horária mínima de 40 horas semanais e que tenham formação em nível médio (modalidade curso normal).

Fundeb

Pela Lei 11.494/2007, que regulamenta o fundo, a União deve repassar a complementação aos entes federados que não alcançam com a própria arrecadação o valor mínimo nacional por aluno, estabelecido anualmente. Atualmente, ele é de R$ 2.875,03. Entre os estados, são nove os atendidos: Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco e Piauí.

O Fundeb é a principal fonte de financiamento da educação básica pública no país, formado por percentuais de diversos tributos e transferências constitucionais. São exemplos, os impostos sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e sobre a Propriedade de Veículos Automot

Livro que retrata a Petrolina das décadas de 40 e 50 será lançado nesta terça

Memórias de fatos, cenários e passagens de uma pequena cidade nas décadas de 40 e 50, sua cultura, folclore e manifestações populares. Este é o ponto de partida definido pela escritora Romilda Ferreira Lima para contar a história da antiga ‘Passagem do Juazeiro’ no livro ‘Petrolina: pessoas simples de passagem por sua história’, que será lançado nesta terça-feira (28) às 19h na Biblioteca do Sesc Petrolina.

A obra, um bem apresentado projeto gráfico com 154 páginas, capa de Randel Toledo Protássio e fotografias de Carlos Laerte e Karoline Andressa de Souza e Silva é a primeira publicação desta petrolinense de 81 anos de idade. Ela já foi ajudante na bodega do seu pai; formou-se em Ciências pela FFPP – Faculdade de Formação de Professores; trabalhou como assistente de parteira; se aposentou em 1995, como técnica do tesouro nacional e com um rico acervo de lembranças transformou sua antiga casa num verdadeiro museu pessoal.

…Os registros de Romilda – que memória individual fabulosa! – estão bem marcados pelo que mais nos representa em nossa formação como pessoas…”, pontua em certo momento do prefácio a escritora, professora e critica literária Elisabet Gonçalves Moreira.  Mais adiante, ela faz uma provocação: “Afinal, qual a identidade de Petrolina? Seria cabível pensar nisso? Bem sabemos que o que faz uma região não é somente seu espaço físico, mas o tempo, a história. E ela está aí, neste livro de Romilda Ferreira Lima, neste viés em que ela, também uma pessoa simples, se posiciona e nos dá a revelar”, arremata Elisabet.

Na noite de lançamento, Romilda Ferreira Lima, além de autografar o livro, vai fazer o que mais gosta: contar histórias, fragmentos interessantes, a exemplo desta passagem que ilustra a contracapa da obra:

“Os transeuntes andavam em ziguezague entre os excrementos deixados pelos animais, de vez em quando um salto para não pisarem nos dejetos… Os animais em pêlo com chocalhos amarrados ao pescoço eram levados ao pasto. Tangidos, de repente um e outro investia numa carreira doida à procura da fêmea, fazia a cobertura. Esta cena comum causava vexame nas mulheres que, às pressas, saiam das ruas murmurando: Cruz-credo, Ave-Maria, isso é comunismo”. (Foto: Divulgação Capa)

 

 

Comunidade católica de Cabrobó prepara-se para encenação da ‘Paixão de Cristo’

Em Cabrobó (PE), no Sertão do São Francisco, a comunidade católica já se prepara para a encenação da peça “A Morte Não é o Fim”, que lembra a trajetória de Jesus Cristo. O evento acontecerá no dia 14 de Abril (Sexta-feira Santa).

Realizada pela Pastoral Juvenil, Paróquia Nossa Senhora da Conceição, Prefeitura Municipal e Secretaria da Mulher, Cultura, Esportes e Lazer, os atores encenarão a peça pelas principais ruas da cidade, saindo da Igreja Matriz, a partir das 19h.

Sesc Triunfo movimenta Fábrica de Criação Popular com obra de Manezinho Araújo

A Fábrica de Criação Popular do Sesc, que fica na cidade de Triunfo, sertão do Pajeú, recebe a exposição “Ladrão de Purezas”, do artista pernambucano Manezinho Araújo. O vernissage acontece nesta sexta-feira (24), às 20h. A mostra apresenta 28 serigrafias produzidas por ele entre as décadas de 60 a 90, que retratam cenas do cotidiano nordestino.

O público pode conferir as obras gratuitamente até o dia 23 de junho, de segunda a sábado, das 9h às 21h. A exposição também está aberta para visitação de grupos de estudantes. O agendamento pode ser feito por meio do telefone: (87) 3846-1341.

Rei da Embolada

Conhecido também como o ‘rei da embolada’ por seu trabalho como músico, Manuel Pereira de Araújo, o Manezinho, nasceu em 1910, no Cabo de Santo Agostinho, mas passou a infância no bairro de Casa Amarela, em Recife. Consolidou-se como um dos mais conceituados artistas brasileiros de estilo popular. Participou de diversos filmes brasileiros.

Atuou como jornalista escrevendo a coluna Rua do Pimenta, para a Revista do Rádio. Manezinho passou a se dedicar a pintura no início da década de 1960, retratando em suas telas cenas da infância, juventude e vida adulta. As tradições nordestinas também estão presentes em muitas de suas obras. (Foto: Ilustração/Divulgação)

Público prestigia abertura da Festa de Março em Bodocó

Com o tema Claranã: pedras que contam histórias, a Festa de Março de Bodocó foi aberta na noite dessa quinta-feira (23) com cerca de 10 mil pessoas O evento aconteceu com a Budega do Forró, onde se apresentaram Elmo Oliveira e Cosmo Sanfoneiro fazendo o autêntico forró pé de serra. O artista bodocoense Leninho abriu a programação do palco principal. Ainda teve o cantor Gabriel Diniz que levou o público ao delírio, cantando seus sucessos.  Jonas Esticado agitou o público e encerrou a noite com o show que vem conquistando multidões em todo Nordeste.

O evento é realizado pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Cultura e segue até o domingo (26) com uma diversificada programação, que além do palco principal, inclui Tarde Cultural e Budega do Forró, Até o domingo (26) se apresentam diversas atrações, como: Luan Estilizado, Psrico, Zezo e Zeca Bota Bom que compõem o palco principal. (Foto: Ascom)

Vídeo Blog: Entrevista exclusiva com o prefeito Miguel Coelho

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br