Taxistas apresentam demandas à AMMPLA

Fiscalização e sinalização, projeto de cobertura de pontos e clandestinidade. Essas foram algumas demandas apresentadas, nesta sexta-feira (20), durante reunião entre representantes dos taxistas e o diretor-presidente da Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA), Geraldo Miranda. No encontro também foram discutidas as especulações em relação á chegada do serviço do Uber no município.

O presidente do Sindicato dos Taxistas, Jailson Santos, ressaltou a necessidade desse primeiro contato para apresentar as demandas da categoria e, a partir de agora, trabalhar junto com o órgão. “Já estivemos reunidos com o prefeito Miguel Coelho, que já sinalizou o apoio à categoria. Vamos trabalhar para conseguir cobertura, sinalização e a conscientização para que cada seguimento respeite o seu espaço”, frisou.

A direção da AMMPLA reforçou a disponibilidade de conversar com todos os seguimentos que fazem parte do trânsito e transporte do município, para que juntos possam discutir e resolver as demandas de cada categoria. “Recebemos a missão do prefeito Miguel Coelho de fazer Petrolina uma cidade de primeiro mundo como já foi no passado, em termos de trânsito e mobilidade. Vamos manter diálogos com todos que possam colaborar com essa missão”, ressaltou Geraldo Miranda.

Após mobilização, Companhia de Trânsito de Juazeiro ouve reivindicações de taxistas

Após uma mobilização realizada no final do ano passado por melhores condições de trabalho, os taxistas de Juazeiro (BA) ouviram respostas positivas do novo diretor da Companhia de Segurança, Trânsito e Transportes (CSTT), Damião Medrado. Nesta sexta-feira (20), Medrado e o gerente de Transportes, Francisco Paulo, se reuniram com representantes da Associação dos Taxistas de Juazeiro (Astáxi) para discutir algumas demandas da categoria.

Entre as reivindicações levadas ao novo diretor da CSTT, as principais foram: reformulação da Lei que regulamenta a categoria; um projeto para colocar cobertura nos pontos de táxi da cidade; e a solicitação de que o Conselho Municipal de Trânsito analise o requerimento que solicita o aumento da tarifa de táxi, que está ‘congelada’ há três anos.

Os representantes da Astáxi também solicitaram que Damião peça ao Desenbahia a instalação de um preposto da agência em Juazeiro, para atender toda a região norte do Estado. “Por ter uma relação próxima com o presidente do Desenbahia, Otto Alencar Filho, farei essa solicitação e tenho certeza que ele será sensível ao nosso pedido“, ressaltou Damião, que recebeu os agradecimentos do diretor da Astáxi, José Sérgio Leandro Pereira. (foto/divulgação)

Leitora reforça crítica contra ‘privatização’ de calçada na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio

Ocupações indevidas de calçadas e outros espaços públicos em Petrolina têm sido motivos constantes de reclamações por parte de cidadãos mais atentos ao seu direito de ir e vir. Quem reforça a crítica, agora, é a leitora Alyssandra Fernandes, que contestou a ‘privatização’ de uma calçada, pela diretoria de uma faculdade, na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio.

Alyssandra não pensou duas vezes em publicar seu desabafo pelas redes sociais:

Eu me proponho em perguntar aos cidadãos de Petrolina se eles acham correto uma Faculdade impor que a calçada que pertence ao Município se sujeite a isso. Local exclusivo para a Diretoria…Calçada da Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio.

Os bens públicos não são propriedade de ninguém em específico e sim de toda a comunidade, por isto se chamam “Bens Públicos”. Artigo 99, I, CC.

O que a lei diz: “Os passeios públicos ou calçadas integram o sistema viário ao longo das vias de rolamento, devendo ser reservados prioritariamente aos pedestres, sendo obrigatória a sua construção em toda(s) a(s) testada(s) do(s) terreno(s), edificado ou não, localizado(s) em logradouro(s) provido(s) de meio-fio e pavimentação, garantindo acessibilidade e segurança […]” Lei 16.890/2003.

Alyssandra Fernandes/Leitora

Totem colocado em calçada no Centro de Petrolina bloqueia passagem de pedestres

Obstáculos à mobilidade de transeuntes em Petrolina não são raros. Um bom exemplo, a olhos vistos, pode ser conferido na Rua Dr.Júlio de Melo, Centro da cidade.

Um totem de um estabelecimento comercial, ocupando um terço do passeio, impede o direito constitucional de ir e vir das pessoas, especialmente aquelas com necessidades especiais (cadeirantes ou cegos). O desabafo foi registrado pelo arquiteto Cosme Cavalcanti, em sua página no Facebook.

AMMPLA inicia processo de vistorias em veículos de Petrolina

A Autarquia Municipal de Mobilidade Urbana de Petrolina (AMMPLA) iniciou este mês a vistoria nos veículos de transporte complementar, escolar, táxi, mototáxi, de fretamento e de turismo que trafegam na cidade.

O órgão alerta para os prazos, já que a vistoria difere de acordo com o tipo de transporte. Em duas categorias a vistoria acontecerá em três etapas, por conta de alguns veículos terem mais de dez anos. Uma delas e a do transporte complementar, táxis, e de fretamento e turismo, que segue até o dia 15 de abril; A segunda vistoria será de 15 de junho a 15 de julho; Já a terceira vai de 15 de outubro até 15 de novembro.

A outra é a categoria escolar: A primeira vistoria ocorre 15 de março, 15 de junho a 15 de julho e finaliza de 15 de outubro até 15 de novembro.

Já os mototaxistas terão até o dia 31 de maio para realizar esse processo.

Os responsáveis pelos veículos devem comparecer à sede da AMMPLA, localizada na Avenida da Integração, Bairro Caminho do Sol (n° 1202), das 7h às 13h, para pagamento das taxas. Quando estiverem de posse da autorização, podem se dirigir até o Sest/Senat, no Bairro KM 2, para fazer as vistorias. Os motoristas que não realizarem o procedimento poderão pagar multas e ter o automóvel apreendido.

Documentação

Os condutores devem apresentar os seguintes documentos: cópias dos documentos pessoais, comprovante de residência, Certificado de Registro de Veículo (CRV), certidão negativa de antecedentes criminais dos estados da Bahia e Pernambuco, certidão de ‘Nada Consta’ na habilitação e a comprovação de cursos de especialização. A AMMPLA poderá requisitar outros documentos, dependendo da categoria do veículo.  As informações são da assessoria. (foto/divulgação)

Combate a mototaxistas clandestinos será intensificado a partir desta semana em Juazeiro

Reivindicação antiga dos mototaxistas regularizados de Juazeiro (BA), o combate aos clandestinos será intensificado a partir desta semana. A informação é do novo presidente da Companhia de Segurança, Trânsito e transportes (CSTT), Damião medrado.

Durante uma reunião realizada hoje (16) com representantes da categoria, o gerente de transporte, Francisco Paulo, o assessor jurídico Carlos Requião e o vereador Tiano Félix, Medrado explicou que já está analisando medidas para combater o transporte clandestino em Juazeiro e disse que, para intensificar a fiscalização, já encaminhou para licitação o pedido de viaturas ao setor de trânsito e ao de transportes (duas para cada).

O diretor-presidente da CSTT afirmou ainda que nesta quinta-feira (19) quinze fiscais de trânsito, cinco fiscais de transportes e nove guardas civis municipais serão empossados. Esse novo efetivo irá reforçar a fiscalização contra os clandestinos. (foto/arquivo Blog)

Enquanto em Petrolina reajuste da passagem de ônibus segue sem previsão, no Recife já é motivo de protesto

Enquanto em Petrolina o reajuste das tarifas de ônibus aprovado pelo Conselho Municipal de Mobilidade no final do ano passado ainda não tem data para vigorar, na capital Recife (PE) as passagens ficarão 14% mais caras.

Com o reajuste aprovado pelo Governo do Estado, as viagens mais curtas passarão a custar R$ 3,20 e as mais longas, R$ 4,40. Em algumas linhas o preço será intermediário: R$ 3,85. A medida já está provocando manifestações dos usuários do transporte coletivo, que saíram às ruas do Recife para protestar.

O reajuste, no entanto, segue a tendência de outras capitais como Salvador (BA), Teresina (PI) e Belo Horizonte (MG) e entrará em vigor após homologação pela Agência Reguladora de Pernambuco (Arpe).

Palco de “constantes acidentes”, acesso às barquinhas em Juazeiro deverá passar por reestruturação, garante prefeitura

Não é de hoje que o acesso às barquinhas, na Orla de Juazeiro (BA), é alvo de reclamações. Na tarde desta quinta-feira (12), uma mulher ficou ferida após escorregar e cair. Ela ficou com ferimentos na boca e machucou parte do rosto, além de sofrer arranhões nos braços. Socorrida por populares, a mulher foi encaminhada à uma unidade de saúde. (mais…)

AMMPLA e Detran-PE firmam convênio para Petrolina voltar a ser referência no trânsito em Pernambuco

Uma parceria importante foi firmada entre a Prefeitura de Petrolina e o Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE). O convênio foi discutido nesta quarta-feira, 11, em audiência do prefeito Miguel Coelho (PSB) com o presidente do órgão, Charles Ribeiro, tendo a presença do diretor-presidente da Autarquia Municipal de Mobilidade e Trânsito de Petrolina (AMMPLA), Geraldo Miranda. A integração dos órgãos visa, principalmente, à capacitação dos agentes, destinação de equipamentos e implantação de programa de educação no trânsito.

Segundo Geraldo Miranda, alguns serviços do órgão estão parados porque falta melhor preparo dos agentes para realizar o trabalho, como o de vistoria de veículos. “Nosso pátio está lotado porque dependemos dessa melhor preparação. São 90 dias parados sem essa fiscalização. Com esse convênio, faremos capacitação de rotina com os servidores do nosso quadro para agilizar o serviço”, relatou Geraldo.

Para diminuir o número de acidentes, salvando vidas e reduzindo os custos com a saúde pública, foram discutidas ações de educação para o trânsito, com foco em motocicletas. O município conta com uma frota de 131.317 veículos, sendo que 51.068 são motos. Geraldo informa que alguns equipamentos também foram reivindicados durante a reunião, a exemplo de bafômetros. “Com isso, a gente pode intensificar a fiscalização e coibir o uso de bebidas alcoólicas por condutores de veículos”, frisou.

Animado com os resultados da reunião, Geraldo acredita que a parceria AMMPLA e Detran-PE possibilitará um disciplinamento melhor e um trânsito mais seguro para os petrolinenes. “Já fomos modelo para todo o Estado e queremos retomar esse estatus por meio desse trabalho com o Detran”, comentou.

Prefeito Miguel Coelho admite possibilidade de ‘congelar’ tarifa de ônibus em Petrolina até solução definitiva

Enquanto na Região Metropolitana do Recife (RMR) o novo reajuste tarifário do transporte coletivo passará a vigorar a partir de amanhã (6), em Petrolina o assunto ainda deve render polêmica. O ponto-chave é um projeto de lei de autoria do então vereador Geraldo da Acerola (PT), aprovado na última legislatura, o qual garante a permanência da função de cobrador de ônibus. O recém-empossado prefeito Miguel Coelho (PSB) voltou a se mostrar veementemente contrário à proposta por esta não ter valor jurídico, já que foi considerada inconstitucional pela própria assessoria da Casa Plínio Amorim.

A questão é que representantes das empresas de ônibus alegam que a manutenção dos cobradores implica numa oneração da tarifa. Mas o prefeito, mesmo sendo contrário ao projeto, também quer evitar que isso aconteça.

Na coletiva de imprensa que concedeu após a transmissão de cargo, no último domingo (1), Miguel disse que vai atuar nessas duas frentes. Primeiro, disse que quer encontrar uma solução para evitar que os cobradores de ônibus na cidade percam o emprego. Mas deixou claro que a solução a ser encontrada “não poder ser à meia-boca”.

Já sobre o reajuste na tarifa, Miguel disse que uma das missões do grupo de trabalho que criou este mês é de ver a possibilidade de congelar a tarifa, que atualmente é de R$ 3,20 e pode passar para R$ 3,85. “Iremos analisar as condições do sistema de transporte público de Petrolina, para podermos dar uma solução permanente”, finalizou.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br