Prestes a assumir PP em Petrolina, Coronel Leite pavimenta candidatura a estadual e vê legenda definindo eleições para governador

8

O Coronel Heitor Leite conseguiu fazer a travessia entre dois governos municipais de lados opostos, ocupando duas Pastas relevantes. Esteve à frente da Secretaria de Educação, na gestão do ex-prefeito Julio Lossio (REDE), e ficou um ano e dois meses no comando da Secretaria de Infraestrutura, Habitação e Mobilidade, com o atual Miguel Coelho (PSB). Apesar de dizer que não é um político de formação, mas de ter sido atraído para a política devido às missões que desempenhava na cidade, Coronel Leite sentiu que o momento de alçar voos mais altos seria agora.

Ele já tinha sido especulado, ainda com Lossio, como um dos nomes da equipe do ex-prefeito para ser o candidato a sucedê-lo. A indicação acabou saindo para Edinaldo Lima. Ao se aproximar do grupo do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), a quem conhece de longa data e fortaleceu a relação de amizade desde 2004, quando foi comandante do 72º Batalhão de Infantaria Motorizado (72º BIMtz), Coronel Leite acabou sendo convidado para integrar a equipe de Miguel. Não demorou muito para ter seu nome ventilado como um dos possíveis pré-candidatos do grupo a deputado estadual.

Ao Blog, o ex-secretário disse ter se sentido “instado” por amigos e conhecidos a buscar um novo desafio. Deixando claro que sua decisão não tem nada a ver com possíveis insatisfações no atual governo, ele afirmou sair realizado por ter cumprido, nesse período, “o que foi possível fazer” – a exemplo dos clubes de bairro, a ciclovia e pavimentações asfálticas.  O “novo desafio” de Coronel Leite chama-se, agora, Partido Progressista (PP).

É por esta legenda, presidida em Pernambuco pelo deputado federal Eduardo da Fonte, que Coronel Leite vai em busca de uma vaga à Assembleia Legislativa (Alepe). “Recebi do presidente Eduardo da Fonte a missão de criar o diretório, instalá-lo, e ocupar o Sertão do São Francisco, praticamente a única região onde o partido ainda não estendeu seus tentáculos no Estado. E o PP hoje é uma grande força política, ocupa uma posição de destaque, tem o deputado mais votado no âmbito federal e estadual”, frisou.

Coronel Leite ressaltou que nunca considerou como forte a chance de receber apoio do senador para seu projeto, até pela quantidade de aliados à espera do apoio de FBC. Mas considera perfeitamente natural que um grupo político tenha seus apadrinhados. Por isso, após muita reflexão, estudou as opções e encontrou o PP como seu melhor caminho.

Otimismo

Otimista, Coronel Leite diz acreditar que tem boas chances de êxito nas eleições deste ano. “Acredito que o momento nos proporciona uma possibilidade muito forte de ganhar. É um momento em que a sociedade está ansiosa por mudanças e nós nos colocamos com uma história de vida, de muito trabalho. Acredito que a gente possa fazer, sim, muito pelo Estado de Pernambuco, buscando uma característica que sempre defendo: de ir a campo para conhecer o problema e, em cima disso, trabalhar nele, e não ficar na sala, lendo as notícias e propagando nos meios de comunicação o que faz. Tenho a prática de ir a campo, minha vida toda foi essa. Foi assim como secretário de Educação, de Infraestrutura”, ponderou, acrescentando que priorizará o Sertão, sem esquecer todo o Estado.

Após fazer parte de grupos distintos, Coronel Leite deverá reforçar o palanque do governador Paulo Câmara (PSB), em seu projeto à reeleição, já que o PP é uma das legendas mais fortes da base do socialista. Sobre esse assunto ele diz não ver problemas, uma vez que Câmara é adversário, atualmente, dos dois grupos dos quais Coronel Leite já marchou. “Eu coloco o servir, o bem comum, acima de qualquer questão. Claro que teremos de fazer contrapontos em algumas posições, mas sempre com muito respeito, defendendo ideias e afastando questões pessoais”, afirmou.

Ele adianta ainda que o grupo está mantendo contato com outras cidades no Estado e fechando detalhes, no Recife, acerca das filiações e pré-candidaturas. Só depois dessas etapas será feita uma avaliação sobre chapa proporcional. “O partido tem feito bons candidatos, com boas votações em eleições anteriores. E deveremos ampliar muito agora. Nosso grupo está forte, com candidaturas muito fortes, e deveremos ter uma boa votação, ampliando a margem anterior”, avalia.

Coronel Leite disse que o PP ainda analisa o percentual de votação que ele necessita para garantir vaga na Alepe. Mas ressalta que no pleito passado, o partido fez de três a quatro deputados com pouco mais de 20 mil votos. “Acho que nosso grupo definirá o governo do Estado, para o lado que pendermos”, pontuou.

8 COMENTÁRIOS

  1. Este rapaz abandonou Lossio, quando foi preterido por Ednaldo, então traiu Lossio, pensando que teria vez com FBC, no novo grupo foi descartado, e agora sonha em ser Deputado, ilusão politica é pior que amorosa, já dizia Miguel Arraes.

  2. CORONEL A MELHOR COISA QUE O SENHOR FEZ FOI SE AFASTAR DO GRUPO COELHO, NÃO SEI QUAL O MOTIVO O SENHOR NAO SE FALA EM RACHA COM O COELHO, MAS ISSO DEVERIA SER EVIDENCIADO POIS SENAO O SENHOR PERDE MUITO VOTO, SE ESTIVER DO LADO DO SENADOR. COM CERTEZA TERA MEU CASO ESTEJA ROMPIDO COM O SENADOR E O SEU GRUPO.

  3. O PP lembra Maluf. Eduardo da Fonte, além de ter sido o deputado mais votado de PE, tem o seu nome cravado na relação dos investigados na Lava Jato. Ou seja: Nada de novo. Quanto ao pretendente Leite, deveria, na qualidade de integrante da Instituição Reserva moral da sociedade, o EB, procurar um partido que não fosse comandado por alvos da Lava Jato, a operação mãos limpas brasileira.

  4. Finalmente alguém para votar.

    Pessoa com currículo e prática, que segue não só o problema, mas também a solução.

    Que outro secretário de educação visitou todas as unidades escolares??

    Excelente candidato! Já tem meu voto.

    Esse vai fazer por petrolina e pernambuco. Repito: POR PETROLINA E PERNAMBUCO.

  5. Excelente pessoa, dedicada, honesto e comprometido com as causas sociais, tem muito potencial, Petrolina-PE, vai ter oportunidade de escolher o mais preparado e honesto, coisa rara,por aqui…

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome