Presidente da Juazeirense vai entrar com representação contra árbitro que marcou pênalti duvidoso para o Vasco

3
Deputado Roberto Carlos, presidente da Juazeirnese, durante coletiva de imprensa. (Foto: Divulgação)

O deputado estadual e presidente da desportiva Juazeirense, Roberto Carlos (PDT), não engoliu o empate e consequente eliminação da Copa do Brasil e disse que vai acionar a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) contra o árbitro paranaense Rafael Traci, que marcou um pênalti duvidoso aos 46 minutos do segundo tempo para o Vasco, que empatou a partida e levou a melhor.

Vamos representar contra esse árbitro“, afirma Roberto Carlos, em entrevista à Rádio Jornal. “Claro que isso não vai dar em nada, mas ficará o registro negativo na imagem do senhor Rafael”, completou o presidente da Juazeirnese.

Após a eliminação da Copa do Brasil, a Juazeirense volta suas atenções para o Campeonato Baiano. O Cancão de Fogo ainda não venceu na competição. O próximo desafio será contra o Jacuipense, neste domingo (10), às 16h, no Valfredão, em Riachão do Jacuípe, pela 5ª rodada do estadual.

3 COMENTÁRIOS

  1. Sabe nem o que fala, derrota? O jogo foi empate kkkkk e outra coisa deixa de querer botar um time de futebol como cabo eleitoral , vai trabalhar para tentar fazer alguma coisa por aqueles que te depositaram um voto.

  2. Nosso País, só vivi de corrupção, meteram a mão sim no Juazeirense, esse timinho medíocre chamo vascaido, que só vivi mais na segunda divisão, vem se achando para o interior pensando que vai pegar moleza e se lasca. O juiz ladrão roubou sim.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome