Merendeiras de escolas da rede estadual vão deliberar em assembleia possível paralisação geral

1

As merendeiras que atuam nas escolas da rede estadual em Petrolina, Lagoa Grande, Santa Maria da Boa Vista, Orocó, Cabrobó, Afrânio e Dormentes – todas no Sertão do São Francisco – estão sendo convocadas para uma assembleia geral extraordinária pelo sindicato da categoria, o Siemaco-PE. O encontro acontecerá nesta sexta-feira (15), em frente à Gerência Regional de Educação (GRE)/Médio São Francisco, na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, às 8h.

De acordo com o presidente da entidade, João Soares (foto), a pauta a ser deliberada é a possibilidade de uma paralisação geral das merendeiras, até que sejam pagos os salários referentes a maio, junho, julho e agosto por parte do Governo de Pernambuco. O Siemaco-PE também reivindica a regularização da nova empresa terceirizada, responsável pelo pagamento das profissionais. (Foto: Marco Aurélio)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome