Depois das vaias, Fernando Monteiro defende Paulo Câmara: “Há ainda muito a se fazer”

3

As vaias que o o governador Paulo Câmara (PSB) e sua equipe levaram em Carpina, na noite deste sábado (23) foram constrangedoras.

O deputado federal Fernando Monteiro (PP) se posicionou sobre o assunto.

Para Monteiro, as vaias não podem ser lidas como uma manifestação contra ninguém em particular.

“Foram vaias para a política. O problema não é a vaia em si, normal em qualquer democracia. Grandes líderes já enfrentaram isso em algum momento de suas vidas. O que me preocupa, neste momento particular do nosso país, é que ela expressa a grave crise de representatividade que atravessamos, e isso atinge todas as esferas (Legislativo, Executivo e Judiciário). Nós, homens públicos, precisamos dar as respostas que a população exige. Uma ação isolada em tempo de período eleitoral faz parte do processo democrático, mas não apaga tudo que vem sendo feito. E há ainda muito a se fazer”.

3 COMENTÁRIOS

  1. Vaia para vossa excelência também. Político como você, que vê o que acontece no país e é conivente com a situação, não merecem a reeleição.
    A sorte no entanto, é que o povo vota mal.
    Tem mandato atual, vai pra casa em férias.
    Não vamos reeleger, quem aí está.

  2. A população em massa deve tomar esse tipo de atitude com todos politicos sem excessão. Nao existe essa de partido A,B.ou C ideologias e coisas do genero. A finalidade é uma só: viver as custas dos tributos da nação esbanjando poder e massacrar a nação.
    Tá mais do que na hora do Brasileiro se acordar pra realidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome