Conuni da Univasf homologa candidaturas de inscritos à lista tríplice para cargos de reitor e vice da Univasf

2
Foto: Ascom Univasf/divulgação

O Conselho Universitário (Conuni) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) aprovou na tarde de ontem (22) as candidaturas realizadas junto ao órgão, visando à elaboração da lista tríplice aos cargos de reitor e vice-reitor para o quadriênio 2020-2024. Com a homologação das inscrições concorrem à lista de reitor os professores Telio Nobre Leite, Ricardo Santana de Lima, Michelle Cristini Araújo Vieira, Luís Alberto Valotta e Jorge Luís Cavalcanti Ramos, e à vice-reitoria as professoras Lucia Marisy de Souza Ribeiro, Adriana Moreno Costa Silva, os professores Marcelo Silva de Souza Ribeiro, José Jaime Freitas Macedo e Ferdinando Oliveira Carvalho.

A definição dos nomes, entre os inscritos, para elaboração das respectivas listas pelo Conuni a serem encaminhadas ao Ministério da Educação (MEC) ocorrerá na próxima sexta-feira (29) em sessão extraordinária do órgão e votação uninominal. Cada membro do Conuni poderá votar em um único candidato para reitor e vice-reitor.

A elaboração das listas tríplices para escolha dos dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (IFEs) compete aos Conselhos Superiores destas instituições. Na Univasf, o Conuni é formado por 72 membros, representantes dos docentes, técnicos e discentes, e um membro da comunidade externa.

O processo eleitoral ao próximo Reitorado, ainda em curso, engloba duas etapas. A primeira deu-se junto à comunidade acadêmica, através de consulta informal na qual os professores Telio Leite e Lucia Marisy, candidatos a reitor e vice, respectivamente, conquistaram a primeira colocação com 56,11% dos votos. Na sequência vieram os candidatos Jorge Cavalcanti e Ferdinando Carvalho, com 34,7%; Virgínia Passos e José Américo Moura, com 6,25%; e Luis Alberto Valotta e José Jaime Macedo, com 2,94%. A consulta à comunidade foi realizada no último dia 5 de novembro.

Legislação

Conforme a legislação vigente, o resultado da consulta informal não é vinculante à votação no Conuni para a elaboração das listas tríplices, o que possibilitou a entrada de novas candidaturas, mediante inscrição junto ao órgão, entre os dias 12 e 18 deste mês. Uma das candidaturas foi objeto de pedido de impugnação por um dos conselheiros, o que levou à decisão do mérito para o Conuni, que aprovou por maioria o deferimento da inscrição. O processo foi relatado pela Presidência do órgão, exercida pelo reitor Julianeli Tolentino.

A reunião contou com a participação dos membros do Colégio de Consultoria de Petrolina (AGU)/PGF, Juliana Braz, Caroline Perazzo, Lectícia de Alcântara e Ivanise Pereira, que se colocaram à disposição dos conselheiros para esclarecimentos acerca da legislação para escolha de dirigentes das IFEs e sobre os procedimentos necessários ao processo das respectivas candidaturas na Univasf.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome